´Senado da República envergonha a nação brasileira`, diz senador Ângelo Coronel

Senador Ângelo Coronel – Bahia

Depois de ter dito que o “Senado da República envergonha a nação brasileira”, o senador baiano Ângelo Coronel voltou a chamar atenção ao pronunciar a frase “Senado sem fraude” ao depositar o seu voto na urna durante o tumultuado processo de votação para eleger o presidente do Senado Federal neste sábado (2).

Coronel, que acabou obtendo 8 votos, lutou bravamente com todas as manobras políticas como um dos seis candidatos ao cargo, tentando anular o segundo procedimento de votação, já em andamento quando o senador Renan Calheiros foi à Tribuna para retirar a sua candidatura, certamente vendo que a situação não lhe favorecia, e perder era tudo que não parecia estar em seus planos.

Fechado o resultado, foi eleito o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) com 42 votos, seguindo Esperidião Amin (PP-SC) – 13 votos, Ângelo Coronel (PSD-BA) – 8 votos, Reguffe (sem partido-DF) – 6 votos, Renan Calheiros (MDB-AL) – 5 votos, e Fernando Collor (Pros-AL) – 3 votos.

Por: CliC101 | Idalício Viana

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *