Arquivos diários: 28 de novembro de 2017

Condeúba: Escola Alcides Cordeiro participa da 13ª Olimpiada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas 2017

Direção e Coordenação do Colégio Alcides Cordeiro

AC4
COLÉGIO MUNICIPAL ALCIDES CORDEIRO “Em busca de uma educação de qualidade”

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) é um projeto que tem como objetivo estimular o estudo da Matemática e revelar talentos no Brasil. Atualmente, está em sua 13ª edição e com mais de 19,5 milhões de participantes, é a maior Olimpíada de Matemática do mundo.
O seu objetivo principal é estimular o estudo da Matemática por meio da resolução de problemas que despertem o interesse e a curiosidade de professores e estudantes.
Voltada para a escola pública, a OBMEP tem o compromisso de afirmar a excelência como valor maior no ensino público. Suas atividades vêm mostrando a importância da Matemática para o futuro dos jovens e para o desenvolvimento do Brasil.
A OBMEP, até então, contemplava apenas os alunos da rede pública, mas, com a integração da OBM, passou-se a contar, também, com a participação de discentes de instituições de ensino privadas.
Desde a 1ª Edição em 2005, os alunos do Colégio Municipal Alcides Cordeiro participam e brilham com MENÇÕES HONROSAS, em praticamente todas as edições a exemplo dos ex–alunos: Ernaque Viana, Gabriela Ribeiro da Silva, Alex Paulo, Juan Henrique, Gabriel Rocha, Bianca Maria, Graziele Maria, Yan Ricardo, Raiane Penides, Luís Carlos, Pedro Henrique Brito, Geisa Caroline, Amanda Sousa, Ludmilla Oliveira, João Victor mas este ano, na 13ª Edição da OBMEP, além de 05 MENÇÕES HONROSAS, pela primeira vez no município de Condeúba, nossos alunos foram premiados com Medalha de PRATA e Medalha de BRONZE.
Vale ressaltar que aos alunos medalhistas será oferecida uma vaga no Programa de Iniciação Científica, que tem como finalidade, colocar os alunos em contato com os aspectos da Matemática que não são vistos em sala de aula. O PIC para muitos alunos é a oportunidade certa, dada na hora certa!
Tivemos também a Premiação de uma professora de Matemática, a Sra. Maria Rita do Nascimento Ferreira de Carvalho, premiada com o diploma de homenagem e livro de apoio à formação Matemática.
Portanto, essa é mais uma conquista do CMAC. Motivo de grande alegria e muito orgulho para toda equipe escolar.
Alunos com suas respectivas Premiações na OBMEP 2017: Continue lendo Condeúba: Escola Alcides Cordeiro participa da 13ª Olimpiada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas 2017

Condeúba receberá mais de R$ 360 mil em auxílio financeiro do governo federal

Cond
Condeúba, em destaque a Matriz de Santo Antônio

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) calculou quanto cada Município deve receber do Auxílio Financeiro aos Municípios (AFM), no valor de R$ 2 bilhões. O repasse foi anunciado na noite desta quarta-feira, 22 de novembro, durante audiência do presidente da República, Michel Temer, com o líder do movimento municipalista, Paulo Ziulkoski, e representantes das entidades estaduais municipalistas.

A entidade aguarda agora a publicação de medida provisória informando aos gestores municipais a data em que o valor será depositado nas contas das Prefeituras. De acordo com Temer, o valor será creditado ainda no mês de dezembro. Condeúba receberá R$ 360.623,55.

A CNM destaca, no entanto, que o valor será distribuído sobre a forma de Participação dos Municípios, porém, o valor será bruto, sem incidência do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A entidade destaca ainda que o valor compõe a Receita Corrente Liquida (RCL) e por isso tem a mesma vinculação constitucional de gastos em saúde e educação que o Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Conquista
A conquista foi muito comemorada entre os gestores municipais que enfrentam sérios problemas para fechar as contas nas administrações municipais. A CNM reforça que a união, o engajamento e a mobilização dos gestores municipais mostrou que essa é a melhor forma de avançar nas pautas que trazem melhorias aos Municípios.

Rui Costa promete voo regional para Guanambi

aeroporto-de-guanambi-achei-sudoesteFoto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

O governador Rui Costa (PT) prometeu, durante inauguração da policlínica regional de saúde de Guanambi, que a cidade passará a ter voo regional. A companhia aérea interessada na operação é a Azul.

A promessa, porém, esbarra em uma limitação da natureza, visto que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) proibiu a operação de voos no aeroporto da cidade por conta dos morros próximos.

Segundo Rui, laudos técnicos foram produzidos e serão entregues à Anac na tentativa de convencer de que o relevo próximo ao aeroporto não constitui obstáculo para operação de voos.

Caso não consiga reverter a decisão da Anac, o petista anunciou que já sobrevoou outra área da cidade e, se necessário, irá desapropriar o terreno para construção de nova pista aeroportuária.

Saiba quem ganha e quem perde grana com a reforma

Clayton Castelani
do Agora

A reforma da Previdência proposta pelo governo trará vantagem no valor da aposentadoria dos trabalhadores que estão a até três anos de completar o tempo obrigatório de contribuição ao INSS e que atingirem, até o ano que vem, as idades mínimas de 53 anos, para mulheres, e de 55 anos, para homens.

Quanto mais perto esse grupo de cinquentões estiver do tempo de contribuição exigido hoje –30 anos (mulheres) e 35 anos (homens)–, maior será o ganho deles com o novo cálculo.

Por exemplo, em 2018, sem a reforma, um homem de 55 anos, com 35 anos de contribuição e média salarial de R$ 5.166,23 –para quem sempre contribuiu pelo teto– receberia aposentadoria de R$ 3.575,03. Mas se a reforma for aprovada, o segurado teria um benefício de R$ 4.520,45. A diferença é de 26,4%.

Contas de luz terão bandeira vermelha no primeiro patamar em dezembro

conta-luzA Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou que as contas de luz terão bandeira vermelha em seu primeiro patamar no mês de dezembro. Com isso, os consumidores terão uma taxa extra de R$ 3,00 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Em novembro, vigorou a bandeira vermelha patamar dois, cuja cobrança é de R$ 5,00 a cada 100 kWh consumidos.

A mudança da bandeira foi possível em razão do aumento das chuvas, que ajudaram a recuperar o nível dos reservatórios das hidrelétricas. No entanto, “ainda que não haja risco de desabastecimento de energia elétrica, é preciso reforçar as ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício”, informo a Agência.