Filme ‘A Lavanderia’, traz uma história que nos mostra uma realidade que não percebemos (ou não nos deixam perceber)

Por: Leandro Flores

Disponível na Netflix, o filme – A Lavanderia, de Steven Soderbergh, um dos cineastas mais aclamados e prolíficos de sua geração, merece destaque (especialmente, a título de reflexão e discussões acadêmicas) pela excêntrica e, ao mesmo tempo, pomposa abordagem com que é retratado.

Apesar do grande elenco, Gary Oldman e Meryl Streep, vencedores do Oscar, e Antonio Banderas (provável indicado por “Dor e Glória” em 2020), e do já (mencionado neste artigo) Steven Soderbergh, o filme sofreu algumas críticas. De acordo com a análise do site Cena Pop, o roteirista Scott Z. Burns, por exemplo “dá algumas derrapadas aqui e ali com excesso de explicação, desconfiando da inteligência do espectador, mas nada que comprometa o resultado do filme”.

Foto: Divulgação

Um dos pontos da história (há outros que, ás vezes, se cruzam, mas com uma teatrologia diferente), é a questão ficcional do caso Panama Papers, sob a ótica dos advogados Jürgen Mossack (interpretado por Oldman) e Ramón Fonseca (Banderas). Continue Reading

Avião ucraniano com 176 pessoas a bordo cai perto do aeroporto de Teerã

por Correio 24 Horas

Um avião ucraniano de passageiros caiu perto do Aeroporto Imam Khomeini, em Teerã, capital do Irã, pouco depois da decolagem na manhã desta quarta-feira (8), madrugada no Brasil. As informações são de agências de notícias locais repercutidas por veículos de outros países, como a agência americana Bloomberg.

O Boeing-737, voo PS752, levava pelo menos 180 pessoas (entre passageiros e tripulantes) e tinha como destino a cidade de Kiev, capital da Ucrânia. A agência de notícias iraniana ISNA informou que o jato caiu devido a um problema técnico.

No Twitter, o jornalista Ali Hashem, correspondente da britânica BBC no Irã, publicou o que seriam as primeiras imagens do avião ucraniano pegando fogo.

Após retaliação

Horas antes da queda do avião, o Irã havia atacado duas bases americanas no Iraque como retaliação à operação militar dos EUA que matou o ex-chefe supremo da Quds, o general Qassim Soleimani, morto em Bagdá, no último dia 3, em uma ação que utilizou drones. Desde então, o governo do Irã tem ameaçado dar uma resposta à morte do militar.

Duas bases aéreas instaladas no Iraque e que abrigam forças conjuntas norte-americanas e iraquianas foram atingidas por mais de uma dúzia de mísseis nesta terça-feira (7), confirmou o Pentágono.

A base aérea de Ain Al-Asad, no oeste do país, e a base de Erbil, na região curda do Iraque, foram as duas instalações atacadas.

A Guarda Revolucionária Islâmica do Irã (Quds, na tradução da língua persa), assumiu a responsabilidade pelos ataques. Até a publicação desta reportagem, não havia ainda confirmação de vítimas. A rede de TV norte-americana CNN informou não haver relato inicial de feridos ou mortos.

A base de Ain Al-Asad foi visitada pelo presidente Donald Trump, em 2018. Na ocasião, Trump disse que os contribuintes norte-americanos haviam contribuído com milhões de dólares para a construção da base.

O cortejo fúnebre de Soleimani, que aconteceu nesta terça, na cidade iraniana de Kerman, teve tumulto, com dezenas de mortos (pelo menos 56) e feridos. A confusão começou após um ataque de pânico iniciado na multidão e que ainda não teve causas definidas pelas autoridades.

CPF/CNPJ é obrigatório nas encomendas internacionais

A Receita Federal do Brasil como a exigir desde a última quarta-feira (1º), que todas as encomendas e remessas internacionais possuam a identificação do Cadastro Nacional de Pessoa Física (CPF), Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) ou número do passaporte do destinatário para ter o despacho aduaneiro iniciado.

A falta dessa informação poderá acarretar na proibição da entrada da encomenda e sua devolução ao exterior ou destruição, nos casos em que a devolução não seja possível. Essa informação deve ser prestada na hora da compra on-line e encaminhada juntamente com a encomenda em seu transporte.

Caso não seja informado no momento da compra, ou o remetente não os encaminhe o dado juntamente com a remessa, os Correios possuem uma ferramenta para prestação dessa informação na página da internet, por meio do rastreamento ou do portal “Minhas Importações”.

Será necessário realizar o cadastro no Portal, informando o CPF, CNPJ ou número do passaporte (estrangeiro), bem como definir login e senha. Após o cadastro, informa a Receita, basta realizar a pesquisa por encomendas e fazer a vinculação das remessas no ambiente “Minhas Importações”. Somente após a prestação dessa informação, as encomendas poderão ser apresentadas à fiscalização aduaneira.

WhatsApp deve liberar 6 funções muito aguardadas em 2020

O WhatsApp disponibilizou diversas atualizações ao longo de 2019 para inserir novas funções no app, como o desbloqueio por digital no Android e o suporte ao Memoji no iPhone (iOS). No entanto, ainda há recursos disponíveis em rivais, como o Telegram, que são aguardados por usuários e podem chegar ao mensageiro em 2020.

Além do Modo Escuro, que está em desenvolvimento e deve chegar em breve ao app, a possibilidade de editar mensagens enviadas, organizar figurinhas em categorias ou mesmo esconder o status “online” das conversas são ajustes bastante desejados e aguardados, mas que não têm previsão de lançamento. As informações são da TechTudo.

Com gol de Firmino, Liverpool bate Flamengo e é campeão mundial

Foto: Giuseppe Cacace/AFP – Os garotos de Liverpool são Campões mundial de Futebol

Não deu para o Flamengo na busca pelo bicampeonato mundial. No reencontro com o Liverpool na final do Mundial de Clubes, hoje, no Qatar, o Rubro-negro fez uma grande partida, mas perdeu por 1 a 0. De acordo com o Uol Esporte, os comandados de Jorge Jesus ameaçaram o campeão da Europa e tiveram chances de marcar, mas acabaram sofrendo um gol de Roberto Firmino já na prorrogação, que decretou o triunfo do time inglês.

De acordo com o Uol Esporte, este foi o primeiro título mundial do Liverpool, que já havia perdido outras três decisões: em 1981, para o próprio Flamengo, em 1984, para o Independiente-ARG, e em 2005, para o São Paulo. Diferentemente da semifinal contra o Monterrey, quando poupou titulares, desta vez o técnico Jürgen Klopp escalou a força máxima que estava a sua disposição.

Mas o Liverpool não manteve o ritmo alto o tempo todo e viu o Flamengo complicar o jogo em vários momentos. Tanto Alisson quanto Diego Alves, aliás, fizeram defesas importantes.

Em nova pesquisa, humanidade começa a explorar o Sol

Foto: Reprodução/Nasa

No último dia 4, quarta-feira, a espécie humana começou oficialmente a exploração da estrela mais próxima da Terra: o Sol. Devido a informações enviadas pela sonda Parker, da Nasa, cientistas estão revendo diversas teorias sobre o espaço. As descobertas foram publicadas em quatro artigos na revista científica Nature. Trata-se da sonda que mais perto chegou da estrela até agora — feito possível apenas graças ao revestimento de carbono de 11 centímetros de grossura que envolve a máquina.

Por causa dele, a sonda é capaz de enfrentar temperaturas de quase 1,4 mil graus Celsius — muito inferiores às da superfície solar, mas suficientes para orbitar o astro. A Parker Probe, como é chamada pelos pesquisadores, foi lançada ao espaço em 2018 e custou aproximadamente 1,5 bilhão de dólares (o equivalente a mais de 6 bilhões de reais). Os responsáveis pelo projeto são da renomada Universidade Johns Hopkins (EUA).

E quais foram os frutos desse investimento bilionário? O maior avanço obtido pela sonda até agora foi relativo ao vento solar, nome dado a uma corrente de partículas energizadas que são emitidas pelo Sol e flutuam pelo espaço. A Parker Probe capturou a melhor visão que se tem até o momento do local de nascimento do vento solar, na superfície do astro.

Além disso, as informações repassadas pela máquina indicaram que a rotação dessa corrente é muito mais rápida do que se esperava, e chega aos 50 quilômetros por segundo (em contraste, os cientistas estimavam sua velocidade em alguns poucos quilômetros por segundo). A revelação tem feito com que os especialistas se perguntem se uma de suas teorias sobre estrelas está equivocada. A ideia mais aceita até agora era a de que, ao envelhecer, os astros diminuíssem a velocidade da rotação.

No entanto, a descoberta de que o vento solar é bem mais rápido do que se pensava pode sugerir que isso nem sempre é verdade, e que o Sol está girando cada vez mais rápido. Até agora, Parker deu três voltas ao redor do Sol. No final da missão, em 2025, é esperado que ela complete a órbita 21 vezes. Por enquanto, resta aos astrônomos esperar para ver quais outros enigmas podem ser resolvidos com a ajuda da sonda.

Mulher transexual é presa em cela feminina e engravida detenta

Um detento que cumpria pena em uma penitenciária na cidade de Córdoba, na Argentina, resolveu mudar de nome e se declarar mulher trans. Após alegar a mudança de gênero na justiça, ele ganhou o direito de ser colocado numa prisão feminina. De acordo com a imprensa local, alguns meses depois, uma das detentas ficou grávida após manter relações sexuais com o homem que a pouco tempo passou a se chamar Gabriela.

Ainda segundo os jornais, o caso aconteceu há dois meses, mas o episódio veio a público semana passada, através da história do advogado Juan Gacitúa, no programa argentino “El show de la Mañana”. “A lei é muito mais rápida do que a infraestrutura que o Estado pode fornecer”; disse o advogado com relação ao que aconteceu, uma vez que, segundo ele, houve diversas reclamações de mulheres que se queixaram da presença da autodeclarada prisioneira, na prisão feminina.

“O prisioneiro, Gabriel, mudou seu nome para Gabriela e o Serviço Penitenciário, por ordem de um juiz, transferiu-o da prisão masculina para a prisão feminina”, disse Gacitúa. “Isso é garantido por lei. Foi lá que ele fez contato com as detentas e engravidou uma delas.” Segundo as autoridades, Gabriel havia sido preso por violência contra mulheres e após ter engravidado uma das detentas, um juiz decidiu libertá-lo da prisão.

Miopia: ‘Cirurgia a laser deveria ser proibida’, diz ex-consultor da FDA

Foto: Thinkstock/Veja

Aclamada por médicos e pacientes como uma cirurgia com bons resultados em pessoas com miopia, hipermetropia ou astigmatismo, a operação conhecida como Lasik está sendo alvo de contestações.

Morris Waxler, ex-consultor da Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de remédios nos Estados Unidos, que originalmente votou pela aprovação da cirurgia ocular, agora diz que o procedimento deve ser retirado do mercado.

“Ignoramos os dados sobre distorções da visão que persistiram por anos”, disse Waxler, à CBS News. “Examinei novamente a documentação e pensei: ‘Uau, isso não é bom.’” Waxler calcula que as taxas de complicações ficam entre 10 e 30%.

A cirurgia LASIK usa um laser especial para remodelar a córnea e melhorar o “poder de foco” do olho. O procedimento foi aprovado pelas autoridades federais em 1998.

Waxler fala também que o próprio site da agência federal de saúde detalha os riscos associados ao procedimento, que incluem perda de visão, “sintomas visuais debilitantes” – como brilho, halos e visão dupla e que a segurança e eficácia a longo prazo da cirurgia não são conhecidas”.

Waxler, que em 2011 solicitou à FDA que emitisse um recall voluntário da LASIK, mas foi negado, disse à CBS News que o procedimento deve ser “absolutamente” proibido.

O FDA disse à CBS News em comunicado que a agência “não encontrou nenhuma nova preocupação de segurança associada aos dispositivos LASIK”. O assunto é bastante polêmico, já que o procedimento é aprovado por mais de 90% dos pacientes que passaram por ela.

Evo Morales renuncia ao cargo de presidente da Bolívia

Evo Morales renunciou ao cargo de presidente Carlos Garcia Rawlins / Reuters 

Evo Morales renunciou ao cargo de presidente da Bolívia. Em pronunciamento feito de Chimboré, na província de Cochabamba, diz que o faz para que os opositores parem de cometer violências contra seus apoiadores.

No pronunciamento, acompanhado de seu vice-presidente, Alvaro Garcia Linera, Morales acusou Carlos Mesa, ex-presidente, e Luis Fernando Camacho, líder dos protestos de oposição, de cometerem um golpe de Estado.

PUBLICIDADE

“Estamos renunciando para que nossos irmãos mais humildes deixem de ser agredidos. Família pobres, humildes, não queremos que haja enfrentamentos”, disse Morales. “Decidimos renunciar ao nosso triunfo para que haja eleições, tudo isto pela Bolívia, pela pátria.”

Cerca de uma hora antes, o comando das Forças Armadas da Bolívia e os chefes de polícia haviam feito anúncios pedindo a renúncia de Morales.

Eleições iniciaram crise que levou à renúncia

A decisão de Evo Morales ocorre vinte dias após a votação que teria lhe garantido o quarto mandato consecutivo à frente do governo boliviano já no primeiro turno, vencendo o opositor e ex-presidente Carlos Mesa.

O resultado das eleições de 20 de outubro, no entanto, foram contestados pela oposição e deflagraram grandes protestos contra e a favor de Morales.

Os confrontos entre partidários e opositores do presidente se intensificaram na última semana.

Motins em quartéis e auditoria

No sábado (9), houve notícias de motins em quartéis de polícia. No domingo, a auditoria eleitoral feita pela OEA (Organização dos Estados Americanos) apontou a existência de indícios de fraude. De imediato, Morales foi à TV para anunciar que aceitava o resultado da auditoria e convocaria novas eleições.

À tarde, a movimentação nas ruas aumentou. Com a prisão de membros do Tribunal Supremo Eleitoral, acusados de envolvimento com as fraudes, e adesão das Forças Armadas, da Chefia de Polícia e da Defensoria Pública às pressões por renúncia, Morales partiu de avião de La Paz para Chimboré.

No pronunciamento sobre a renúncia, Morales denunciou diversos atos violentos contra líderes do seu partido MAS e às famílias dele e de Linera. “Se algo acontecer com Evo ou Álvaro, saibam, será responsabilidade de Mesa e Camacho.”

Substância do ipê-roxo é testada em novo remédio contra câncer de próstata

Foto: Reprodução/Flickr

O ipê-roxo, árvore comum na mata atlântica brasileira, está no centro de pesquisas que investigam um novo tratamento para o câncer de próstata. O projeto, feito em parceria entre pesquisadores da UFC (Universidade Federal do Ceará) e da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), criou uma substância análoga à beta-lapachona, encontrada nas árvores com menor toxicidade.

A pesquisa foi finalista na categoria inovação tecnológica em oncologia da edição 2019 do prêmio Octavio Frias de Oliveira, uma iniciativa do Icesp (Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octavio Frias de Oliveira), em parceria com o Grupo Folha. A patente foi registrada nos EUA com ajuda da Universidade do Texas.

Segundo uma das autoras da pesquisa, Cláudia do Ó Pessoa, da UFC, os medicamentos hoje no mercado enfrentam dois problemas: a resistência que as células tumorais desenvolvem ao longo do tratamento e os efeitos colaterais, que muitas vezes impedem a pessoa de continuar recebendo a terapia.

As pesquisas com plantas da biodiversidade brasileira visam encontrar soluções para esses dois problemas. A toxicidade da beta-lapachona e, consequentemente, os efeitos colaterais que ela pode causar foram dribladas com a associação do selênio, que ajudou a poupar as células normais e atingir apenas as células tumorais.

Os testes foram feitos in vitro e ainda precisam ser validados em animais. Na UFMG, a pesquisa foi liderada por Eufrânio Nunes Silva Júnior. Também participam Eduardo Henrique Guimarães Cruz, da Universidade Federal de Santa Catarina, e David A. Boothman e Molly Silvers, da Universidade do Texas.