Justiça bloqueia R$ 19,5 milhões do WhatsApp

Whatsapp-83A Justiça Federal em Londrina, no Paraná, mandou bloquear R$ 19,5 milhões das contas do WhatsApp por ter descumprido uma decisão judicial de liberar mensagens trocadas por traficantes investigados pela Polícia Federal.

Esse é um desdobramento da Operação Quijarro, que prendeu uma organização criminosa especializada no tráfico internacional de drogas. A determinação só bloqueou as contas do WhatsApp, mas não suspendeu o serviço.

O valor se refere a multas acumuladas durante os últimos cinco meses. A operação Quijarro foi deflagrada no Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul.

O delegado Elvis Secco, responsável pela operação, considerou que o WhatsApp atrapalhou as investigações ao não repassar mensagens trocadas pelos traficantes no aplicativo. Para Secco, se a determinação tivesse sido cumprida, o resultado da operação teria sido diferente.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *