Day: 4 de maio de 2020

Famoso ator da globo é encontrado morto e deixa carta relatando decepção com país e com pessoas: “a humanidade não deu certo”

Foto/Reprodução

O ator paulista Flávio Migliaccio, de 85 anos, encontrado morto na manhã desta segunda-feira (4) no sítio dele, na Serra do Sambê, em Rio Bonito, no Rio de Janeiro, deixou uma carta para a família. No documento, ele disse que “a velhice neste país é o caos” e que “a humanidade não deu certo.”

Na carta, Flávio revela uma decepção com o Brasil e com o ‘tipo de gente’ que acabou encontrando. “Me desculpem, mas não deu mais. A velhice neste país é o caos como tudo aqui. A humanidade não deu certo. Eu tive a impressão que foram 85 anos jogados fora num país como este. E com esse tipo de gente que acabei encontrando. Cuidem das crianças de hoje.”

Flávio Migliaccio ficou conhecido com o seriado infantil ‘Shazan, Xerife & Cia” e pelas novelas que fez na TV Globo. A mais recente foi ‘Órfãos da Terra’, no ano passado. Ele também atuou no seriado ‘Tapas e Beijos’, com Andréa Beltrão e Fernanda Torres.

O caseiro do sítio que Flávio mantinha desde 1970 encontrou o corpo do ator hoje, no quarto. Flávio deixa um filho, o jornalista Marcelo Migliaccio.

Confira a carta deixada pelo ator Flávio Migliaccio

Senado aprova pacote de R$ 120 bilhões para socorro de Estados e municípios

Foto: Divulgação

O Senado aprovou neste sábado, 2, projeto de lei de ajuda da União de 120 bilhões de reais para Estados e Municípios. Controverso, o texto inclui a suspensão de 60 bilhões de reais em pagamentos de dívidas desses entes, que já havia sido determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para 19 Estados e o total a ser economizado com o adiamento de reajustes salariais para funcionários públicos.

A rigor, o auxílio direto aos governos estaduais para repor perdas de arrecadação de ICMS e ISS será de 60 bilhões de reais. De acordo com a Veja, o projeto foi debatido remotamente, uma vez que os senadores não puderam se reunir no plenário por causa da pandemia de coronavírus. Foram 79 votos a favor e um contra – proclamados às 11h08, depois de seis horas de apreciação da Casa. O presidente do Senado,

Davi Alcolumbre, afirmou antes da votação que os parlamentares chegaram a uma “encruzilhada” e “viveram em clima muito tenso” com a aprovação do texto original pela Câmara dos Deputados. “Confesso que ouvi de muitos senadores que este seria um grande desafio”, afirmou, ao qualificar a sessão como histórica. O texto vindo da Câmara foi profundamente alterado em um acordo entre Alcolumbre e o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Artigo: A Politica também precisa se reinventar

De todas as pautas da grande mídia, da academia, do mercado, talvez só exista um consenso, as mudanças vieram para ficar, pós-COVID-19 e teremos um novo “normal”. E as mudanças vão continuar cada dia mais intensas, bruscas e emergentes, exigindo renovação.

Sempre fui uma pessoa e profissional que busquei me renovar. Já tive diversos ciclos de carreira, como médico-pediatra, depois empresário da área de saúde, gestor da área pública, politico, dirigente partidário e voluntário da área de saúde.

O que teve em comum destes meus ciclos, foram meus valores, a busca pela excelência e o espirito de servir á sociedade, independente da atividade.

A palavra do momento e até mais moderna, é reinvenção e comecei a me questionar ainda mais, com leituras sobre a Revolução Industrial 4.0, mindset digital, organizações 4.0, se também a politica não precisaria se reinventar? Continue lendo

Brasil: No Dia da Liberdade de Imprensa, equipe de reportagem é agredida com socos e chutes por bolsonaristas

Uma equipe de reportagem do jornal O Estado de S.Paulo acaba de ser agredida com socos e chutes por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em uma manifestação pró-governo realizada neste domingo (3), em Brasília. Hoje é comemorado o Dia da Liberdade de Imprensa.

Segundo o veículo, o fotógrafo Dida Sampaio registrava imagens de Bolsonaro em frente a rampa do Palácio do Planalto, na Esplanada dos Ministérios, numa área restrita para a imprensa quando foi agredido.

Sampaio usava uma pequena escada para fazer as fotos quando foi empurrado duas vezes por manifestantes, que desferiram chutes e murros nele. O motorista do jornal, Marcos Pereira, que apoiava a equipe de reportagem, também foi agredido fisicamente com uma rasteira. Os manifestantes gritavam palavra de ordem como “fora Estadão”.

O jornal informou que os dois precisaram deixar o local rapidamente para uma área segura e procuraram o apoio da Polícia Militar (PM). Eles deixaram o local escoltados pela PM. Os profissionais passam bem.

Os repórteres Júlia Lindner e André Borges, que também acompanham a manifestação, foram insultados, mas sem agressões físicas.

Estudantes criam sapato capaz de gerar energia limpa em Santo Antônio de Jesus

Foto: Divulgação

Estudantes do ensino médio da cidade de Santo Antônio de Jesus desenvolveram um projeto que relaciona saúde, meio ambiente e tecnologia. O grupo criou um tênis capaz de gerar energia elétrica. Intitulado EletroTênis, o calçado produz energia limpa enquanto o usuário pisa no chão.

De acordo com o G1, O trabalho surgiu em uma feira de ciências do Colégio Estadual Francisco da Conceição Menezes, no município. A energia é produzida em um circuito montado no calçado que é suficiente para acender dispositivos com LED.

A energia do EletroTênis é limpa e pode ser utilizada de várias maneiras, inclusive com armazenamento ou para carregar um celular imediatamente via entrada USB, explica o professor de física e orientador do projeto, Oziel Silva. O circuito de energia funciona por meio de um sistema de pastilhas piezoeléctricas acopladas no tênis, que geram energia quando são apertadas ou pressionadas.

Oziel avalia ainda que o trabalho funciona como esperado e passa por modificações para ser aprimorado. Os alunos Cauan Sampaio, Gustavo Pereira, Luis Fernando, Matheus Cabral e Zidane Victor, foram, recentemente, selecionados para participar da feira de ciências de Porto Alegre.