‘Fé, esperança e caridade’ é tema de retiro anual do clero diocesano

Foto – Divulgação

Terminou nesta quinta-feira (4) o retiro espiritual anual do clero da Diocese de Caetité. Foram quatro dias de retiro em que os padres, orientados pelo bispo de Livramento de Nossa Senhora, Dom Armando Bucciol, tiveram a oportunidade de tecerem reflexões profundas a respeito da temática “Fé, esperança e caridade”.

O bispo Dom Carvalho também esteve presente. No retiro, Dom Armando conduziu as pregações com sabedoria e ajudou os presbíteros a refletirem sobre a temática central, pensando o contexto da Igreja no passado e no presente e, ao mesmo tempo, apresentando os desafios que os padres têm na missão de cada dia.

Durante o retiro, teve Santa Missa todos os dias, além da Liturgia das Horas e outros momentos de devoção popular, como o Santo Terço e a Adoração ao Santíssimo Sacramento. Na quarta-feira (3), o clero celebrou junto com Dom Armando o seu aniversário natalício.

Também festejaram mais um ano de vida dos padres Afonso, Osvaldo e Anderson. Terminado o retiro, os padres retornaram as suas paróquias animados na fé e com o desejo de continuar, com mais alegrai e fervor, o trabalho pastoral com os inúmeros desafios que existem, sendo uma Igreja viva e em missão.

Condeúba/Social: Ana Julia Rodrigues Silveira completou hoje 5/7, quatro aninhos

Por Oclides da Silveira

Ana Julia feliz da vida no seu quarto misturada com as bexigas e presentes

Está completando idade nova hoje dia 5/7, a “gatinha” Ana Julia Rodrigues Silveira , 4 aninhos, ela está toda ansiosa na hora de apagar as velinhas e corta o lindo bolo que está sua espera, muitos serão os amiguinhos de Julinha que virão ajudá-la a comemorar seu aniversário, inclusive sua irmanzinha mais velha Maria Clara e seus pais “Beto e Lia”.

Nós do Jornal Folha de Condeúba pedimos ao Papai do Céu que continue iluminando sua mente nossa querida e amada sobrinha Ana Julia. E que o faça por muitos e muitos anos, para alegria e eficácia de seus familiares e amigos, um beijão e parabéns pelo seu lindo aniversário!!! Continue Reading

Irecê: PMs envolvidos em ação que resultou em morte de dançarina prestam depoimento

Policiais que participaram do caso que resultou na morte de uma dançarina são ouvidos nesta sexta-feira (5) em Irecê, no centro norte do estado. Segundo o delegado Almir Fernandes, da 14ª Coorpin, que apura o caso, alguns PMs já prestaram depoimento durante a madrugada, e o restante deve ser interrogado até o final do dia. Os primeiros depoimentos reforçam a versão já apresentada pela Polícia local.

O carro onde as vítimas estavam teria desobedecido a uma ordem de parada das Rondas Especiais (Rondesp), houve perseguição com reforço de mais PMs, e depois de passar por outro bloqueio, o veículo foi alvejado. Três guarnições de policiais militares participaram da ação, o que se estima que havia de 10 a 12 agentes envolvidos.

Baleada na região do abdômen, a dançarina Gabriela Moura, foi levada para o Hospital Regional de Irecê, mas não resistiu após sofrer uma parada cardiorrespiratória. Outros três músicos, que também foram baleados, seguem hospitalizados na mesma unidade de saúde. Eles não correm risco de morte. O caso ocorreu na madrugada desta sexta, por volta das 0h30, quando o grupo de músicos da banda Casa de Reboco voltava do município de Lapão. O motorista do carro não foi atingido. (Bahia Notícias).

Estudante de 17 anos é esfaqueado dentro de escola na BA e outro adolescente é suspeito

Meninos são alunos da mesma instituição de ensino. Suspeito foi ouvido e liberado. Vítima foi levada para hospital.

Por TV Sudoeste

Um estudante de 17 anos foi esfaqueado dentro de uma escola, nesta quarta-feira (29), na cidade de Itambé, no sudoeste da Bahia. De acordo com a Polícia Civil, outro adolescente com a mesma idade, que também estuda na unidade de ensino, é suspeito do crime.

Conforme a polícia, o menino, que não teve o nome divulgado, foi ouvido na delegacia da cidade, com a presença do pai e do Conselho Tutelar e, em seguida, foi liberado. O caso está sob investigação. O motivo da agressão não foi divulgado.

A vítima foi socorrida, levada para um hospital da cidade e depois transferida para o Hospital de Base de Vitória da Conquista. Segundo a família, o menino teve ferimentos leves. Contudo, a unidade de saúde divulgou que o estudante passou por uma cirurgia. Ele já teve alta.

Corpo é encontrado ‘intacto’ cinco meses depois da tragédia em Brumadinho

Mais de cinco meses depois o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, Minas Gerais, os bombeiros encontraram na noite desta quarta-feira, 4, um corpo de um homem que morreu na tragédia, ocorrida em 25 de janeiro. As buscas na região somam 161 dias. O corpo foi enviado para identificação do Instituto Médico Legal (IML) em Belo Horizonte.

De acordo com o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, o cadáver estava “praticamente intacto” e foi encontrado na área do Remanso, atingida pela lama após o rompimento. No bolso da calça, havia um documento de identidade que confere com um dos nomes da lista das pessoas ainda desaparecidas.

A Polícia Civil fará a identificação, confirmando a identidade do homem. No 161º dia de buscas por desaparecidos, 152 bombeiros e um cão farejador saem em 24 frentes de trabalhos na área atingida pelo rompimento da barragem. Não há previsão para encerrar as buscas.

