Mundo Negro: Morre a atriz e diretora de teatro Erika Ferreira, com suspeita da COVID-19

Foto: Reprodução Internet

A atriz, diretora e professora de teatro Erika Ferreira, da Companhia Teatral Agromelados, morreu neste sábado (28), com suspeita de coronavírus. Ela estava internada desde terça-feira (24) com gripe muito forte e falta de ar.

A informação foi divulgada nas redes sociais pela Escola Fábrica Oficina Social de Teatro, onde Erika atuava, e também foi confirmada pela Escola de Teatro Martins Penna, onde a atriz se formou.

Natural de São Gonçalo, Erika Ferreira começou a carreira em 1991. A atriz era conhecida por sua forte atuação social junto ao movimento negro, sendo muito ativa no ensino do teatro.

Ela participou como atriz de vários espetáculos, como “Omi – do leito ao mar”, da Companhia Ávida, e por esse trabalho ganhou o prêmio de melhor atriz coadjuvante no 13° Festival Nacional de Teatro. Erika era casada com o ator Sylvio Moura.

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.