Saliva permite medir porcentagem de gordura corporal

A partir da saliva humana é possível prever precocemente riscos de desenvolvimento de doenças pelo excesso de gordura corporal. A descoberta foi feita por pesquisadores das universidades Federal de São Paulo (Unifesp) e Estadual de Campinas (Unicamp). Os cientistas conseguiram determinar a porcentagem de gordura corporal dos jovens ao medir a concentração de ácido úrico na saliva de adolescentes.

A partir disso, eles identificaram aqueles adolescentes que estão com porcentual de gordura acima do ideal, mesmo antes de apresentarem sintomas de doenças crônicas relacionadas à obesidade. “Constatamos que o ácido úrico salivar é um bom marcador preditivo da concentração de gordura corporal mesmo em adolescentes considerados saudáveis”, disse a professora da Unifesp no campus de Diadema e coordenadora do projeto, Paula Midori Castelo.

O ácido úrico acumula-se no sangue e, em proporções muito menores, na saliva, destaca reportagem da Agência Brasil. Entre as funções do ácido está a de antioxidante, no entanto, a concentração elevada do composto no sangue e na saliva pode predispor à hipertensão, inflamação e doenças cardiovasculares.

Os adolescentes participantes da pesquisa tinham idade entre 14 a 17 anos. Dos 248 estudantes de escolas públicas de Piracicaba, no interior paulista, 129 eram meninos e 119 meninas. Eles responderam previamente a um questionário sobre o histórico médico e foram submetidos a uma avaliação odontológica a fim de identificar e excluir os que apresentavam cárie ou doença periodontal (inflamação da gengiva).

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.