Cordeiros: Morreu a Sra. Sebastiana Rosa de Sousa

 

 

Morreu na manhã desta terça-feira dia 15 de janeiro de 2020 às 9h30min., a Sra. Sebastiana Rosa de Sousa. Seu corpo foi velado em sua residencia na fazenda Arrenegada. O sepultamento foi hoje a tarde dia 16/01 às 14:00 horas no Cemitério Municipal da Tapera de Zé Clóvis.

Atendimento: Funerária São Matheus

Nós do Jornal Folha de Condeúba deixamos nossos profundos sentimentos à família enlutada por essa perda irreparável deste ente tão querido. Que o bom Deus a tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz Sra. Sebastiana.

Cordeiros: Morreu o Sr. Amilton Pereira Jardim aos 91 anos de idade

 

 

Sr. Amilton Pereira Jardim, faleceu aos 91 anos de idade

Morreu na madrugada desta quarta-feira dia 15 de janeiro de 2020, às 03h30min., o Sr. Amilton Pereira Jardim aos 91 anos de idade, ele deixou viúva a Sra. Maria Soares Jardim e dez filhos sendo, Amilta, Maria Luíza, Carlos, Aurizia, Milsa, Iolanda, Mirian, Jacques, Francisco e Jayme além de 11 netos e uma bisneta. Seu corpo está sendo velado na sua residencia na Fazenda Barrinha. O sepultamento será amanhã cedo dia 16/01 às 8:00 horas no Cemitério Municipal Jardim da Saudade na sede em Cordeiros.

Atendimento: Funerária São Matheus

Nós do Jornal Folha de Condeúba deixamos nossos profundos sentimentos à família enlutada por essa perda irreparável deste ente tão querido. Que o bom Deus o tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz Sr. Amilton.

Estudantes do ensino médio de Ibiassucê desenvolvem talheres comestíveis

Em Ibiassucê, a 79 km de Brumado, dois estudantes do ensino médio, buscando algo que pudesse promover a sustentabilidade e em sintonia com os hábitos dos cidadãos, desenvolveram talheres comestíveis. Com a engenhoca, eles incentivam a população a diminuir o uso de plástico. Sabrina Ribeiro e João Vitor Cardoso, ambos com 16 anos, estudam no Colégio Estadual Antônio Figueiredo.

Segundo os jovens pesquisadores, a ideia surgiu através da observação dos problemas ambientais relacionados ao descarte de resíduos plásticos no planeta. “A gente observou que esse tipo de lixo contribuía bastante para a sujeira presente nas ruas da nossa cidade”, disse Sabrina.

“Dessa forma, criamos o projeto que pode gerar inúmeros benefícios para a sociedade, além de possibilitar geração de renda para os que se dispuserem a produzir os talheres”, pontuou. O talher é feito com claras de ovos, açúcar, essência a critério da pessoa, manteiga, sal e farinha de trigo. Atualmente, os estudantes estão desenvolvendo melhorias e buscando novas ideias para tornar o talher mais resistente e de fácil distribuição.

Carrões de criminosos viram viaturas de polícias pelo Brasil

Foto: Reprodução/TV Globo

Por onde passam, as superviaturas fazem um sucesso danado. O que as pessoas não sabem é do passado delas. Se esses carros falassem, contariam a seguinte história: “Nós fomos comprados com o dinheiro do crime e usados por bandidos que gostavam de ostentar. Mas um dia eles se deram mal e a gente acabou resgatado. Ganhamos um novo visual e, agora, trabalhamos a serviço do bem”. O primeiro a mudar de lado, há quase dois anos, foi o Camaro.

O esportivo foi apreendido com estelionatários, em Balneário Camboriú (SC). Em 2019, chegou o reforço do Porsche e da Mercedes. Os carrões, avaliados em mais de R$ 370 mil cada um, eram de um traficante goiano foragido da Justiça. O risco era ver as máquinas virarem sucata. O Ministério Público entrou na jogada, e a Justiça autorizou a transferência dos carrões para a PM.

A caracterização das viaturas e todos os equipamentos foram doados por empresários. A PM só gasta com o combustível. Mas estes supercarros não vão correr atrás de bandidos, não. De acordo com o Fantástico da Rede Globo, ganharam outras missões, como a visita a escolas. São os “transformers” da vida real!

Casos de dengue sobem 488% no Brasil em 2019

Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

O Brasil registrou 1.544.987 casos de dengue em 2019, um aumento de 488% em relação a 2018, segundo dados do Ministério da Saúde. Desse total, 782 pessoas morreram em todo o país. No ano passado, o Brasil também registrou 10.708 casos de zika, com 3 mortes, e 132.205 ocorrências de chikungunya, com 92 mortes, um aumento, respectivamente, de 52% e de 30% em relação aos casos de 2018.

Juntando todos os casos de dengue, zika e chikungunya, houve um aumento de 248% no registro das doenças transmitidas pelo mosquito do Aedes aegypti em 2019. O Ministério da Saúde publicou um comunicado no dia 10 alertando a população que o “verão é o mais propício à proliferação do mosquito Aedes aegypti, por causa das chuvas, e consequentemente é a época de maior risco de infecção por essas doenças”.

Adab intensifica fiscalização nas estradas na Bahia

Fonte: Ascom/ Adab

As ações de fiscalização de produtos de origem vegetal, animal e subprodutos, nas rodovias baianas e federais que cortam o estado, foram intensificadas pela Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab)

Foram programadas ações para o mês de janeiro, em 22 postos fixos e nas barreiras móveis para averiguação da documentação das cargas transportadas e garantia da qualidade dos produtos. A operação visa também a inibição do abate clandestino de animais. As abordagens resultaram em autos de infração a condutores que trafegavam sem a GTA (Guia de Trânsito Animal).

Com apoio das polícias Militar e Rodoviária Federal, os fiscais checam também itens como transporte e armazenamento dos produtos. “O trabalho de fiscalização terá continuidade esse mês e no restante do ano. Trabalhamos para que os produtos cheguem ao destino final sem oferecer riscos ao consumidor”, enfatiza o diretor-geral da autarquia Maurício Bacelar.

A Adab fiscalizou entre julho e dezembro de 2019, quase 60 mil veículos, 123 mil bovinos, 8.615 equinos, além de caprinos, ovinos, peixes e alevinos. Entre os produtos de origem animal, foram vistoriadas mais de 140 mil toneladas e 368 mil toneladas de produtos de origem vegetal, mudas, sementes, frutas, legumes, entre outros, resultando em 27 apreensões.

Filme ‘A Lavanderia’, traz uma história que nos mostra uma realidade que não percebemos (ou não nos deixam perceber)

Por: Leandro Flores

Disponível na Netflix, o filme – A Lavanderia, de Steven Soderbergh, um dos cineastas mais aclamados e prolíficos de sua geração, merece destaque (especialmente, a título de reflexão e discussões acadêmicas) pela excêntrica e, ao mesmo tempo, pomposa abordagem com que é retratado.

Apesar do grande elenco, Gary Oldman e Meryl Streep, vencedores do Oscar, e Antonio Banderas (provável indicado por “Dor e Glória” em 2020), e do já (mencionado neste artigo) Steven Soderbergh, o filme sofreu algumas críticas. De acordo com a análise do site Cena Pop, o roteirista Scott Z. Burns, por exemplo “dá algumas derrapadas aqui e ali com excesso de explicação, desconfiando da inteligência do espectador, mas nada que comprometa o resultado do filme”.

Foto: Divulgação

Um dos pontos da história (há outros que, ás vezes, se cruzam, mas com uma teatrologia diferente), é a questão ficcional do caso Panama Papers, sob a ótica dos advogados Jürgen Mossack (interpretado por Oldman) e Ramón Fonseca (Banderas). Continue Reading

Cipe Sudoeste apreende armas de fogo abandonadas por caçadores na zona rural de Aracatu

Foto: Divulgação/Cipe Sudoeste

No último sábado (11), durante patrulhamento na zona rural do município de Aracatu, a 36 km de Brumado, mais precisamente na região da Piabanha, a guarnição da Cipe Sudoeste, avistou alguns caçadores e se aproximaram para averiguação.

Ao perceberem a presença da polícia, os caçadores abandonaram as armas e fugiram pelo meio do mato. Foram feitas buscas na tentativa de encontrar os indivíduos, mas sem êxito. O material apreendido foi apresentado na delegacia do município de Brumado.

Moradores de Caculé são surpreendidos com aparição de filhote de jacaré

No último sábado (11), moradores da Rua dos Ferroviários, no Bairro da Estação, na cidade de Caculé, foram novamente surpreendidos com a aparição de um filhote de jacaré. O animal, de aproximadamente 1 metro de cumprimento, foi flagrado por moradores circulando livremente pela rua.

As suspeitas são de que ele tenha saído da Lagoa Manoel Caculé, nas redondezas. Através de imagens publicadas nas redes sociais é possível ver que o animal foi capturado e levado de volta à lagoa. De acordo com o Informa Cidade, a cena tem sido frequente na cidade devido ao crescente número de jacarés que vivem na Lagoa Manoel Caculé.