Day: 11 de agosto de 2020

Agosto lilás – Campanha do “SINAL VERMELHO CONTRA A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA”.

Mulheres em situação de violência são infelizmente uma realidade no Brasil e, em tempos de isolamento, elas enfrentam mais um problema: a dificuldade em denunciar os agressores. Diante desse cenário, o (CNJ) e o (AMB) lançaram essa campanha, onde a iniciativa tem o foco principal ajudar mulheres em situação de Violência a pedirem ajuda nas farmácias do país.

“O objetivo da campanha é oferecer um canal silencioso, permitindo que essas mulheres se identifiquem nesses locais e, a partir daí, sejam ajudadas e tomadas as devidas soluções. É uma atitude relativamente simples, que exige dois gestos apenas: para a vítima, fazer um X nas mãos; para a farmácia, uma ligação”, disse a coordenadora do Movimento Permanente de Combate à Violência Doméstica do CNJ, conselheira Maria Cristiana Ziouva.

Em Condeúba, participar dessa campanha é também priorizar a conscientização das mulheres e de toda população a reconhecer que DEVEMOS QUEBRAR OS CICLOS DA VIOLÊNCIA com um SINAL VERMELHO, ou seja, denunciar aos órgãos de proteção, para o romper os ciclos de violência doméstica.

O protocolo é, de fato, simples: com um “X” vermelho na palma da mão, (pode ser feito com caneta ou mesmo um batom), a vítima sinaliza que está em situação de violência. Com o nome e endereço da mulher em mãos, os atendentes das farmácias, ou qualquer pessoa que reconheça a sua proposta, deverão ligar, imediatamente, para o 180 ou procurar o CREAS para reportar a situação.

#AgostoLilás #Mobilização #violenciadomestica #sinalvermelho #condeuba

Brumado: Motorista perde controle e veículo vai parar em escadaria de parque infantil

Foto: WhatsApp

Na noite desta segunda-feira (10), um acidente inusitado foi registrado na Praça Coronel Zeca Leite, na cidade de Brumado. Um motorista perdeu o controle do carro e foi parar dentro do parque infantil da praça. De acordo com a polícia militar, o carro percorreu cerca de 30 metros sobre a calçada e caiu na escadaria do parquinho.

O motorista dirigia um Hyundai i30. Populares ajudaram na remoção do veículo. Por sorte, no momento do acidente, não havia nenhuma criança no parquinho. À polícia, o motorista explicou que se confundiu durante o trajeto e continuou a dirigir até cair na escadaria.

João José da Costa procura seus parentes em Condeúba, Mortugaba e região

Por Cleyton Silveira

João José da Costa e sua mãe Leonora Alves da Costa

Eu sou João José da Costa procuro parentes do meu pai e do meu avô aí em Condeúba, Mortugaba e região. Então o nome do meu pai era ANTÔNIO JOSÉ DA COSTA já falecido foi casado com minha mãe que ainda está viva Leonora Alves da Costa, deste casal nasceram 3 filhos eu, João José da Costa, Luziane do Rocio Costa e Ana Paula Cristina da Costa. Meu avô JOÃO JOSÉ DA COSTA do qual herdei o mesmo nome. Quando estive aí em Condeúba com meu pai ainda muito criança, me lembro que tinha uma tia chamada de Rita e um tio chamado de Henrique, todos ai de Condeúba e região. Meu pai saiu de Condeúba e foi para o Estado do Paraná ainda muito moço, por lá se casou e constituiu família, todos nós nascemos no Paraná, eu atualmente moro em Cabo Frio Estado do Rio de Janeiro. Não tenho mais nenhuma referencia de parentes aí, por isso, não sei os nomes de mais ninguém. Gostaria imensamente de restabelecer os contatos com meus parente de onde me originei, se alguém ainda souber desses meus descendentes, por favor entre em contato na redação do Jornal Folha de Condeúba, desde já agradecemos imensamente.

11 de agosto é comemorado o dia do(a) Advogado(a)

O Dia do Advogado(a) é comemorado anualmente em 11 de agosto.

Esta data homenageia os profissionais responsáveis em representar os cidadãos perante a justiça.

O Direito é a ciência das normas que regulam as relações entre os indivíduos na sociedade, quando essas relações não funcionam dentro das normas estabelecidas, entra o trabalho do advogado, que é o de nortear e representar clientes em qualquer instância, juízo ou tribunal.

Homenagem para o Dia do Advogado(a)

Representante da justiça, da liberdade e da cidadania! Seu trabalho é indispensável para o exercício de uma democracia efetiva. Muito obrigado pela dedicação e empenho. Feliz Dia do Advogado(a)!

Garantir a igualdade e a plena justiça é a sua principal tarefa… Representar os direitos humanos e ajudar a garantir uma organização social também são característica da sua profissão. Impossível não nos sentirmos orgulhosos por ter um profissional tão comprometido com o seu dever como você! Continue sendo um exemplo para todos nós! Feliz Dia do Advogado(a)!

Noites em claro, fins de semana de estudo e muito trabalho… Todos estes sacrifícios valeram a pena e hoje em dia você é um excelente profissional! Um/a advogado/a que está comprometido com o seu dever e tem prazer em ajudar os cidadãos. Parabéns pelo seu sucesso!

Origem do Dia do Advogado(a)
O Dia do Advogado(a) é celebrado em 11 de agosto em homenagem a criação dos dois primeiros cursos de Direito no Brasil, em 1827.

A Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, em São Paulo; e a Faculdade de Direito de Olinda, em Pernambuco, foram criadas por D. Pedro I.

Tradicionalmente, no dia 11 de agosto (em comemoração ao Dia do Advogado/a), os estudantes de direito festejam o chamado “Dia da Pendura”, quando saem pelos restaurantes próximos da universidade, consomem e não pagam, pois a conta fica “pendurada” para que o dono do restaurante pague.

Exportações baianas crescem 1% em julho

Foto – Divulgação

Mesmo com a freada da economia mundial, provocada pela Covid-19, as exportações baianas continuam a apresentar bons resultados. Em julho as vendas externas baianas alcançaram US$ 652,8 milhões, com crescimento de 1% sobre o mesmo mês do ano passado. As informações foram analisadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria de Planejamento (Seplan).

A resposta rápida da China, que entrou primeiro na crise e começa a sair dela antes dos demais países, a desvalorização cambial e a demanda global por commodities, mesmo com preços em queda – até julho houve desvalorização média de 32,4% nos preços dos produtos exportados, sustentaram os resultados obtidos pelas vendas externas da Bahia.

Após cair 8,8% no primeiro semestre, sobre o mesmo período de 2019, as exportações voltaram a acusar crescimento em julho. Os embarques físicos de produtos baianos (quantum) cresceram 58,5% em julho e 40,6% nos sete meses de 2020 em relação a igual período do ano anterior, o que, de acordo com a SEI, corrobora com a tese da resiliência do setor à crise pandêmica, principalmente de produtos básicos como soja, celulose, minerais, petróleo e algodão.

Só para a China, em julho, eles aumentaram 102% ou o equivalente a 588,5 mil toneladas, resultando em receitas que somaram US$ 214 milhões, 47% superiores ao mesmo mês de 2019. No ano, até julho, as exportações baianas atingiram US$ 4,31 bilhões, o que representa uma queda de 5% em relação ao mesmo período de 2019.

Professor morre em acidente automobilístico causando comoção em Palmas de Monte Alto

O professor Almerindo Soares Nascimento morreu aos 56 anos. – Foto: Vilson Nunes

Na noite do último sábado (08), o professor Almerindo Soares Nascimento 56 anos, morreu em um acidente automobilístico na cidade de Palmas de Monte Alto Segundo informou o radialista Vilson Nunes, a tragédia ocorreu por volta de 21h, na BR-030, nas proximidades da ladeira do moto.

A vítima retornava da roça em um jipe quando perdeu o controle da direção na pista. Ele e o amigo Reginaldo Azevedo dos Santos foram arremessados para fora do veículo. Segundo informações obtidas, o professor foi atropelado por uma caminhonete que trafegava em alta velocidade logo atrás.

Ele morreu na hora. Já o amigo teve apenas ferimentos leves e seu estado de saúde é estável. Almerindo lecionava no Colégio Estadual Anísio Teixeira e era bastante conhecido na cidade. A população ainda está chocada com a morte do professor.

Aos 25 anos, filha procura por pai que não conhece na região de Brumado

A jovem Paloma Oliveira Costa, de 25 anos, procura pelo pai na região de Brumado e Livramento de Nossa Senhora. Desde bebê, ela mora na cidade de Campinas, no interior de São Paulo. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Paloma contou que sua mãe, Iracy de Oliveira Costa, se envolveu, ainda muito jovem, com um rapaz chamado Lucas. Na época, ela morava em Brumado e o rapaz trabalhava como bancário no Banco do Brasil.

“Não cheguei a conhecê-lo. Eles tiveram um relacionamento muito rápido. Quando minha mãe me apresentou pra ele, ele disse que só iria me registrar se fosse pra ter a minha guarda. Depois disso, viemos embora pra Campinas. Não tenho nenhum ressentimento ou mágoa, ao contrário, sempre tive muita vontade de conhecer meu pai”, disse.

Paloma relatou ainda que seu maior sonho é conhecer as suas origens e saber quem é seu pai. “Não quero dinheiro. Sou casada, tenho um filho de cinco anos que gostaria que conhecesse o avô. Quero apenas um abraço, saber se tenho irmãos”, completou.