Mais de 40 milhões de eleitores ainda não realizaram a biometria

Para poder votar nas eleições de 2020, cerca de 40 milhões de eleitores, de 1.700 cidades brasileiras precisam fazer o recadastramento. A biometria começou em 2008 com pouco mais de 40 mil eleitores em apenas três cidades, números que foram aumentando nos últimos anos. O Tribunal Superior Eleitoral espera que 13 milhões de brasileiros sigam esse exemplo.

Atualmente, dos 147 milhões de eleitores, 110 milhões já fizeram a biometria. Para as eleições municipais de 2020, o TSE espera chegar a 123 milhões de eleitores com biometria.

Nas cidades em que a biometria é obrigatória, quem não comparecer no prazo pode ter o título de eleitor cancelado. Os tribunais regionais estabeleceram o calendário de mudança em cada um dos municípios. Os prazos variam de estado para estado, de cidade para a cidade.

O eleitor tem que procurar o site do TRE do seu estado ou do TSE para saber quando terá que fazer a biometria.

Bahia tem mais 85% de eleitores com recadastramento biométrico

Foto: Divulgação/TRE-BA

A Bahia terminou a fase do cadastramento biométrico com mais de 85% dos eleitores com recadastramento biométrico regularizado em 39 municípios baianos. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (1º) pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA).

Segundo informações do TRE, apesar do recadastramento de 455.152 mil eleitores, não foram registradas ocorrências de filas durante todo o período da revisão. A Bahia ultrapassou a marca de 9 milhões de eleitores biometrizados e é o segundo estado com mais eleitores revisados, atrás de São Paulo e possui o maior percentual entre os regionais de grande porte.

De acordo com o TRE, das três cidades que bateram recorde no atendimento, se destacou, em primeiro lugar, o município de São Gonçalo dos Campos que registrou o maior percentual de biometrizados com 93,88% (26.401). Já a cidade de Conceição da Feira registrou 93,42% (15.682) de atendimentos. Em terceiro lugar, com 90,68% (11.118), ficou Angical.

TRE pode cancelar títulos eleitorais em 39 cidades na Bahia

O prazo para a revisão biométrica de eleitores, termina na próxima quinta-feira (31), em 39 cidades da Bahia. A ausência do cadastramento junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) pode ocasionar o cancelamento dos títulos eleitorais.

Para ser atendido nos cartórios das 15 zonas envolvidas, o eleitor deverá apresentar documento oficial de identificação com foto, comprovante de residência atual e o título de eleitor. Homens com idade entre 18 e 45 anos que vão solicitar o primeiro título precisam também levar um documento que comprove a quitação com a Justiça Militar.

O cancelamento do título, conforme o Código Eleitoral, acarreta em prejuízos como: impossibilidade de obtenção de empréstimos em instituições públicas, dificuldade para tirar ou renovar o passaporte, não tomar posse em concurso público, impedimento na renovação de matrícula em instituição pública, entre outros.

Vitória da Conquista: mais de 160 mil títulos podem ser cancelados na cidade

Por Thiego Souza do site da CDL
Justiça Eleitoral convoca cidadãos a realizarem o recadastramento biométrico e reforça que a revisão do eleitorado no município está em fase obrigatória

tituloMais de 160 mil títulos de eleitor ainda podem ser cancelados em Vitória da Conquista. O alerta é do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) em reforço a convocação dos eleitores da cidade para que compareçam ao cartório ou postos da Justiça Eleitoral e realizem o recadastramento biométrico. A revisão do eleitorado está em fase obrigatória no município e aquele cidadão que não passar pelo procedimento terá o título cancelado.
O eleitor de Vitória da Conquista pode realizar o recadastramento biométrico em três postos de atendimento:
– Fórum Eleitoral (Avenida Olívia Flores, S/N, Candeias), de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h;
– Posto do SAC, localizado no Shopping Conquista Sul, com funcionamento das 9h às 17h. (somente agendamento através do site do SAC);
– Centro Glauber Rocha, localizado na Av. Brumado, s/n, bairro Brasil (próximo da BR-116), das 8h às 13h.
Números
Desde que o TRE da Bahia e a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista assinaram um convênio, em maio de 2017, mais de 33 mil eleitores realizaram a biometria, um aumento de 70% em cinco meses.
Em maio, quando o convênio foi assinado, dos 228.144 eleitores de Vitória da Conquista, apenas 37.837 (16,585%) haviam realizado a biometria. Em números atualizados, já são 231.437 eleitores na cidade, sendo que, desses, 71.261 (30,79%) realizaram o recadastramento biométrico. Os 160.176 eleitores que ainda não fizeram o procedimento, precisam procurar um dos postos de atendimento da cidade para a atualização eleitoral.
Aqueles que não comparecerem terão o título cancelado, ocasionando assim a suspensão do pagamento do Bolsa Família, benefício do Governo Federal. A sanção é prevista pelo Código Eleitoral, artigo 7º. O prazo para o comparecimento do eleitor é até 31 de janeiro de 2018.
Consulte débito
Antes de comparecer ao cartório, os eleitores deverão consultar se possuem pendências com a Justiça Eleitoral e emitir boleto para pagamento de multa (Guias de Recolhimento da União). Para isso, basta acessar o site (www.tre-ba.jus.br) e, por meio do menu principal, seguir o caminho: Eleitor > Débitos do eleitor. O comprovante de pagamento deverá ser apresentado no momento do atendimento. Informações podem ser obtidas por meio dos números (77) 3424-6260/ 6214 e/ou (77) 3422-4606.
Veja documentos necessários para fazer o recadastramento biométrico