Vitória da Conquista: MPF denuncia 21 hackers que atuavam na cidade

Vinte e uma pessoas denunciadas e sete presas. Esse foi o resultado da Operação Lammer, deflagrada pelo Ministério Público Federal (MPF) em Vitória da Conquista e pela Polícia Federal para desmascarar a organização criminosa que, desde 2010, praticava fraudes contra instituições financeiras pela internet.

As investigações identificaram que o golpe chegou ao montante de R$ 289.160,00. A acusação foi apresentada pelo MPF em 23 de dezembro de 2015. No dia 31 de dezembro de 2015, a Justiça Federal recebeu a denúncia.

Todos devem responder por invasão de dispositivo informático alheio, cuja pena prevista é de reclusão de seis meses a dois anos e multa; por furto qualificado, com pena de reclusão de dois a oito anos, e multa.

Devem responder, ainda, por promoção de organização criminosa, cuja pena é de reclusão de três a oito anos e multa. Durante as investigações, foram identificadas no mínimo 15 operações, e o MPF acredita que a atuação da organização seja ainda mais extensa.

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail

Oclides da Silveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.