Day: 13 de maio de 2020

Condeúba/Lagoa do Curral: Morreu o Sr. José Pereira da Silva aos 88 anos de idade

 

 

Sr. José Pereira da Silva, morreu aos 88 anos de idade

Morreu na tarde desta quarta-feira dia 13 de maio de 2020 às 16h27min., o Sr. José Pereira da Silva aos 88 anos de idade. Ele deixou viúva a Sra. Melvina Maria de Jesus 10 filhos além de muitos netos e bisnetos. Seu corpo será velado amanhã cedo dia 14/5 das 7:00 às 8:00 horas na Igreja da Lagoa do Curral. Por recomendação da Vigilância Epidemiológica, é necessário evitar aglomerações epede que todos venham usando máscaras. O sepultamento será em seguida às 9:00 horas no Cemitério Municipal do Distrito do Alegre.

Atendimento: FUNERÁRIA ISAAC PRÓ-TANATUS

Nós do Jornal Folha de Condeúba, deixamos nossos profundos sentimentos à família enlutada, por essa perda irreparável deste ente tão querido. Que o bom Deus o tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz Sr. José Pereira.

Condeúba/Legislativo: Foi realizada a 11ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, em dia e horário diferenciado por conta dos 159 anos de emancipação do município

Momento em que todos professava a oração do Pai Nosso, os vereadores todos com máscaras, estão usando também um espaço improvisado à frente do Plenário para ficar com maior distância entre eles, conforme recomendações da Vigilância Epidemiológica

PEQUENO EXPEDIENTE: Nesta quarta-feira dia 13 de maio de 2020, foi realizada a 11ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Condeúba, com dia e horário diferenciado do habitual. O início da Sessão foi às 17:00 hs., com a entoação do Hino Nacional, seguido foi o momento de reflexão feito pela vereadora Nena (PL), em seguida todos rezaram a oração do Pai Nosso. Pela ordem, o Presidente Maurilo vendo que havia numero legal, declarou aberta a Sessão. Na sequencia foi feito a leitura da ata da Sessão anterior. Leitura do parecer da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final ao Projeto de Lei nº 006/2020 “Autoriza o Poder Legislativo Municipal a proceder doação de bens móveis ao Executivo”. Leitura do Requerimento nº 005/2020 – “Requer audiência Pública para o próximo dia 19 de maio de 2020, com o Executivo Municipal para discutir a cerca de salários, e dos direitos dos profissionais que são expostos a atividades de risco à sua saúde”. Continue lendo

Condeúba: Morreu a Sra. Cândida Maria Araujo Melo aos 96 anos de idade

 

 

Sra. Cândida Maria Araujo Melo, morreu aos 96 anos de idade

Morreu nesta tarde de quarta-feira dia 13 de maio de 2020, às 13:00 horas a Sra. Cândida Maria Araujo Melo, deixou viúvo o Sr. Jovino Martins de Melo e um filho Domingos Martins de Melo além de 4 netos e 3 bisnetos. Seu corpo está no memorial São Matheus até amanhã cedo (14/5) às 05:00 horas, dai será transladado para o município de Pai Pedro Estado de Minas Gerais, onde será sepultado.

Atendimento: FUNERÁRIA SÃO MATHEUS

Nós do Jornal Folha de Condeúba, deixamos nossos profundos sentimentos à família enlutada, por essa perda irreparável deste ente tão querido. Que o bom Deus a tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz Sra. Cândida.

Vans de transporte irregular são apreendidas na “Estrada da Barra” pela PRE

Fonte: S.DigitalA Policia Rodoviária Estadual (PRE) autuou duas vans e apreendeu outra que fazia transporte irregular de passageiros, na BR-415, conhecida Estrada da Barra. A operação de enfrentamento à pandemia do Coronavírus contou com apoio da Agerba.

A Policia Rodoviária Estadual e a AGERBA* realizaram uma barreira de fiscalização de transportes irregulares na BR-415 (Estrada da Barra do Choça) no intuito de coibir veículos (VANs) que estavam descumprindo o que foi determinado em DECRETO Nº 19.554 DE 21 DE MARÇO DE 2020 que trata da suspensão , circulação e a saída, e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans, no Município de Vitória da Conquista.

Na Operação 13 VANs e 06 Automóveis foram abordados. Dessas, 02 VANs foram autuadas e 01 VAN foi apreendida por descumprimento da Lei.

