Estados somam rombo de R$ 101 bilhões na Previdência Social

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

A Previdência de servidores dos estados registrou um rombo de R$ 101 bilhões em 2018. Foi esse o valor que, juntos, os governos estaduais tiveram que desembolsar para cobrir o déficit previdenciário de todos os Poderes locais. O número é 8% maior que o contabilizado em 2017, quando o buraco foi de R$ 93,4 bilhões.

O maior rombo entre os estados foi registrado em São Paulo, com déficit de R$ 24 bilhões. O Rio de Janeiro tem um buraco de R$ 12,3 bilhões nas aposentadorias dos servidores. De acordo com o jornal o Globo, outro estado em crise financeira, Minas Gerais tem um rombo de R$ 17,3 bilhões nas contas previdenciárias.

Os estados, assim como os municípios, chegaram a ser incluídos no texto original da reforma da Previdência aprovada na Câmara este mês. Os governos regionais, porém, foram retirados do texto durante a tramitação da proposta.

Agora, governadores e prefeitos podem ser incluídos na reforma durante a votação no Senado. Mas esse trecho precisará voltar para análise dos deputados. A Comissão de Constituição e Justiça do Senado começa a discutir a reforma da Previdência nesta quarta-feira.

Evento do Café com Poemas reúne diversos poetas na Feira Internacional do Pelourinho (Flipelô/2019)

Por Leandro Flores

Aconteceu no Museu Tempostal, no circuito da Feira Internacional do Pelourinho (Flipelô), o ESTANDE DO MOV. CULTIVISTA (Café com Poemas) com o relançamento do livro “Café com Poemas: antologia poética, vol. II”, organizada por Leandro Flores e exposição de livros de poetas como Audelina Macieira, Rita Queiroz, Gilberto Nogueira de Oliveira, Milena Moreira, Leandro Flores, Sandra L. Stabile, além dos livros e antologias de Projetos ligados ao Café com Poemas.

Música, sons, gente de todos os lugares, cores, cenários históricos, poesia, poetas vindos de outros movimentos culturais iamse achegando com suas declamações, rotatividade poética… O evento foi um destes de final de tarde (entre muitos ali no berço cultural da Bahia) que só o PELÔ oferece…

O espaço não podia ser melhor. O Museu Tempostal é o lugar ideal para quem busca algo mais sutil e revigorante, sem, no entanto, deixar de participar dos diversos sons que o circuito oferece… Continue Reading

Paróquia de Santo Antônio/Condeúba: Foi rezado o Terço dos Homens, em seguida Celebrada a Santa Missa

Por Oclides da Silveira Jornalista MTPS nº 5910/BA.

Momento inicial os irmãos cantam o Hino do Terço dos Homens, levantando as mãos com um rosário na mão.

Nesta terça-feira dia 13 de agosto de 2019, o Terço dos Homens foi celebrado de forma campal, ou seja em frente a Capela, pelo irmão Pedrinho no comando dos trabalhos. Teve início um pouco mais cedo às 19:00 horas, pois às 19h30min., foi iniciada a celebração da Santa Missa mensal com o Padre José Silva na Capelinha de Santa Luzia.

O Padre José Silva como sempre, tem uma grande facilidade de transmitir e comparar o passado histórico que está escrito na Bíblia, para os dias atuais, ontem não foi diferente, quando ele fez a reflexão do Santo Evangelho, falando da conduta de Moisés que levou uma vida assim como nós vivemos os dias de hoje. Continue Reading

Brasilia: Está sendo realizada a 6ª “Marcha das Margaridas”-2019

Por Oclides da Silveira Jornalista MTPS nº 5910/BA.

Esta é a 6ª Marcha das Margaridas em Brasilia – 2019

Nesta quarta-feira dia 14 de agosto de 2019 em Brasilia, acontece o segundo dia da “Marcha das Margaridas”. Nossa sempre muito atuante representante dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Condeúba Eliane dos Santos, está presente nessa 6ª manifestação das mulheres, chamada de “Marcha das Margaridas”, assim como esteve participando de todas as marchas anteriores realizadas em Brasilia. O movimento iniciou-se ontem dia 13 e termina hoje 14/8.

Na Marcha das Margaridas deste ano se reúnem mais de 100 mil mulheres, que são trabalhadoras rurais e indígenas vindas de todo o Brasil, além de alguns países da America Latina. Este movimento fortíssimo das mulheres da zona rual e indígenas, sempre acontece nesse mesmo período do ano, para reivindicações de direitos e prevenção dos já adquiridos.

Com esse volume de mulheres desfilando suas necessidade diante do Governo Federal nas Esplanadas dos Ministérios, sempre a tendencia é a facilitação de investimentos junto a agricultura familiar. O movimento sempre tem acontecido de forma ordeira e pacífica com destino único, pressionar o Governo para investir mais na agricultura familiar, que faça um Brasil melhor, com soberania popular, democracia, justiça e livre de violência. São essas algumas palavras de ordem do movimento das mulheres trabalhadoras rurais e indígenas.

Agenda de hoje dia 14/8.
04h: Delegações começam a organizar as bagagens nos ônibus.
05h: Café da manhã
06h: Concentração da Marcha das Margaridas
– Local pista em frente ao pavilhão do Parque da Cidade.
7h: Saída da Marcha em direção a Esplanada dos Ministérios.
9h: Encontro das Marchas das Margaridas e das Mulheres Indígenas.
11h: Ato em frente ao Congresso Nacional. Continue Reading