Dia: 27 de setembro de 2019

Troca da superintendência do Iphan em MG causa polêmica e gera indignação

A museóloga Célia Corsino, que era superintendente desde 2015, foi exonerada; nomeação de Jeyson Dias Cabral Silva, que era cinegrafista da Câmara Municipal de Juiz de Fora, partiu de indicação do deputado federal Charlles Evangelista (PSL-MG).

Por Cíntia Paes e Flávia Cristini, G1 Minas e TV Globo — Belo Horizonte

Célia Corsino, ex-superintendente do Iphan em Minas Gerais — Foto: Acervo/TV Globo Célia 

A saída da superintendente do Instituto de Patrimônio Histórico Nacional (Iphan) em Minas Gerais, Célia Corsino, causou polêmica no estado. A museóloga Célia Corsino, com mais de 30 anos de carreira na proteção de patrimônio, foi substituída por um cinegrafista da Câmara Municipal de Juiz de Fora, na Zona da Mata.

A nomeação de Jeyson Dias Cabral Silva, de 41 anos, como superintendente do instituto no estado foi publicada nesta quinta-feira (26) no “Diário Oficial da União”. A indicação do nome ao ministro da Cidadania, Osmar Terra, partiu do deputado federal Charlles Evangelista (PSL-MG).

O Iphan em Minas reúne 50% de todo o patrimônio tombado do país e é uma das superintendências mais complexas dentro da estrutura nacional do instituto. Minas Gerais tem nove cidades totalmente tombadas pelo Iphan.

A nomeação de Silva causou revolta na comunidade de proteção do patrimônio em Minas Gerais. O ex-presidente do Iphan Ângelo Oswaldo, que já foi prefeito de Ouro Preto, se disse indignado com a substituição de Célia Corsino.

“É chocante saber que ela [Célia Corsino] foi drasticamente eliminada e substituída por um cinegrafista da Câmara Municipal de Juiz de Fora, que não apresenta as qualificações exigidas até pela Constituição para exercer o cargo”, disse Ângelo Oswaldo. Continue lendo

Jovem é preso por estupro ao ser flagrado com garota de 12 anos em quarto no sudoeste baiano

Um jovem de 18 anos foi preso em flagrante por estupro de vulnerável após ser encontrado com uma adolescente de 12 anos em um quarto, na cidade de Iguaí, no sudoeste da Bahia.

O flagrante ocorreu nesta quinta-feira (26), após denúncia anônima de que o suspeito estava vendendo drogas no imóvel onde foi encontrado. De acordo com informações da delegacia do município, a ação foi realizada por policiais civis e militares no bairro Netania Alves. O jovem preso foi identificado como João Pedro Lisboa Anunciação.

Segundo a delegacia, ao entrarem na casa, os policiais perceberam que uma garota estava no local. Ela estava em uma cama e ajeitava a roupa que vestia quando foi encontrada pelos agentes.

No imóvel, conforme a delegacia, foram encontrados um grande tablete de maconha, cápsulas vazias de cocaína, papéis próprios de embalar drogas, sacos plásticos típicos de enrolar drogas. João Pedro foi autuado pelos crimes de tráfico de drogas e estupro de vulnerável. Não há informações de para onde a adolescente foi levada.

Bahia tem resultado positivo na geração de empregos formais

Em agosto, o emprego formal teve saldo positivo na Bahia. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quarta (25) pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, foram abertas 3.392 novas vagas com carteira assinada. Foram 54.178 contratações e 50.786 demissões no estado.

Dos oito setores econômicos, cinco contrataram mais que demitiram nesse mês no estado. Construção Civil foi destaque com a criação de 2.053 novos postos formais. Seguido por Serviços (+1.002), Indústria de Transformação (+833), Comércio (+378) e Serviço Industrial de Utilidade Pública (+132). (Confira tabela.

No Brasil, o emprego formal ficou positivo pelo quinto mês seguido. Em agosto, a expansão foi de 121.387 vagas, decorrente de 1.382.407 admissões e de 1.261.020 desligamentos. O resultado é equivalente à variação de 0,31% em relação ao estoque no mês anterior. Foi o melhor agosto no Caged desde 2013.

No acumulado de 2019 foram criados 593.467 novos postos, com variação de 1,55% do estoque. No mesmo período de 2018 houve crescimento de 568.551 empregos, uma variação de 1,50%. Nos últimos 12 meses foram criados 530.396 empregos, uma variação de 1,38%. No mesmo período do ano anterior, o saldo foi de 356.852, representando um crescimento de 0,94%.

Dois terços dos brasileiros não conseguem poupar dinheiro, aponta pesquisa

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Pesquisa divulgada nesta quinta-feira (26) pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que 67% dos consumidores brasileiros não conseguem guardar nenhuma parte de seus rendimentos mensais.

