MP suspende obrigatoriedade de mínimo de 200 dias letivos

Medida visa compensar suspensão de aulas determinada pelo combate ao coronavírus e vale para escolas e universidades
O governo federal suspendeu a obrigatoriedade de escolas e universidades cumprirem a quantidade mínima de dias letivos neste ano. Medida provisória neste sentido foi assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, informa o G1. A carga horária mínima foi mantida. A MP visa compensar a suspensão de aulas determinada pela estratégia de isolamento/distanciamento social visando o combate ao avanço do novo coronavírus. As informações são do G1.

Pela legislação, a carga horária anual deve ser de pelo menos 800 horas para o Ensino Fundamental e para o Médio, distribuídas em pelo menos 200 dias letivos. No caso do Ensino Superior, o ano letivo mínimo também é de 200 dias.

Alimentos da merenda escolar serão distribuídos a famílias de alunos

Foto: Reprodução

O Senado aprovou nesta segunda-feira (30), em sessão virtual, um projeto que autoriza o envio direto das merendas escolas a pais de alunos matriculados em escolas públicas de educação básica. O projeto prevê que a medida terá caráter excepcional, em situações de emergência ou calamidade pública.

O objetivo da proposta é assegurar que estudantes recebam a alimentação no período de suspensão das aulas em razão da pandemia do novo coronavírus. O texto foi aprovado na Câmara dos Deputados na semana passada e seguirá para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com defensores da proposta, o projeto, além de assegurar a merenda aos estudantes, evitará que os alimentos já adquiridos pelas redes escolares percam a validade sem serem consumidos.

SENAI disponibiliza cursos online gratuitos durante quarentena

Para otimizar o tempo livre proporcionado pela quarentena da COVID-19, o SENAI disponibilizou 12 diferentes cursos online gratuitos de Educação a Distância (EAD). O conteúdo disponibilizado inclui Lógica de Programação, Tecnologia da Informação, Desenho Arquitetônico, entre outros.

Manter-se ativo nesse período de reclusão voluntária pode exigir esforço considerável de muitas pessoas habituadas com rotinas agitadas. Então, aproveitar esse tempo para adquirir novas habilidades pode ser uma opção mais agradável e extremamente útil para quem gosta de rechear o próprio currículo.

Basta se cadastrar e começar a estudar. Os cursos são:

Consumo Consciente de Energia;
Desenho Arquitetônico;
Educação Ambiental;
Empreendedorismo;
Finanças Pessoais;
Fundamentos de Lógica;
Lógica de Programação;
Propriedade Intelectual;
Segurança do Trabalho;
Metrologia;
Noções Básicas de Mecânica Automotiva;
Tecnologia da Informação e Comunicação.

Professores da cidade de Paramirim entram em greve nesta quarta-feira (18)

Foto: Kauê Souza/Achei Sudoeste

A APLB de Paramirim, a 129 km de Brumado, convocou a categoria para uma greve nesta quarta-feira (18). A paralisação atende a uma convocação feita pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e pela Central dos Trabalhadores Brasileiros (CTB). “A Greve Geral é uma forma de toda a sociedade cobrar do Governo Federal a adoção de um novo programa de financiamento da Educação Pública, a partir desse ano.

O Fundeb, atual programa que mantém a Educação Pública Brasileira, termina esse ano. Nosso país necessita de um programa permanente, que venha possibilitar melhorias na educação de nossos filhos. Precisamos fazer nossa parte para isso aconteça”, destacou o sindicato.

Por conta da pandemia do coronavírus, o diretor da APLB no município, Vanoel Marques informou que a manifestação acontecerá nas redes sociais para evitar o aumento do número de pessoas contaminadas.

Ex-doméstica se forma após estudar em livros recolhidos pelo marido no lixo

Foto: Andreia Tavares/Arquivo pessoal

Os dois meses em que morou embaixo de uma lona há 17 anos contrastam com a situação atual da aspirante da Polícia Militar Andreia Guimarães Tavares, 32 anos, que mora com a família, em Goiânia. A vida da ex-doméstica mudou muito desde que se formou em direito e passou no concurso da corporação. O marido, o gari José Francisco Barros, 37, teve papel fundamental nesta guinada: pegava livros que tinham sido jogados no lixo e levava para a esposa estudar.

De acordo com o G1, natural do Pará, o casal chegou na capital goiana em 2003. Na bagagem, trazia os sonhos de uma vida melhor. No colo, o filho recém-nascido, atualmente com 16 anos. O começo foi bem mais complicado do que eles imaginavam. José arrumou um emprego logo no início, mas até o salário sair, eles se viraram como dava.

Algum tempo depois, eles conseguiram alugar um cômodo. Quando o filho completou 6 anos, passou a ficar em uma creche. Andreia, então, foi trabalhar como doméstica para ajudar o marido nas despesas.

Condeúba: Uma parceria que deu certo, através das Secretarias Municipais de Saúde e Educação

O Prefeito Silvan Baleeiro participando da entrega dos óculos aos alunos e população

Os alunos das escolas do município de Condeúba foram contemplados com óculos do Programa Saúde na Escola, que é uma parceria entre as Secretária Municipal de Educação e a Secretária Municipal de Saúde do Município de Condeúba.

O Secretário Municipal de Educação Weder Spinola presente na distribuição dos óculos