Paróquia de Santo Antônio/Condeúba: Foi lançado oficialmente a Campanha da fraternidade 2019

Por Oclides da Silveira

Como já havia sido anunciado, ontem dia 27 de fevereiro de 2019,  às 20:00 horas no Centro Pastoral de Condeúba, foi feito de forma oficial o lançamento da Campanha da Fraternidade do ano de 2019, que traz como tema deste ano “Fraternidade e Políticas Públicas” e o lema é, “Serás libertado pelo direito e pela Justiça” (Is 1,27).

A Igreja Católica vem fazendo a Campanha da Fraternidade a cerca de 50 anos. Tem alcançado excelentes resultados de cunho social, como a Pastoral da Criança, as cisternas, alfabetização de adultos através do método Paulo Freire, entre tantos outros.

A palestra de ontem, foi ministrada pelo Teólogo e Professor Antônio Santana, que com muita precisão  dissertou sobre o tema. Santana é um grande conhecedor da área, e por isso, demonstrou seu talento de forma muito simples como ele sempre foi, mesmo sendo o tema deste ano da CF bastante provocativo.

Palestrante professor Antônio da Cruz Santana

A palestra foi bastante atrativa em determinados momentos, porém chamava a atenção do público quando se tocava no assunto “Fé e política”. Isto porque na cabeça de alguns fiéis ainda paira a dúvida de que religião não deve se misturar com política.

 É nessa pegada que a CF deste ano, provoca e aguça os católicos para agir e lançar as redes com mais profundidade no tema. O professor Santana alertou por diversas vezes, que não basta votar e achar que já cumpriu com o seu dever de cidadão. Pelo contrário, o processo se inicia a partir do voto.

É dever também dos católicos de participar da sociedade civil organizada, como militar nos conselhos, associações e sindicatos, discutir com as autoridades constituídas as aplicabilidades das Políticas Publicas local, sempre tendenciando os resultados em benefício dos mais necessitados, assim como preconiza a Doutrina Social da Igreja – DSI.

A Campanha da Fraternidade 2019 já provocou bons resultados, o Padre José Silva nosso Pároco, anunciou ontem que foi montando uma equipe de trabalho, com o aval do CPP – Conselho Pastoral Paroquial, tendo objetivo de provocar ações concretas em diversas frentes, como por exemplo: A primeira delas será um movimento popular em torno do asfaltamento dos 51 quilômetros dessa Rodovia que liga Condeúba a Caculé. Que outrora foi intitulada num poema e com muita propriedade escrito pelo poeta Leandro Flores de “Estrada da Vergonha”.

Pois bem, essa mesma frente que foi montada pela nossa Comunidade, foi também criada nas outras Paróquias da região como Cordeiros, Piripá, Caculé e outras. Cada uma atuará em suas regiões atendendo e ajudando suas localidades quando o tema for local, mas todas agirão em conjuro quando o assunto for do interesse coletivo, a exemplo do asfaltamento dessa estrada que liga Condeúba a Caculé, aí sim todas as Paróquias estarão agindo em conjunto.

Para encerrar o Padre José Silva fez uma citação de Graciliano Ramos, que diz. “O povo não tem grandes amigos, o maior amigo do povo, é o próprio povo organizado”.

Fotos: JFC

 

 

 

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail

Redação

One Comment

  1. Parabéns à Paróquia de Condeúba por anos ajudar a compreender melhor sobre o tema “Fraternidade e políticas públicas”, proposto pela CNBB, e, ao professor Santana, pela colaboração, competência e disponibilidade em repassar o assunto, incentivando-nos à participação na construção de uma sociedade mais justa e fraterna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.