Arquivos diários: 1 de março de 2019

Condeúba: Inaugurada a Clinica Life, mais uma grande opção de saúde ao povo condeubense

Por Oclides da Silveira

Foi inaugurada mais uma grande opção de atendimento médico ao povo de Condeúba e adjacências, trata-se da Clinica Life cuja proprietária é a condeubense Dra. Fabiele Oliveira. Estivemos na inauguração e todos que por lá passaram, constataram que é uma clinica moderna e muito bem estruturada, salas aconchegantes mobiliários e aparelhos de ultima geração, são dois andares com muito conforto para a clientela usufruir, além de uma escada bastante suave tem também um elevador para as pessoas que eventualmente não possam subir em escadas.

A Clinica Life já está em funcionamento, então você pode observar o cartaz acima e marcar sua consulta numa das especialidade ali elencadas. Com relação aos preços, podem ficar tranquilos são bastante acessíveis. Parabenizamos a Dra. Fabiele e sua equipe de trabalho pelo grande investimento feito na Clinica Life que está a disposição de todos nós. Continue lendo Condeúba: Inaugurada a Clinica Life, mais uma grande opção de saúde ao povo condeubense

Condeúba: Carnaval 2019, Bloco da Terceira Idade inicia desfile deste ano

Assistência Social

Desfile de carnaval 2019, Bloco da Terceira Idade

Bloco Veia é a mãe esbanjou animação e vitalidade nesta noite 28 de fevereiro de 2019. Ao ritmo de algumas antigas marchinhas de Carnaval e muitos sucessos populares os idosos que integram o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para a terceira idade do CRAS caíram na folia. Tivemos também um desfile onde elegemos a rainha e o rei momo do carnaval. O evento foi realizado pelo CRAS com o apoio da Secretaria Municipal de Assistência Social. Continue lendo Condeúba: Carnaval 2019, Bloco da Terceira Idade inicia desfile deste ano

Justiça: Lula pede à Justiça para comparecer a velório do neto

Ex-Presidente Lula com seu netinho Artur falecido hoje

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu nesta sexta-feira (1º) à Justiça Federal em Curitiba para deixar a prisão e comparecer ao velório do neto, Arthur Lula da Silva, de 7 anos, que morreu vítima de meningite meningocócica, em Santo André (SP).

Na petição encaminhada à juíza Carolina Lebbos, os advogados do ex-presidente argumentaram que Lei de Execução Penal (LEP) prevê que presos possam deixar a prisão para comparecer ao velório de um parente próximo.

Lula está preso desde 7 de abril do ano passado por ter sua condenação no caso confirmada pelo Tribunal Regional Federal (4ª Região), que impôs pena de 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá (SP).

Em janeiro, Lula também pediu para deixar a prisão para comparecer ao velório do irmão, Genival Inácio da Silva, conhecido como Vavá, que morreu em decorrência de câncer no pulmão. No entanto, o pedido foi negado pela juíza Carolina Lebbos.

A decisão foi confirmada pelo desembargador federal Leandro Paulsen, do TRF4, mas o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, aceitou recurso da defesa e autorizou a saída de Lula.

No entanto, o ex-presidente não aceitou as condições da decisão, que determinava que o encontro com os parentes deveria ocorrer em um quartel das Forças Armadas. Além disso, a liminar foi deferida quando o velório tinha começado.

Marcha das Mulheres vai protestar contra Reforma da Previdência em Conquista

O Fórum de Mulheres de Vitória da Conquista realizará a Terceira Marcha de Mulheres, em 8 de Março, Dia Internacional da Mulher. Neste ano, a iniciativa irá destacar o tema ‘Pela vida das Mulheres, em defesa das liberdades democráticas e contra a reforma da previdência’.

Conforme as organizadoras, a marcha sairá às 08h30 da Praça Barão do Rio Branco e percorrerá as principais ruas do Centro Comercial. A ideia é chamar a atenção da sociedade civil para as demandas do público feminino.

Economia brasileira cresce 1,1% em 2018, mesmo ritmo de 2017

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 1,1% em 2018, na segunda alta anual consecutiva após 2 anos de retração. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (28) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em valores correntes, o PIB em 2018 totalizou R$ 6,8 trilhões.

Já o PIB per capita (por habitante) teve alta de 0,3% em termos reais, alcançando R$ 32.747 em 2018. De acordo com o G1, o desempenho da economia brasileira no ano foi decepcionante diante das expectativas iniciais, repetindo o avanço registrado em 2017, quando o PIB também avançou 1,1%.

Apesar da frustração, o resultado veio dentro do esperado por boa parte do mercado, que ao longo do ano foi revisando seguidamente para baixo as previsões para o PIB. A piora nas expectativas do mercado veio na esteira da greve dos caminhoneiros, de incertezas políticas e eleitorais, e da piora do cenário internacional.

A última previsão dos analistas financeiros, em pesquisa feita pelo Banco Central na semana passada, foi de um crescimento de 1,21% em 2018. O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia.

Obra do artista plástico Dill Rocha que é brumadense ganha primeiro lugar em exposição internacional em Salvador

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste – Artista Plastico Dill Rocha ganhador do premio em 1º lugar

O artista plástico brumadense Dill Rocha acaba de ser premiado com a primeira colocação, na categoria realismo, em uma exposição internacional que aconteceu na cidade de Salvador. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, ele disse que recebeu o convite para participar do evento. “Foi tudo em cima da hora, não tive nem como levar alguns quadros que já tinha feito.

Tive que abrir a minha mente para pintar esse quadro”, disse, se referindo à obra que ganhou a primeira colocação. O artista plástico italiano Giuliano Ottaviani foi quem avaliou as pinturas durante a exposição. Na cidade, Dill costuma expor as suas obras ao lado do Cemitério Senhor do Bonfim, porém a comunidade não prestigia a sua arte como deveria.

“É gratificante saber que pessoas lá do outro lado do mundo vêm me reconhecer e aquelas pessoas que eu achava que iriam me abraçar não me abraçaram. Na hora que eu mais precisei não tive esse apoio aqui dentro. Tenho que correr para os de fora”, lamentou. Após a premiação, o artista ganhou maior notoriedade no município e ele pretende agarrar a oportunidade com a participação em novas exposições, inclusive internacionais. “Graças a Deus, as coisas vão começar a evoluir”, afirmou.