Dia: 2 de março de 2020

Uma aposta da QUINA saiu para CONDEÚBA/BA., o felizardo vai receber a bagatela de R$ 1.439.942,66

 

A QUINA concurso nº 5208 fechou a semana premiando três apostas diferentes na noite de sábado (29/2), os números sorteados foram 33 – 44 – 45 – 77 e 78, os ganhadores na quina foram três, cada um receberá a quantia de R$ 1.439.942,66.  As cidades premiadas foram: CONDEÚBA (BA), Minaçu (GO) e Recife (PE).

O ganhador de Condeúba ainda não se manifestou e possivelmente não se manifestará, por questões de segurança, há muitas resenhas sobre o possível ganhador que seria uma pessoa extremamente humilde, mas nado de concreto.

O felizardo fez sua aposta simples na única lotérica da cidade. “Loterias Trevo da Sorte”, que fica no centro da cidade. Condeúba é um município com um pouco mais de 18 mil habitantes, está localizado na divisa do Estado de Minas Gerais, faz fronteira com o município mineiro de São João do Paraíso.

Bom Jesus da Lapa: Corredor condeubense Gilberto “Beto”, conquista o 1º lugar no pódio

Aconteceu neste domingo dia 1º de março de 2020, a “IV Corrida Maerlon Coach”, na cidade de Bom Jesus da Lapa, onde o corredor condeubense Gilberto popular “Beto” conquistou o pódio em 1º lugar na categoria 35 a 39 anos. “Beto” declara, “agradeço aos meus patrocinadores Posto Condeúba, Marcenaria Condeúba, Mercadotica, Moveis Silva e Posto Ringo. Além do Jornal Folha de Condeúba que tem me dado o suporte noticiário”, disse “Beto”.

Às 8 horas desta segunda você já pode entregar sua declaração

Se você é dessas pessoas que se planejam para enfrentar as burocracias da vida brasileira e quer estar sempre à frente dos seus pares saiba que, às 08h, da manhã desta segunda-feira 02, já pode enviar a sua declaração do Imposto de Renda (IR) 2020 ano calendário 2019. Mas, se você não pensa dessa maneira, fique tranquilo: o prazo de entrega termina às 23h59, do próximo dia 30 de abril. Mas atenção: cuidado para não cair na malha fina. Este ano, ela sai 24 horas após a entrega.

Uma outra boa dica: Fique atento à algumas mudanças deste ano como a necessidade de maior detalhamento dos bens. Agora se faz necessário incluir informações detalhadas sobre aquisições de imóveis, veículos, aeronaves e etc. Como, por exemplo, área total do imóvel; registro de inscrição no órgão público e registro no cartório de imóveis; número do Renavam ao registrar o veículo, número do chassi, entre outras informações.

Outra mudança importante na declaração deste ano do Imposto de Renda foi a não dedução do INSS patronal pago dos empregados domésticos. Com essa mudança, o contribuinte que se encaixa nesse perfil poderá deixar de restituir até R$ 1.251,00 anual ao registrar um empregado doméstico. A multa para atraso ou não entrega da declaração é de, no mínimo, R$ 165,70, podendo chegar a 20% do imposto devido corrigido com juros.

“Por isso, para não correr riscos, é fundamental solicitar ajuda de especialistas em contabilidade para análise documental e dados financeiros para preenchimento correto das informações solicitadas pela receita”, orientam os especialistas. A lei define, também, a restituição prioritariamente a idosos, pessoas com deficiência e professores no primeiro lote. Continue lendo

Justiça Mais de 700 mil baianos tiveram títulos de eleitor cancelados

Até o próximo dia 6 de maio, o eleitor precisa estar com a situação regular na Justiça Eleitoral (JE) para poder votar nas eleições municipais de 2020. De acordo com informações do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), existem 799.076 eleitores baianos em situação irregular, com seus títulos cancelados.

Mais de 800 mil eleitores baianos ainda não fizeram o recadastramento biométrico, que é obrigatório. A falta do recadastramento causa o cancelamento dos títulos e também fica impedido de votar este ano.

Quem ficou três vezes consecutivos sem votar nas eleições ou ficou sem justificar a ausência às urnas, também fica irregular com a Justiça Eleitoral, com o título cancelado. Cada turno de um pleito é considerado uma eleição diferente

O eleitor deve evitar o cancelamento do título e normalizar a situação no cartório ou posto eleitoral. O cidadão pode consultar a sua situação no Portal do TRE-BA na internet.

TSE inicia quinta-feira a janela partidária para quem vai disputar eleições em 2020

Foto: Reprodução / TSE.jus

O Tribunal Superior Eleitoral da início na próxima quinta-feira (5), para que os vereadores que pretendem disputar a reeleição ou a prefeitura de sua cidade possam mudar de partido sem sofrerem nenhuma punição da legenda. O prazo da acaba no dia 3 de abril, seis meses antes do pleito. O primeiro turno será realizado em 4 de outubro e o segundo turno no dia 25 do mesmo mês.

