Quando vão queimar os livros?

* Levon Nascimento

Professor Levon Nascimento

Logo pela manhã, li a notícia de que a Secretaria de Educação do Estado de Rondônia havia enviado ofício sigiloso às bibliotecas escolares ordenando que obras literárias dos grandes mestres brasileiros fossem retiradas de circulação.

Dentre os autores: Machado de Assis, Nelson Rodrigues, Euclides da Cunha, Osvald de Andrade, Rubem Braga, etc. Explicito: até o maior escritor da Língua Portuguesa, o “mulato” Joaquim Maria Machado de Assis!

Em que pese o recuo do secretário de educação rondoniense, após vazado o ofício sigiloso, é bom lembrar a quem não sabe que o governo de Rondônia está alinhado ao pensamento de Jair Bolsonaro e ao famigerado Escola Sem Partido, batalha fanática de extrema-direita que apregoa o risco de um tal de marxismo cultural, simplesmente inexistente.

Para essa gente, qualquer arte e pensamento crítico é comunismo. Eles odeiam a inteligência.

Também é preciso ressaltar que toda ditadura proíbe a leitura de livros que considera oponentes à sua ideologia. É na democracia que há liberdade para o pensamento e a expressão. Estamos em ditadura no Brasil?

Que se ressalte que o governo Bolsonaro planeja financiar apenas peças teatrais e obras cinematográficas que falem o seu idioma fundamentalista. Volto a perguntar: estamos numa democracia?

Porém, o que mais me admirou na notícia é que no tal ofício de Rondônia havia uma ordem expressa para que “todos os livros de Rubem Alves” fossem suprimidos. Continue Reading

Eunápolis: Ônibus escolar com 12 alunos bate em barranco após perder freio

Foto: Reprodução/TV Bahia

Após problema com freio, um motorista de ônibus escolar precisou bater o veículo em um barranco, na localidade do Ganchó, na cidade de Eunápolis, no sul da Bahia. Caso aconteceu na tarde de quarta-feira (13).

Segundo informações da prefeitura da cidade, o motorista do veículo contou que o freio foi danificado após ele subir uma ladeira íngreme. O sistema de ar do ônibus foi danificado por uma pedra.

De acordo com o órgão, o motorista deslocou o ônibus para o barraco por questão de segurança. Cerca de 12 alunos foram atendidos no local e encaminhados para casa.

Brumado: Diretores, professores e alunos entram na campanha contra brincadeiras que podem causar graves sequelas

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

A brincadeira conhecida como roleta humana, feita por alunos durante os intervalos das aulas nas escolas, tem preocupado pais e professores neste início de ano letivo. Em Brumado, as escolas foram orientadas pela secretaria municipal de educação a debater a temática os alunos.

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, a diretora da Escola Municipal Professora Clarice Moraes, Simone Correia, disse que se reuniu com os alunos e alertou para os perigos da “brincadeira”. “Ontem, nos reunimos com os alunos na quadra, no momento do intervalo, para falar sobre dessa brincadeira.

Os adolescentes têm a curiosidade de querer experimentar e nós alertamos sobre os perigos. Eles entenderam e internalizaram isso. Alguns pais até nos ligaram agradecendo”, relatou. Para a diretora, através dessas orientações, as escolas vão conseguir combater esse tipo de prática, evitando problemas e sequelas maiores.

Impasse entre prefeitura e professores pode culminar em greve e atrasar início do ano letivo em Aracatu

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

A educação atravessa um momento de crise na cidade de Aracatu, a 36 km de Brumado. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, a professora e diretora da delegacia da APLB no município, Viviane Rocha, informou que a situação é tão crítica que a maior parte da categoria sequer havia sido comunicada sobre o início da jornada pedagógica na manhã desta terça-feira (04).

Segundo ela, a prefeitura se recusa a atender as reivindicações dos servidores da educação, que estão em indicativo de greve. Inclusive, ainda não há a confirmação de que o ano letivo terá início no próximo dia 10 em razão do movimento. “Estamos apreensivos diante dessa situação. Estamos reivindicando o reajuste salarial, que não foi repassado”, declarou.

A professora adiantou ainda que a categoria já decidiu, em assembleia, que, caso as suas demandas não sejam atendidas, uma greve poderá ser deflagrada. “Estamos buscando uma conversa, o diálogo, para que seja apresentada uma contraproposta. Não queremos prejudicar, de forma alguma, a educação. Nosso ensejo é que haja uma resposta para nossas reivindicações”, reiterou.

Condeúba: Foi dado a abertura da Jornada Pedagógica – 2020

Nesta noite de quarta-feira dia 29 de fevereiro, no GE Pálace Clube Pereira, foi dado o primeiro pontapé de mais um ano letivo. com a abertura da Jornada Pedagógica de 2020. que teve início às 18 hs., fazendo o credenciamento.

Logo após o credenciamento, começou bem o evento e muito animado com um show musical da melhor qualidade, na interpretação dos maravilhosos jovens Daniela com sua bela voz marcante e Eduardo Rafael dedilhando as cordas do seu violão esbanjando capacidade, ambos são do Distrito do Alegre, garotos que cantaram e encantaram a galera presente.

A mesa diretora dos trabalhos apostos cantando os Hinos Nacional e o de Condeúba

Na sequencia o Chefe do Cerimonial Paulo Henrique fez a composição da mesa chamando as seguintes pessoas: O Prefeito Silvan Baleeiro e a 1ª dama Lêda, a vice-Prefeita Mara Rúbia, o Presidente da Câmara Maurilo Guilherme e os vereadores Toinho Terêncio, Reginaldo, Silvano dos Santos e a vereadora Nena, os Secretários Municipais Weder Spinola da Educação, Antônio Sousa da Administração, Controlador Interno Reinaldo Ribeiro, os Presidentes do Conselho Municipal de Educação Prof. Agnério e da APLB-Sindicato Profª Vanilde Cordeiro além do Chefe de Gabinete Paulo Henrique. Ainda estiveram prestigiando esse evento, os Secretários “Naná” da Assistência Social, Dinailde de Obras e Aildo Pereira dos Santos das Finanças, além do Diretor das Escolas do Campo Juari Nascimento. Continue Reading

Filho de Gari se torna advogado

Aos 22 anos, Leonardo Lima se formou em Direto, mas, no 9º período já havia passado no teste da OAB, e dedicou o canudo ao pai, que é gari e se esforçou a vida inteira para garantir os estudos do filho.
“Quando eu era pequeno, minha família nunca me deixou faltar um lápis, nem uma borracha, nem um caderno para eu estudar”, contou Leonardo.
Ele conta que a família fez de tudo para que os filhos tivessem uma vida diferente da dos pais. ”As dificuldades da vida fizeram com que eu me esforçasse ao máximo para que nós conseguíssemos realizar nossos sonhos”, disse.
(Blog do Magno)

Jovem Conquistense é dono da única nota 1.000 na redação do Enem 2019 na Bahia

Fonte: G1

O Conquistense João Pedro Silva Bonfim, de 19 anos, é o dono da única nota 1.000 na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) da Bahia. O jovem mora em Vitória da Conquista, e sonha em cursar medicina na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).

Quando criança, João Pedro sonhava em ser astronauta, mas decidiu escolher ser médico, por causa da estabilidade financeira e para cuidar dos familiares.

O jovem disse que sempre gostou de estudar e que apesar de tirar 980 na redação do Enem em 2018, fez um curso específico no ano passado e se preparou melhor. Agora ele aguarda o resultado dos programas que usam a nota do Enem, para concorrer a uma vaga em uma universidade.

Condeúba: As matriculas do Colégio Estadual se encerram amanhã dia (22/01)

 

 

Fila dos pais e responsáveis pelos alunos que vão estudar no Colégio Estadual de Condeúba

Neste primeiro dia de matrícula no Colégio Estadual de Condeúba, a fila ficou um pouco crescida, porque a maioria dos alunos prefere o período matutino, então é natural que forme uma fila na entrada. As matrículas aconteceram nesta terça-feira dia dia 21 e vão continuar até amanhã dia 22 de janeiro e também foram feitas via on-line.

Segundo nos informou a diretora Leniram Rocha, o Colégio Estadual de Condeúba tem se destacado como um dos mais cheios da região e, além disso, começará como escola piloto do novo ensino médio. A Diretora Leniram Rocha ressaltou que em uma hora, após abertura dos portões, as vagas do turno matutino acabaram. Continue Reading

Piso salarial dos professores da rede pública sobe 12,84%

Fonte:A.Sertão

Foi reajustado em 12,84% para 2020, o piso salarial dos profissionais da rede pública da educação básica em início de carreira, passando de R$ 2.557,74 para R$ 2.888,24. É o maior aumento em reais desde 2009. O reajuste nacional do piso foi anunciado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, e pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, em transmissão ao vivo pela internet, na noite desta quinta-feira (16).

O acréscimo está previsto na chamada Lei do Piso (Lei 11.738), de 2008. O texto estabeleceu que o piso salarial dos professores do magistério é atualizado, anualmente, no mês de janeiro. A regra está em vigor desde 2009, ano em que o valor de R$ 950,00 foi o ponto de partida para o reajuste anual

O Ministério da Educação (MEC) utiliza o crescimento do valor anual mínimo por aluno como base para o reajuste do piso dos professores. Dessa forma, é utilizada a variação observada nos dois exercícios imediatamente anteriores à data em que a atualização deve ocorrer.

O valor mínimo por aluno é estipulado com base em estimativas anuais das receitas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Para 2019, o valor chegou a R$ 3.440,29, contra R$ 3.048,73 em 2018.

MEC planeja descartar 2,9 milhões de livros que nunca foram usados

Foto: Reprodução/Wikipedia

O Ministério da Educação (MEC) pretende descartar 2,9 milhões de livros que nunca foram entregues aos alunos de escolas públicas. As informações foram publicadas pelo jornal “O Estado de São Paulo” neste sábado (11).

Comprado em gestões anteriores do MEC, o material tem edições que teriam vencido, entre 2005 e 2019, e estariam desatualizadas para o uso. O custo de todos esses livros seria de cerca de R$ 20 milhões. O processo para se desfazer do material começou no fim do ano passado.

Na época, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) alertou para a necessidade de reduzir o estoque de livros, que está armazenado em um depósito alugado dos Correios, em Cajamar, em São Paulo.

O FNDE não respondeu diretamente sobre o descarte. O órgão informou que publicará na semana que vem uma norma sobre a chamada “reserva técnica” do Programa Nacional do Livro e do Material Didático (PNLD).