Feira de Santana: PF combate fabricação clandestina de suplementos alimentares

suplementos-alimentares-ilegais-em-feira-de-santana
Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal, com o apoio da Vigilância Sanitária e Ambiental do Estado, deflagrou, na manhã de hoje (9), a Operação Hedonikos, que visa coibir crimes praticados por um empresário da cidade de Feira de Santana. Dentre outros ilícitos, ele atuava na fabricação clandestina de suplementos alimentares.

A investigação começou há cerca de três meses com o objetivo inicial de apurar fraudes cometidas por esse empresário contra a Caixa Econômica Federal. Somente com o banco, o débito ultrapassa a cifra de seis milhões e meio de reais.

Durante as investigações descobriu-se também que diversas empresas constituídas pelo investigado com a utilização de “laranjas” atuavam na fabricação e comercialização clandestina de suplementos alimentares, que eram produzidos sem qualquer autorização dos órgãos de vigilância sanitária competentes e distribuídos através de sua rede de lojas em Feira de Santana e Salvador, além das demais lojas do ramo em todo o Nordeste.

Hoje, estão sendo cumpridos cinco mandados de busca e apreensão nas cidades de Feira de Santana e Salvador, um mandado de prisão preventiva, três mandados de condução coercitiva, além de seis mandados de sequestros de bens e bloqueio de valores em contas bancárias.

Os investigados irão responder pelos crimes de estelionato, fabricação clandestina de produtos equiparados a medicamentos, sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e associação criminosa.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *