Month: fevereiro 2020

“Os Professores são as pessoas mais necessárias e úteis da terra”

 Por Clara Dawn

Clara Dawn, psicopedagoga

Os professores são as criaturas mais necessárias e úteis da Terra. Deviam ser tratados com muito respeito e deferência. O professor sabe que sua missão é ensinar, compartilhar conhecimento, propagar informação, fazer o outro crescer, mostrar caminhos, dar as mãos, conduzir ao desejo e ao encantamento pelo saber, pelo pensar, criar vínculos, se aproximar e compreender o outro. Para que isto funcione bem, faz-se necessário estabelecer, além da didática, uma pedagogia do amor muito mais complexa que não exige apenas seu desenvolvimento cognitivo, mas também suas habilidades socioemocionais oriundas de boa saúde mental.

Uma pesquisa realizada pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) com mais de 100 mil professores e diretores de escolas do segundo ciclo de ensino fundamental, revela que o Brasil é o país que tem o maior índice de violência contra professores; péssimas condições de trabalho; carga horária excessiva; baixa remuneração; sem investimentos na formação continuada e total descaso com a saúde mental.

A enquete foi feita com 34 países e constatou que 12,5% dos professores brasileiros já foram vítimas de agressões verbais ou intimidação de alunos pelo menos uma vez na semana. Por que precisamos urgentemente nos preocupar com a saúde mental dos professores e lutarmos por políticas públicas que priorizam a educação? Continue lendo

Bandeira tarifária segue verde em março e conta não terá cobrança extra

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (28) que manterá no mês de março a bandeira tarifária na cor verde, sem cobrança extra na conta do consumidor. A bandeira foi a mesma aplicada em fevereiro. De acordo com a agência, a decisão de manter a bandeira na cor verde se deve a recuperação nos níveis dos reservatórios em virtude do volume razoável de chuvas no mês de fevereiro.

Segundo a agência, o volume de chuvas refletiu-se na redução do preço da energia no mercado de curto prazo (PLD) e dos custos relacionados ao risco hidrológico (GSF). O PLD e o GSF são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada. Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica.

O funcionamento das bandeiras tarifárias tem três cores: verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2), que indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.

O acréscimo cobrado na conta pelo acionamento da bandeira amarela passou é de R$ 1,34 a cada 100 kWh consumidos. Já a bandeira vermelha patamar 1, o valor a mais cobrado é de R$ 4,16 a cada 100 kWh e no patamar 2 da bandeira o valor é de R$ 6,24 por 100 kWh consumidos. A bandeira verde não tem cobrança extra.

Número de mortes nas estradas federais triplica durante carnaval 2020, aponta PRF

O número de mortes decorrentes de acidentes nas rodovias federais que cortam a Bahia triplicou durante o carnaval deste ano, em comparação ao mesmo período de 2019. Os dados da Operação Carnaval, iniciada na sexta-feira (21) e encerrada na noite de quarta-feira (26), foram divulgados na quinta (27), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Conforme detalhou a PRF, no período da ação, foram registradas nove mortes, enquanto no período da folia no ano passado foram três óbitos.

Outro dado que aumentou foi o de número de acidentes nas rodovias baiana. Durante o carnaval deste ano, a PRF registrou 61 acidentes. No ano passado foram 52. Desse total, 26 ocorrências foram graves e 89 pessoas ficaram feridas.

Nos seis dias de operação, a PRF autuou 2.296 condutores cometendo ultrapassagens proibidas, infração que lidera o ranking do órgão.

Foram fiscalizados 11.704 veículos e 13.974 pessoas no período da operação. Também foram realizados 10.330 testes do bafômetro, com 328 casos de pessoas que dirigiram sob efeito de bebida alcoólica.

Comparado ao carnaval de 2019, houve aumento de 10% dos casos de alcoolemia, tendo em vista que no ano anterior foram 294 autuados. A infração é gravíssima e a multa é de R$ 2.934,70.

Durante as fiscalizações, a PRF também emitiu 73 autos de infração para motociclistas sem capacete e 7 motoristas foram flagrados manuseando aparelho celular. Quando o alvo das fiscalizações foi o condutor ou passageiro sem cinto de segurança, 539 autos foram emitidos, contra 405 em 2019.

A PRF informou que focou a fiscalização, principalmente, no combate a condutas como: excesso de velocidade, embriaguez ao volante e as ultrapassagens proibidas.

Enfrentamento à criminalidade

Durante os seis dias da operação, a PRF na Bahia recuperou 27 veículos e 72 pessoas foram detidas por diversos crimes. Houve também a apreensão de 09 armas de fogo e mais 75 munições.

De acordo com a PRF, as abordagens resultaram ainda na apreensão de 4 mil comprimidos de ecstasy. A ação aconteceu no dia 21 de fevereiro, em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, quando os policiais abordaram um ônibus que seguia para Fortaleza (Fonte G1/BA).

Já a Polícia Rodoviária Estadual apontou para queda no número de óbitos.

Feriadão de carnaval: segundo a PRE foram registrados 33 acidentes e quatro mortos

Ano bissexto

O ano bissexto acontece a cada quatro anos e tem duração de 366 dias, diferentemente dos demais que têm 365 dias. A inclusão de um dia foi feita para aproximar o calendário ao movimento de translação da Terra, tempo que o planeta leva para dar a volta no Sol, que é de 365 dias, 5 horas, 48 minutos e 56 segundos. Essas horas que ultrapassam os 365 dias são compensadas a cada quatro anos, no dia 29 de fevereiro.

O ano bissexto foi adotado na ditadura de Júlio César, cerca de 50 anos a.C., na Roma Antiga, para ajustar o ano civil ao ano solar. No entanto, a escolha do dia 29 de fevereiro para ser acrescido a cada quatro anos só passou a vigorar em 1582, com o calendário gregoriano.

Como surgiu o ano bissexto?
Uma lenda dizia que o primeiro calendário romano tinha sido criado por Rômulo, o fundador de Roma, contando com 304 dias divididos em 10 meses. Posteriormente, o sucessor de Rômulo, Numa Pompílio, criou um novo calendário em que o ano era composto por 355 dias, acrescentando-se dois meses à contagem.

O calendário romano passou a ser luni-solar e teve a adoção de um mês extra, chamado de mensis intercalaris, a cada dois anos para que houvesse o alinhamento com o ano solar. No modelo instituído por Numa Pompílio, o ano começava em março e terminava em fevereiro. Continue lendo

Paróquia de Santo Antônio/Condeúba: Terço dos Homens do Olho d’Água se reúnem ordinariamente para rezar

 

Momento da distribuição da Eucaristia aos fiéis pela Ministra Sra. Adelina Costa

Na noite chuvosa desta sexta-feira dia 28 de fevereiro de 2020, foi realizado mais um encontro  do Santo Terço dos Homens da Comunidade do Olho d’Água, foi uma noite de muitas glórias e bençãos, primeiramente recebemos com muita alegria uma abençoada chuva que começou a cair por volta das 17 horas, depois tivemos a grata notícia que o nosso irmãozinho na fé Sr. Selerino recebeu alta hospitalar, depois de alguns meses ele se encontrava internado em Vitória da Conquista.

O nosso Terço dos Homens conta com a distribuição da Hóstia duas vezes por mês, contamos também com a colaboração e boa vontade dos Ministros da Eucaristia Sr. Juvenal Pardinho que é membro efetivo do nosso Terço e da Sra. Adelina Costa.

Nosso Terço que foi fundado numa sexta-feira dia 22 de novembro de 2019, portanto há 15ª semana, continua em fase de crescimento graças a Deus e a mãe Maria, já contamos com mais de 40 irmãos que frequenta nossas reuniões semanalmente, às 19:00 horas das sextas-feiras.

Nesta noite de muitas glorias, coordenou os trabalhos de forma brilhante o nosso Nivaldo e a leitura bem como a excelente reflexão do Santo Evangelho ficou a cargo do irmão na féHelio Carlos. celebraram conosco também os irmãozinhos Caique, João Pedro, José de Moises e Jeferson, esse nosso visitante vindo da Comunidade do Bom Abrigo. Além dos Ministros da Eucaristia Sr. Juvenal Pardinho e Sra. Adelina Costa. Na próxima semana iremos rezar o Santo Terço juntamente com nossa Comunidade co-irmã do Riacho Seco de Gerosino. Continue lendo

Condeúba Eleições 2020 série entrevista: As 10 medidas para escolher um bom vice-Prefeito

INTRODUÇÃO

O Jornal Folha de Condeúba, nesse ano eleitoral de 2020, em respeito a democracia, inova e vem abrir um espaço público destinado exclusivamente a todos os Pré-candidatos a Prefeito, vice-Prefeito e Vereadores, para que os mesmos exponham seus currículos, bem como suas propostas de trabalhos.

Essa entrevista dessa série, será com o Jornalista da Folha de Condeúba, Sr. Oclides da Silveira ele que é pré-candidato a vereador pelo PROS.

CURRÍCULO

Oclides Ribeiro da Silveira, 68 anos, casado, Pedagogo, Jornalista, pós-graduado em Administração Pública pela Universidade Estadual Paulista – UNESP, pós-graduado em Administração Hospitalar pela UNINTER e pós-graduado em Jornalismo pela FAVENI.

EM CONDEÚBA

Foi Secretário Municipal de Saúde de 2006 a 2008 e Presidente do Conselho Municipal de Saúde no mesmo período, Secretário de Transportes e Obras de 2009 a 2012 e Secretário de Cultura, Desporto e Lazer em 2016, além de ser concursado na Prefeitura como Supervisor Educacional.

Após uma prévia apresentação do seu currículo o Jornal Folha de Condeúba através do seu repórter Cleyton Silveira fará uma entrevista com o pré-candidato a vereador Sr. Oclides da Silveira, que desta vez ele fala sobre o vice-Prefeito ideal conforme segue:

Folha: Qual a função do vice-Prefeito?

Oclides: A função do vice-Prefeito é substituir o Prefeito em seus impedimentos legais.

Folha: Quais são as características ideais para ser um bom vice-Prefeito?

Oclides: Para ser um bom vice-Prefeito, o cidadão ou cidadã, tem que ter obrigatoriamente alguns pontos que são indispensáveis ao homem público, eu cito aqui 10 itens que são indispensáveis ao cargo por exemplo:

1 – De preferência ter conhecimento comprovado da maquina pública;

2 – Tem que ser um bom conselheiro;

3 – Gozar de trânsito livre no meio dos grupos políticos da cidade, tanto da situação como de oposição;

4 – Tem que ter diálogo e credibilidade juntamente a todos os vereadores, para futuras negociações de interesse da administração e do povo em geral;

5 – Tem que ser uma pessoa reconhecida em todo o município pelos seus relevantes serviços já prestados a população;

6 – Tem que ser um negociador emérito para digerir todos os problemas criados em torno da administração, tanto interno como externo;

7 – Tem que ser uma pessoa despojada do seu interesse pessoal ou do interesse de pequenos grupos e que esteja disponibilizada a atender bem com educação e alegria a quem quer que seja, 24 horas por dia;

8 – Tem que ser uma pessoa organizada, dinâmica e muito bem atualizada com as questões do Programa de Governo, para ajudar na conclusão do mesmo;

9 – É indispensável ser uma pessoa que tenha um bom domínio na área de comunicações e;

10 – Ter respaldo popular.

Folha: O senhor faz essas colocações em torno de um bom vice-Prefeito, mas em Condeúba historicamente nunca tivemos comprovadamente essas exigências  para esse cargo, por que?

Oclides: Veja bem, sua pergunta é de suma importância. Pois, em cima dela eu lhe faço uma afirmação. Condeúba desde 1945, quando foi eleito o seu 1º Prefeito o Sr. Joaquim Mutti, portanto há 75 anos atrás, até os dias de hoje, não temos registrado na sua história que um vice se viabilizou para ser Prefeito. Exceto o caso do Sr. José Maria Terêncio o popular “Lili” que era vice-Prefeito do então Prefeito Marcolino, que faleceu no último ano do seu mandato, aí então o Sr. Lili assumiu o cargo de Prefeito, porém não conseguiu viabilizar sua reeleição.

Citamos aqui um bom exemplo na escolha do vice-Prefeito na cidade co-irmã de Cordeiros nos últimos 12 anos. O então Prefeito Vavá teve como seu vice nos dois mandatos o Sr. Delci Luz, que juntos trabalharam muito bem a tal ponto do Sr. Delci ser eleito Prefeito juntamente com seu vice o popular “Teco” que vem prestando um excelente serviço àquela população. Agora a mesma dupla são pré-candidatos a reeleição, com ótimas perspectivas de serem reeleitos. Na sucessão de Delci, seu atual vice “Teco” certamente será o homem da vez. Quem ganha com isso é o município que vem crescendo e desenvolvendo muito bem.

Folha: Para reverter essa questão histórica dos vices-Prefeitos de Condeúba, que nunca se viabilizaram para ser Prefeito, o que precisaria ser feito?

Oclides: É preciso parar com essa estória de querer agradar pequenos grupos políticos e ainda mais, fazer convites a outros nomes da oposição com o intuito de enfraquecê-los para a disputa eleitoral, assim corre o risco de vir candidatos com perfil totalmente diferenciado daqueles que compõe os 10 itens acima citados, ou seja pessoas totalmente despreparadas.

Folha: O senhor se acha em condições de ser um bom vice-Prefeito e até mesmo ser um pré-candidato?

Oclides: Na realidade eu sou pré-candidato a vereador pelo PROS, o qual pretendo concorrer uma vaga na Câmara Municipal, todavia me sinto preparado sim para ser um bom vice-Prefeito, pois, em toda minha vida acadêmica, sempre busquei atender todas essas demandas que envolve o cargo em questão, com objetivo claro de atender muito bem ao público em geral. Me coloco a disposição do próprio povo, toda minha experiência e conhecimentos, para essa escolha que deve ser feita pelo grande público. Lamentavelmente tenho visto muitos pré-candidatos a vice-Prefeito de olho simplesmente nos R$ 7.500,00 (sete mil e quinhentos reais) de salário mensal, isso durante 4 anos vai custar aos cofres público a bagatela de R$ 360 mil reais. Por tanto, esse é um dos cargos muito caro para o município, por isso, que a população deve exigir uma boa qualificação do pré-candidato a vice-Prefeito.

A QUARESMA É UM TEMPO DE CONVERSÃO

Poeta Antônio Santana

Esse é um excelente momento que nos convida a reflexão, ao jejum, ao perdão e a oração como o alimento maior da nossa espiritualidade. Portanto, desapeguemos por ora dos nossos luxos, de bens materiais, de celulares e redes sociais, dos nossos banquetes e de tantas outras situações que momentaneamente tem nos afastados de Jesus Cristo, o Nosso Senhor.

Fiquemos na mensagem de vida e de paz que Ele quer nos passar durante esses quarenta dias que antecedem à Semana Santa. Procurem refletir sobre suas atitudes e suas ações individuais, com suas famílias, com seus amigos, e principalmente com o seu próximo.

Louvem a Deus em oração e peça – lhes o perdão por ter ofendido algumas pessoas que vocês amam por estarem próximas, como também aquelas que não têm muita simpatia. Lembrem – se que, Jesus mandou que amássemos os nossos inimigos perdoando os seus erros e os seus pecados.

Nessa perspectiva, podemos compreender como cristãos que somente rezar ou orar não nos credencia a certeza da Vida Eterna, sem antes praticarmos as Obras do Amor e da Caridade com aqueles mais necessitados e discriminados dessa Sociedade injusta, egoísta, racista, preconceituosa e desestruturada a qual nós vivemos.

Que Deus nos abençoe!

Antônio Santana
Professor, escritor e poeta.

Batida entre moto e dois carros mata enfermeira que seguia para o trabalho em Ilhéus

Foto: Divulgação/Sutran

Uma mulher morreu em um acidente envolvendo dois carros e uma motocicleta na região do Pontal, em Ilhéus, no sul da Bahia, na quarta-feira (26). A vítima é enfermeira e pilotava na moto indo para o trabalho.

De acordo com a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Sutran) de Ilhéus, o motorista de um dos veículos contou que Alexsandra Oliveira Amaral bateu de leve no fundo do carro dele e perdeu o controle. Ela acabou invadindo a contramão e foi atropelada pelo carro que seguia na pista.

De acordo com o G1, a Polícia Militar e o Departamento de Polícia Técnica (DPT) estiveram no local para fazer o isolamento e a perícia. Por causa do acidente, o trânsito ficou lento no local. A PM informou que a enfermeira trabalhava nos hospitais São José e Costa do Cacau.

Após ser liberado em audiência, homem é mantido preso por não ter celular

Foto: Reprodução/TV Bahia

Um homem que foi preso em flagrante e liberado após uma audiência de custódia foi mantido na delegacia dos Barris, em Salvador, por uma semana, porque não tinha celular para manter contato com a Justiça. Conforme a Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE), o suspeito foi solto depois que o órgão conseguiu um Habeas Corpus, na terça-feira (25).

Segundo informações do DPE, o caso foi descoberto durante uma inspeção que o órgão fez na delegacia. Na audiência de custódia, realizada no dia 19 de fevereiro, foi decidido que o suspeito seria liberado sob a condição do uso da tornozeleira eletrônica. De acordo com o órgão, o celular é exigido para o uso do monitoramento eletrônico.

Entretanto, a Defensoria entrou com o Habeas Corpus, porque considerou que a decisão de manter o suspeito preso causou constrangimento ilegal para o rapaz. A decisão judicial deu cinco dias para que, após a soltura, o homem fornecesse um contato telefônico para possibilitar a comunicação e juntar aos autos do processo.

O número pode ser de um parente ou amigo próximo dele. A defensora pública Cynara Fernandes, da relatoria penal do Plantão do Carnaval, informou que a decisão é importante porque tem pessoas que são presas e não possuem um aparelho celular, a exemplo das que se encontram em situação de rua.

“Foi uma decisão justa e acertada por parte da autoridade judiciária. Manter uma pessoa encarcerada por não ter um telefone é uma medida inconcebível e seletiva”, disse a defensora pública ao G1.