Arquivo da tag: Investigação

PF investiga empresa envolvida em compra de avião que levava Eduardo Campos

aviao-eduardo-campos-84

         Foto: Reprodução/TV Nordeste

A Polícia Federal em Pernambuco deflagrou na manhã desta terça-feira (31) a operação Vórtex, desmembramento da Operação Turbulência, que apura uma quadrilha envolvida em lavagem de dinheiro que tinha entre os integrantes os donos do avião no qual o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, morreu em 2014, durante a campanha presidencial.

Segundo informações do Diário de Pernambuco, a análise das contas bancárias das pessoas físicas e jurídicas usadas para a compra do avião, um Cessna Citation prefixo PR-AFA, apontaram que os valores transferidos de uma das empresas investigadas haviam sido repassadas, dois dias antes, por uma terceira empresa, que ainda não constava na apuração.

Foi verificado que esta empresa tem contratos milionários com o governo do Estado e que suas doações a campanhas políticas aumentaram exponencialmente ao longo dos últimos anos, sobretudo para o PSB, partido de Campos, e aos candidatos apoiados por ele.

Ao todo 30 policiais federais cumprem 10 ordens judiciais, sendo 6 mandados de busca e apreensão (4 no bairro de Boa Viagem, 1 no Pina e 1 em Jaboatão dos Guararapes) e 4 mandados de condução coercitiva (todos no bairro de Boa Viagem). Os nomes dos alvos não estão sendo divulgados.

Gilmar Mendes autoriza continuação de inquérito contra Aécio Neves

Nome do senador tucano é citado por Delcídio como recebedor de “pagamentos ilícitos” feitos por Dimas Toledo, ex-diretor de Furnas

Agência Brasil

Mendesaecio-neves-44O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes determinou nesta quinta-feira (2) a retomada do inquérito que investiga o senador Aécio Neves (PSDB-MG), um dia após parecer no qual a Procuradoria-Geral da República (PGR) manifestou-se a favor do prosseguimento das investigações que apuram supostos crimes cometidos pelo senador em Furnas, empresa subsidiária da Eletrobrás.

Leia mais:
Tucanos negociam com Michel Temer espaço para formular ações Gilmar Mendes pede para PGR reavaliar pedido de investigação contra Aécio há duas semanas, o ministro Gilmar Mendes, relator da investigação, suspendeu as diligências e devolveu o processo para o procurador-geral Rodrigo Janot Janot. Na ocasião, ao decidir a questão, Mendes entendeu que não há fatos para uma nova investigação contra o senador, sendo que o procurador pediu o arquivamento de um primeiro pedido em março do ano passado.

Na manifestação protocolada ontem (1º), além de indicar que há novas provas para o prosseguimento do inquérito, Janot diz que o ministro não pode se recusar a dar prosseguimento ao inquérito sem a anuência da procuradoria. Entre as provas estão os depoimentos do ex-senador Delcídio do Amaral, nos quais Aécio foi citado como recebedor de “pagamentos ilícitos”, feitos, segundo ele, pelo ex-diretor de Furnas, Dimas Toledo.

Senador Aécio Neves (PSDB-MG)
Pedro França/Agência Senado – 2.5.16

Outro lado

Em nota, Aécio Neves disse que compreende o papel do Ministério Público em dar prosseguimento às investigações, mas que tem a convicção de que sua inocência será provada.

“Tenho a absoluta convicção de que, ao final, ficará provado mais uma vez a minha inocência, como já aconteceu no passado, o que levou, inclusive, ao arquivamento dessas mesmas acusações”, disse o senador.Mendes