Entre os brasileiros mais pobres, das classes C, D e E, o percentual é ainda maior: 71%. Já nas classes A e B, o percentual de não-poupadores é de 54%, o que revela que o hábito de poupar dinheiro não é frequente mesmo entre pessoas que recebem um salário maior.

A pesquisa foi feita em agosto e ouviu 800 pessoas com idade superior ou igual a 18 anos, de ambos os sexos e de todas as classes sociais, em 12 capitais das cinco regiões brasileiras. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais a uma margem de confiança de 95%.

Entre as justificativas para não poupar dinheiro, 40% alegaram possuir uma renda muito baixa. Outros 18% disseram ter sido surpreendidos por algum imprevisto financeiro, 15% citaram gastos extras atípicos com reformas, tratamentos médicos e compras, e 13% reconheceram ter perdido o controle sobre os próprios gastos.

Na parcela de 22% que de entrevistados que disseram ter conseguido poupar parte da renda em agosto, cada poupador guardou em média, R$ 546,61. Segundo o SPC Brasil, o baixo número de poupadores tem se mantido estável ao longo da série histórica da pesquisa, sendo que em agosto de 2018 girava em torno de 16%.

Maioria no STF vota a favor de tese que pode afetar Lava Jato

Foto: Nelson Jr/STF

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou em julgamento nesta quinta-feira (26) a favor da tese de que réus delatados devem apresentar alegações finais (última etapa de manifestações no processo) depois dos réus delatores.

Após os votos de 6 dos 11 ministros a favor dessa tese e de 3 contra o presidente do STF, Dias Toffoli, afirmou que também votará com a maioria, mas anunciou a suspensão do julgamento para apresentar o voto na próxima sessão.

A conclusão do julgamento depende da apresentação dos votos do próprio Toffoli e de Marco Aurélio Mello. De acordo com o G1, o presidente do Supremo disse que, na sessão de quarta-feira (2), vai propor uma modulação do entendimento, ou seja, uma aplicação restrita da tese a determinados casos.

“Trarei delimitações a respeito da aplicação”, afirmou. Concluído o julgamento com esse resultado, processos em que réus delatores apresentaram as alegações finais simultaneamente aos réus delatados podem vir a ser anulados. Um balanço divulgado pela força-tarefa da Lava Jato indicou que poderão ser anuladas 32 sentenças de casos da operação, que envolvem 143 condenados.

IBGE abre processo seletivo com 2,6 mil vagas para o Censo 2020

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira, 25, uma correção no edital do concurso de trabalhadores temporários para o Censo Demográfico 2020. As vagas para Coordenador Censitário Subárea (CCS) exigem nível superior completo em qualquer área do conhecimento, e não apenas nível médio, como constava anteriormente.

O instituto abrirá 1.343 postos de trabalho como Coordenador Censitário Subárea (CCS) e outros 1.315 para Agente Censitário Operacional (ACO), distribuídos pelas 27 unidades da federação. A função de agente censitário exige que os candidatos tenham concluído o ensino médio. Já as vagas para coordenador censitário exigem, além da conclusão do ensino superior em qualquer área do conhecimento, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) definitiva ou provisória, dentro do prazo de validade, no mínimo para a categoria B.

As inscrições para o concurso devem ser feitas pela internet, até o próximo dia 15 de outubro. As provas serão realizadas em 1.031 municípios no dia 8 de dezembro.

O cargo de Coordenador Censitário Subárea terá remuneração mensal de R$ 3.100,00, enquanto a vaga de Agente Censitário Operacional terá salário de R$ 1.700,00.

A jornada de trabalho de ambas as funções será de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias. O período máximo da contratação é de 12 meses, podendo ser prorrogado, conforme as regras da legislação em vigor.

INSCRIÇÃO

Água de torneira pode causar câncer, aponta estudo americano

Foto: Gausanchennai/Wikimedia Commons

Uma nova pesquisa, publicada no periódico científico Heliyon, apontou que cancerígenos presentes na água da torneira podem aumentar o risco de câncer ao longo da vida de um indivíduo. Segundo o estudo, feito nos Estados Unidos, existem 22 substâncias carcinógenas na água dos Estados Unidos, incluindo arsênio, urânio e rádio.

De acordo com a Veja, o levantamento revela que, embora esteja dentro dos padrões exigidos pelas agências sanitárias do país, a água de torneira dos EUA é suficientemente poluída para gerar um risco real de câncer. A pesquisa foi feita com amostras de quase 49 mil sistemas de água do país, que servem cerca de 85% da população americana.

Com base nos resultados encontrados, os cientistas afirmam que, de cada 10 mil habitantes, quatro desenvolverão câncer ao longo da vida por causa dos contaminantes presentes na água. De acordo com os pesquisadores, cabe ao povo exigir uma melhor qualidade desse recurso frente aos órgãos públicos.

WhatsApp chat