Arquivo da tag: Selvageria

Sentença histórica: prefeito é condenado a 20 anos de prisão por ordenar o assassinato de 400 cães

Vitória inédita da causa animal do Brasil com uma condenação coletiva e exemplar. Justiça foi feita aos cerca de 400 cães caçados nas ruas e mortos, em 2013, na cidade de Santa Cruz do Arari (Região do Marajó – Pará). O caso, conhecido como “O Massacre de Arari” chocou o país e teve repercussão internacional. A denúncia criminal apresentada à Justiça pelo Ministério Público do Pará (MPPA) resultou, no último 24 de abril, em mais uma sentença histórica, como foi também a do Caso Dalva, em SP, com a condenação da matadora de animais a 17 anos de prisão.

O ex-prefeito Marcelo José Beltrão Pamplona foi condenado a 20 anos de cadeia pelo “canicídio”. Como uma forma de “limpar” a cidade, ele pagou para que funcionários da prefeitura e moradores locais capturassem os cães em situação de rua. Atraídos pelo valor de R$ 10 por cachorro capturado, as pessoas começaram a pegar não só cães de rua, mas também os que tinham lares roubando-os de suas casas.

“Fotografias e vídeos mostraram claramente os animais sendo laçados e arrastados pelas ruas, ocasionando fraturas, perda de pedaços de peles e sangramentos, sendo levados para porões de barcos e recebendo estocadas com pedaços de paus”, diz nota do Ministério Público do Pará divulgada ontem, 30 de abril. Continue lendo Sentença histórica: prefeito é condenado a 20 anos de prisão por ordenar o assassinato de 400 cães

Desconhecidos matam adolescente a pedradas quando saía da escola

Um adolescente foi assassinado a pedradas ao lado de um posto de combustível em Feira de Santana, Região Metropolitana de Salvador (RMS). O crime aconteceu nesta segunda-feira (19) na BR-324, no bairro Subaé, por volta das 21h30.

Todos os golpes atingiram a cabeça de Gabriel Costa Moraes, 15 anos.

A vítima, que usava uma farda escolar no momento do crime, teve traumatismo craniano e não resistiu. Até o momento, a autoria e a motivação do homicídio são desconhecidas.

A ocorrência será investigada pela Delegacia de Homicídio (DH) de Feira de Santana.

Cadela tem parte do focinho arrancado, em Vitória da Conquista

cadelaUma cadela de estimação da raça pincher foi vítima de um grave crime contra os animais. A cachorrinha teve parte da mandíbula e focinho arrancados por uma pessoa ainda não identificada. O crime ocorreu na Rua Laudiceia Gusmão, acima do Supermercado São José.

Através do facebook, a proprietária da cachorrinha Dalila, a senhora Rita de Cássia Dias contou que o animal tinha o habito de ficar com o focinho embaixo do portão. Na última quinta-feira (29), alguém com tamanha crueldade arrancou o focinho dela.

Rita de Cássia também pediu a ajuda para encontrar o responsável pelo crime. “É triste olhar para o rostinho de um cachorrinho que tanto amo e que nunca tive coragem nem de bater e ver que um estranho fez tamanha crueldade. Peço ajuda de vocês, que viu algo diferente no portão, por favor entre em contato”.