Condeúba/Distrito do Alegre: Inaugurado o “Espaço de Cultura Laurinda e José” naquele Distrito

Por Oclides da Silveira

A professora Joandina ouvindo atentamente as palavras proferidas pelo Presidente da Associação do Alegre Sr. Ozorino

Foi inaugurado neste domingo dia 9 de junho de 2019, o primeiro “Espaço Cultural Laurinda e José” localizado à Avenida Minas Gerais, ao lado do numero 163 no Distrito do Alegre – Condeúba/BA. O evento começou às 15:00 horas, teve no cerimonial a professora e escritora Joandina Maria de Carvalho neta dos homenageados com os nomes do local Laurinda e José Martins de Carvalho.

“Joandina quero destacar com muita ênfase, a importância histórica da inauguração do “Espaço Cultural Laurinda e José” no Distrito do Alegre, pois, aqui será preservada a história local e ao mesmo tempo, será ampliada e divulgada a nossa cultura, através deste ambiente cultural  que hora estamos inaugurando”, pontuou a professora Joandina.

O Espaço Cultural nasceu anexo à Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Alegre, cujo Presidente Sr. Ozorino fez uso da palavra e disse:  “Me orgulho muito neste momento por estar ampliando o viés da nossa Associação, por um lado de suma importância que é a preservação histórica da cultura de nosso lugar”, pontuou o Presidente Ozorino.

O Espaço Cultural começou muito bem retratando um começo de árvore genealógica dos homenageados escrito num quadro exposto na parede de uma das salas. No mesmo sentido teve uma bela e rica exposição de antiguidades, com fotografias das pessoas mais antigas que nasceram ou moraram no Distrito do Alegre. Também teve alguns objetos históricos expostos como almofada com os birros para fazer renda, roda de fiar, radiola com os discos LP – Long Play, revistas e livros muito antigos, pote de barro, ferro a brasa para passar roupas, entre outros.

Compareceram muitas pessoas de mais idade para prestigiar o evento, o professor de história Celson que mora no Distrito, além dos vereadores Reginaldo Nascimento do PSB e José Reis do PCdoB que também é residente no Distrito do Alegre. Na sua fala José Reis usando o microfone afirmou a importância daquele Espaço Cultural, também destacou o nome do homenageado contando um pouco da história, que ele viveu e conviveu com o Sr. José Martins.

Por último, e por estarmos em plena festas de São João, foi servido comes e bebes tipicamente junina, como canjica,  chá de amendoim, bolos etc. tudo ao agradabilíssimo som e música ao vivo da dupla Cabral e Zé Ribeiro que são moradores do Alegre. Onde tem Cultura a Folha se fez presente para registrar com o Jornalista Oclides da Silveira.

Fotos: JFC

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail

Redação

6 Comments

  1. Mais um espaço para divulgação da Cultura do nosso povo. Desta vez na Vila Judiciária do Alegre. Parabéns a Joandina e família por essa bela obra. Assim, vamos apresentando e mostrando aos jovens que um povo culto e ordeiro é um povo civilizado .

  2. Parabenizo a todos os envolvidos por esta boa ação desse novo espaço cultural, e em especial, a minha colega professora e escritora, Joandina Maria de Carvalho, por apoiar o evento. O Alegre, como também a sede municipal de Condeuba merecem um espaço como esse. Estamos juntos para difundir e fazer acontecer a cultura no espaço criado para ela. Um abraço a todos!

    Antônio Santana,
    Professor, escritor e poeta.

  3. É imprevisível a importância da cultura em contexto social e histórico. Parabéns a todos apoiadores envolvidos que participaram direto e indiretamente para a realização deste projeto… Fizeram um excelente investimento… Investindo no Futuro Cultural do nosso município! Que os jovens e toda população possa usufruir e fazer muita história neste espaço! Afinal, o primeiro passo foi dado, saudações a ilustre historiadora Joandina e a todos que fizeram história neste dia tão especial. Viva a Cultura!

  4. Parabenizo a professora Joandina pelo trabalho em prol de nossa cultura e nossas raízes tradicionais. Com esse centro cultural, o distrito do Alegre nos dá um grande exemplo de zelo e amor pela cultura popular de nosso povo. Como seria bom ter um espaço assim em nossa Condeúba, como seria proveitoso!!! Infelizmente ainda somos carentes de mais investimentos na cultura e não podemos deixar de lutar, de cobrar, de reivindicar mais atenção pra nossa cultura local. Condeúba é carente de um museu, um arquivo bem organizado, um espaço cultural vivo e de memória de nossa história.

  5. Fiquei muito contente com o trabalho de Joandina no Alegre. Ela me surpreendeu com o centro cultural. Pena que nossa cultura não preza por isso, não apoia quem realmente gosta da cultura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.