O Ten Marcos Farias da Assessoria de Comunicação da PRE informou que as fiscalizações onde compete a atuação da Polícia Rodoviária Estadual será cumprida à risca naquilo que compete a Lei para a proteção da População de Vitória da Conquista em tempo contágio da COVID – 19, e que a cada dia a Operação será intensificada em pontos diferentes das rodovias Estaduais que dão acesso a entrada em nosso Município.

Rui Costa anuncia retomada do atendimento das policlínicas; municípios do Sudoeste resistem a ideia do governador

da Redação com informações da Secom/Bahia

Policlínica de Conquista. Foto: Secom-BA

A Policlínica de Vitória da Conquista está temporariamente com as atividades suspensas. Vitória da Conquista, Anagé, Barra Da Choça, Belo Campo, Bom Jesus Da Serra, Caatiba, Caetanos, Cândido Sales, Caraíbas, Condeúba, Cordeiros, Encruzilhada, Ibicuí, Iguaí Itambé, Itapetinga, Itarantim, Macarani, Maetinga, Maiquinique, Mirante, Nova Canaã, Piripá, Planalto, Poções, Presidente Jânio Quadros, Ribeira do Largo e Tremedal são os municípios que fizeram adesão ao Consórcio.

Resistência

O Consórcio que agrega vários municípios do Sudoeste da Bahia, comandado pelo prefeito José Henrique Silva Tigre (Quinho), de Belo Campo, esteve reunido recentemente para tomar posição em relação ao retorno das atividades da Policlínica. Segundo informações que merecem confirmação, os prefeitos, não estão convencidos ainda da retomada do atendimento.

Pacientes têm evitado tratamento em hospitais com medo da contaminação pelo coronavírus o que pode acontecer também nas policlínicas em todo Estado da Bahia.

Em nota divulgada pela Secretaria de Comunicação do Governo da Bahia, o governador Rui Costa (PT) defende a reabertura da Policlínica de Vitória da Conquista, e destaca as medidas de segurança. Confira a íntegra da nota:

Governador anuncia retomada do atendimento das policlínicas com medidas de segurança

Na noite desta terça-feira (12), o governador Rui Costa anunciou, durante transmissão ao vivo nas redes sociais, que a reabertura das Policlínicas Regionais de Saúde na Bahia já foi iniciada e ocorre em alinhamento com os gestores municipais. Rui ainda informou que a Policlínica de Barreiras voltou a atender à população nesta terça-feira (12).

Segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), na próxima segunda-feira (18), as unidades de Irecê, Valença, Senhor do Bonfim e Teixeira de Freitas serão reabertas. Esses equipamentos de saúde tiveram o atendimento suspenso como forma de conter o avanço do novo coronavírus na Bahia.

“As policlínicas dependem do Estado e das Prefeituras. Por isso, conversei com todos os presidentes de consórcios que administram essas unidades, sinalizando meu posicionamento para o que o atendimento fosse retomado nesta semana. Algumas unidades terão a sua reabertura postergada diante do cenário do avanço do novo coronavírus. Estamos retomando as atividades para garantir à população o tratamento para outras doenças e que não podem esperar”, explicou o governador.

De acordo com a Sesab, para a reabertura das policlínicas, foi estabelecido que as cidades que não tivessem registro de novos casos do coronavírus durante 14 dias poderiam retomar as atividades. As unidades de Jacobina, Juazeiro, Alagoinhas, Itabuna, Jequié, Paulo Afonso e Vitória da Conquista ainda não possuem previsão de reabertura, pois ainda apresentam casos confirmados recentemente. A Bahia possui 16 policlínicas regionais, que atendem cerca de dois milhões de pessoas.

A Sesab também estipulou a testagem das equipes como critério para a reabertura dos serviços e atendimentos das policlínicas. As equipes médicas e de apoio administrativo, incluindo agentes de segurança e motoristas, que atuam nas policlínicas estão sendo submetidos a exames para detecção da Covid-19 e, a cada 15 dias, os exames serão repetidos. Os funcionários que tiverem o diagnóstico confirmado serão afastados por 14 dias.