A última morte confirmada e identificada pelas autoridades na tragédia de Brumadinho foi no dia 5 de junho, há 29 dias. Até o momento, foram identificados 246 mortos devido ao rompimento da barragem da Vale no Município. Outras 24 pessoas continuam desaparecidas.

III Feira da Agricultura Familiar será realizada em Brumado

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Nos dias 19 e 20 deste mês, acontece em Brumado a I Semana de Agroecologia e III Feira Agroecológica da Agricultura Familiar e Economia Solidária.

O evento será realizado na Praça da Matriz de São Cristóvão e Nossa Senhora Aparecida com o objetivo de reunir consumidores que apreciam produtos agroecológicos e oriundos da agricultura familiar, agricultores e artesãos.

Durante o evento, o público presente poderá adquirir: mel de abelha, biscoitos de tapioca, bolos, polpas de fruta, doces, compotas, geleias e muito mais. Toda a comunidade está convidada a participar e prestigiar a feira.

Brasil perde a chance de liderar transição sustentável, diz WWF

Novo levantamento feito pelo WWF-Brasil mostrou que 190.000 quilômetros quadrados de áreas protegidas estão ameaçados na Amazônia. Em junho, de acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o desmatamento na Amazônia Legal brasileira atingiu 920 quilômetros quadrados, um aumento de 88% em comparação com o mesmo mês no ano passado.

De acordo com a Veja, em meio aos novos dados, o Fundo Amazônia, maior projeto de cooperação internacional para preservar a floresta amazônica, corre o risco de ser extinto. Em dez anos, recebeu 1,3 bilhão de dólares em doações dos governos da Noruega e da Alemanha. Os valores são repassados de acordo com os índices de redução de desmatamento no bioma.

Segundo o diretor de Conservação e Restauração de Ecossistemas do WWF, Edegar de Oliveira Rosa, o mercado global começou a tomar medidas sobre como as suas ações podem reduzir o impacto nas mudanças climáticas e nas ameaças à biodiversidade. “Países europeus estão de olho no desmatamento do cerrado, por exemplo, que está vinculado aos produtos que chegam para eles, como a soja e a carne”, explicou.

Para Rosa, os países vão ter cada vez mais políticas econômicas e restritivas contra o desmatamento. “Nós ainda temos mais de 60% do território coberto por vegetação nativa.

A poupança em área verde ainda é grande, mas já consumimos bastante dela, sendo que desmatar não é essencial para o desenvolvimento do agronegócio. O Brasil tem condições de atender a produção agrícola sem precisar derrubar mais floresta e o país pode ser uma liderança global”, afirmou Rosa.

Mortugaba: Morreu a Sra. Floripes Guerra de Brito popular Dona “Lili” aos 98 anos de idade

Por Max Dayan

É COM PESAR QUE INFORMAMOS O FALECIMENTO DE FLORIPES GUERRA DE BRITO , DONA “LILI” , FIGURA ILUSTRE DO TEATRO E DAS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS E RELIGIOSAS DE MORTUGABA .

“Teatro é uma coisa de que eu gosto muito. Eu não sei se eu represento bem. Não sei o que eu faço. Só sei que adoro”.

Essa frase é da mais importante figura feminina do teatro mortugabense, parte da história de Floripes Guerra de Brito é narrada no livro de Zoraide Guerra sobre a história de Mortugaba. Segundo o livro dona Lili, nasceu em 1921, foi em Mortugaba que o teatro a abraçou e ela fez história nos palcos também por cidades da região e em Montes Claros MG na Paróquia e na Catedral.

Foi professora particular e no Mobral, era também figura de destaque em atividades religiosas.

No teatro a primeira peça foi “O TRIBUTO DA INGRATIDÃO” levado em cena em agosto de 1978. O segundo drama “SÓ O AMOR CONSTRÓI” e depois não parou mais, sempre com temas de grande reflexão. Poesias, poemas também faziam parte de suas obras.

Foi ao palco também na presença de alguns dos filhos , ela foi mãe de treze, muitos seguiram manifestações culturais bem latentes. Foi casada com senhor Santílio Pereira de Brito também já falecido.

Dona Lili fez parte da nossa exposição fotográfica “Depois de Algum tempo”, que mostra idosos e suas histórias em Mortugaba.

Por Max Dayan , com informações do Livro Mortugaba História e Poesia

CIRCO ESCOLA

Por Thiago Braga

Desde cedo aprendemos a regra “brincar de brincar”. Como? Observando tudo à nossa volta, criando gosto pelo ambiente sadio, limpo e agradável. Coisa de criança? Não, de pessoa civilizada e bem educada. Lembrando ser a infância o período que se pode construir “castelos de areia”. A escolha da boneca, do ursinho de pelúcia, da bola, do carrinho de plástico. Uma larga influência que, por certo, há de refletir na futura personalidade.

A título de ilustração, podemos citar as companhias de circo, “sempre” a serviço do humor. Trabalho artístico que faz a junção entre o sonho e a realidade num único lugar. Opera, de forma positiva, no imaginário popular. Espécie de “fio condutor” que nos liga ao universo da fantasia. Transmite o “recado” por onde passa, nunca deixando o público fadado ao esquecimento. Inova, ajusta, mantém viva a tradição circense. Qualidade esta, que não tem preço.

Por esse motivo, o circo implementa a educação de crianças, jovens e adultos. Possui presença robusta no cenário nacional. Embora tenha enfraquecido um pouco, em virtude do progresso, vemos a “arte que nunca sai de moda”. Razão que o torna condignamente aceito no dia a dia dos (a) brasileiros (a). A tenda multicor cercada de brilho e alegria. Acessível ao cidadão de baixa renda. Presente “caro” para a sociedade exigente. Saibamos, pois, valorizá – lo!