Segundo o calendário eleitoral, elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), órgão responsável pela organização das eleições, o prazo é considerado para a justa causa necessária para a mudança partidária dos detentores do cargo de vereador que queiram concorrer às eleições majoritárias (prefeitura) ou proporcionais (reeleição). Ao trocarem de partido, os parlamentares buscam mais recursos e apoio político para as campanhas.

“Data a partir da qual, até 3 de abril de 2020, considera-se justa causa a mudança de partido pelos detentores do cargo de vereador para concorrer a eleição majoritária ou proporcional (Lei nº 9.096/1995, art. 22-A, III)”, diz a lei eleitoral.

Além dessa data, o calendário eleitoral tem outros prazos que devem ser seguidas pelos candidatos e partidos que vão disputar o pleito. No mês de abril, no dia 4, todos os partidos que pretendem disputar as eleições devem estar com registro aprovado pelo TSE.

“Data até a qual todos os partidos políticos que pretendam participar das eleições de 2020 devem ter obtido registro de seus estatutos no Tribunal Superior Eleitoral (Lei nº 9.504/1997, art. 4º)”, anuncia.

No mesmo mês, o tribunal vai lançar uma campanha nas emissoras de rádio e televisão para incentivar a participação das mulheres nas eleições e esclarecer o eleitor sobre o funcionamento do sistema eleitoral.

Em 1º de abril “até 30 de julho de 2020, o Tribunal Superior Eleitoral promoverá, em até 5 (cinco) minutos diários, contínuos ou não, requisitados às emissoras de rádio e de televisão, propaganda institucional destinada a incentivar a participação feminina, dos jovens e da comunidade negra na política, bem como a esclarecer os cidadãos sobre as regras e o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro (Lei nº 9.504/1997, art. 93-A)”, diz.

No dia 16 de junho, a Corte deve divulgar o valor corrigido do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), criado pelo Congresso. Conforme o orçamento da União, R$ 2 bilhões estão previstos para o fundo.”Data na qual o Tribunal Superior Eleitoral divulgará o montante de recursos disponíveis no Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), observado o recebimento, pelo TSE, da descentralização da dotação orçamentária, até o primeiro dia útil do mês de junho do ano eleitoral”, explica.

Em julho, os partidos estão autorizados a promover as convenções internas para escolha de seus candidatos, que deverão ter os registros das candidaturas apresentados à Justiça Eleitoral até 15 de agosto.”Data a partir da qual, até 5 de agosto de 2020, é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e a escolher candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador (Lei nº 9.504/1997, art. 8º, caput)”, diz a lei.

No dia seguinte, a propaganda eleitoral está autorizada nas ruas e na internet até 3 de outubro, dia anterior ao primeiro turno.

Em setembro, a partir do dia 19, nenhum candidato poderá ser preso, salvo em flagrante. No caso dos eleitores, a legislação eleitoral também proíbe a prisão nos dias próximos ao pleito. No dia 29, eleitores só podem ser presos em flagrante.”Data a partir da qual nenhum candidato poderá ser detido ou preso, salvo em flagrante delito (Código Eleitoral, art. 236, § 1º)”, diz.

A diplomação dos prefeitos e vices, além dos vereadores eleitos, deve ocorrer até 19 de dezembro.

Adolescente é suspeito de matar o pai com tiro acidental dentro de casa no sul da Bahia

Um adolescente de 15 anos é suspeito de ter matado o pai com um tiro acidental dentro de casa, em um distrito de Alcobaça, no sul da Bahia. O crime aconteceu no sábado (29). De acordo com a polícia, o cunhado do menor informou que o suspeito chegou em casa dizendo que manuseava uma espingarda de fabricação caseira quando ela disparou e acertou o pai, identificado como Deolino Alves de Sena.

O caso aconteceu na Rua João Feliciano, no bairro Zezinho, distrito de São José de Alcobaça. Segundo o cunhado do suspeito, em depoimento à polícia, o adolescente sofre de depressão e toma remédio para controlar o estado de saúde. Ainda de acordo com a polícia de Alcobaça, o menor ficou calado na delegacia e não respondeu às perguntas dos policiais. O conselho tutelar acompanhou a ocorrência.

Segundo a polícia, todos os depoimentos foram colhidos, e as guias de remoção e a espingarda foram encaminhadas para a delegacia de Alcobaça. Diante das circunstâncias do provável acidente, o adolescente não foi apreendido e está sob a responsabilidade do conselho tutelar do município. As informações são do G1.

WhatsApp chat