Além dessas ações, para diminuir o risco de contaminação, as unidades deverão reduzir o fluxo de pessoas, manter os assentos das recepções organizados de modo que os pacientes se acomodem intercalados, cumprindo o distanciamento mínimo de 1,5 metro, minimizando o possível contato entre os pacientes. Também será reduzido o acesso de pessoas aos refeitórios simultaneamente para evitar aglomerações, dispondo as cadeiras para uso intercalado, com manutenção do distanciamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Transporte

Os pacientes transportados nos micro-ônibus das policlínicas passarão por uma triagem no seu município de origem antes de entrar no veículo. As pessoas que apresentarem mais de um sintoma compatível com a doença, como temperatura acima de 37.8, não poderão embarcar e serão encaminhadas a uma unidade de referência. A lotação máxima do micro-ônibus será reduzida para 50%. As janelas devem ficar abertas para circulação do ar e o uso do ar-condicionado evitado. Os usuários do veículo devem ficar distantes uns dos outros, de forma que em cada assento duplo permaneça apenas uma pessoa.

Repórter: Tácio Santos

Anagé e Caetité registram primeiros casos de coronavírus

Igreja Senhora Santana de Caetité – Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Os municípios de Anagé e Caetité, localizados na região sudoeste da Bahia, registraram nesta terça-feira (12), seus primeiros casos de Covid-19, o novo coronavírus. Segundo informou a secretaria de saúde de Anagé ao site Achei Sudoeste, o primeiro caso é de uma mulher de 72 anos, que chegou ao município há 15 dias de São Paulo.

Ainda segundo a pasta, a paciente estava sendo monitorada desde a sua chegada, quando apresentou sintomas leves da doença. Já em Caetité, o primeiro caso é de um homem, com idade entre 24 e 30 anos, que esteve a trabalho na região sul da Bahia. Ele teria regressado ao município na última sexta-feira (08).

A secretaria de saúde local, afirmou que o paciente testou positivo para a Covid-19 após apresentar sintomas gripais e realizar teste rápido em uma unidade de saúde particular da cidade. De acordo com a Vigilância Epidemiológica, um novo material para exame está sendo coletado (RT- PCR) e será enviado para o Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen), em Salvador.

7 milhões no trabalho formal tiveram salário reduzido ou suspenso

Mais de 7 milhões de brasileiros já tiveram redução de jornada e salário ou suspensão do contrato de trabalho. De acordo com dados do Ministério da Economia, até as 11h desta terça-feira (12), o programa criado para minimizar os impactos da pandemia de coronavírus e preservar empregos formais já reunia um total de 7,19 milhões de acordos fechados entre empresas e trabalhadores.

De acordo com o G1, esse número representa 20,7% dos empregados com carteira de trabalho no setor privado. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Mensal (PNAD Contínua) do IBGE, o país tinha no trimestre encerrado em março 34.736 trabalhadores formais, incluindo os domésticos. Ou seja, 1 em cada 5 trabalhadores formais já teve corte de salário ou contrato suspenso no país.

Em razão da pandemia, o governo autorizou redução de jornada e salário de 25%, 50% ou de 70% por um prazo máximo de 90 dias. A medida também permite a suspensão total do contrato de trabalho por até dois meses. Pelas regras do chamado Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm), os trabalhadores que tiveram corte na jornada e no salário vão receber do governo uma complementação financeira equivalente a uma parte do seguro-desemprego a que teriam direito se fossem demitidos.

Já os com contrato suspenso vão receber o valor mensal do seguro-desemprego. O programa também prevê auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores intermitentes com contrato de trabalho formalizado.

Medida Provisória 936 que criou o programa prevê também a garantia provisória no emprego por um período igual ao da suspensão do contrato ou da redução da jornada. A medida já tem força de lei e já recebeu o aval do Supremo Tribunal Federal, mas precisa ser aprovada pelo Congresso Nacional em até 120 dias para se tornar uma lei em definitivo.

Governo Federal vai começar a testar droga contra Covid-19 em 500 pacientes

O governo brasileiro enviou na última segunda-feira (11) um comunicado a todas as suas representações diplomáticas e postos no exterior com informações sobre os avanços das pesquisas para produção uso de uma droga eficaz contra o coronavírus. Na circular enviada aos postos diplomáticos, o Ministério da Ciência e Tecnologia informa que seu Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais concluiu um teste realizado com cerca de 2.000 medicamentos existentes contra a Covid-19.

A data desse fato não é informada. Esses testes utilizaram ferramentas como biologia computacional para avaliar a eficácia do remédio, diz o documento. Um deles foi selecionado. Os testes in vitro, em laboratório, segundo o governo, revelaram eficácia de 94%.

De acordo com a coluna Radar, da Revista Veja, a próxima fase será testá-lo em 500 pacientes, sem data anunciada. E o nome do medicamento não foi divulgado. Esse comunicado é útil para diplomatas responderem a questionamentos no exterior sobre o que o Brasil está fazendo para combater o avanço do vírus no país.