Ituaçu: Itaguarana e Itapuama atrasam salários e trabalhadores param atividades

Na manhã desta segunda- feira (20), os trabalhadores da fábrica de cimento Itaguarana e Itapuama, em Ituaçu, no sudoeste baiano, decidiram fazer uma paralisação de advertência durante o dia em protesto contra o atraso no pagamento dos salários, que já dura dois meses.

A decisão ocorreu após assembleia realizada entre os funcionários e a diretoria do Sindicato dos Mineradores na portaria das empresas.

Na assembleia ficou aprovado também que, caso a empresa não pague os salários em atraso, será deflagrada greve por tempo indeterminado.

Para o presidente do Sindmine, José Santana de Andrade, atrasar salário é uma demonstração inequívoca de falta de compromisso com os trabalhadores, que são os principais responsáveis pela lucratividade das empresas.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *