Sentido da Notícia

                                                                                Orlando Filho

Fazemos parte de um momento da sociedade em que as notícias tem sido preponderantes no curso de muitas pessoas e por que não dizer no desenvolvimento sócio-cultural-econômico das cidades também!

Lembro-me do anseio por receber um jornal impresso em casa, sabendo que ali conteria noticias novas, oportunidades de emprego, classificados, tudo aquilo que gostamos de ouvir, para nos sentirmos informados e bem sintonizados com a atualidade.

Com o advento das tecnologias e consequentemente das mídias e redes sociais, as notícias passaram a serem imediatas, rápidas e por suas vez em grande quantidade, fazendo-nos sermos “bombardeados” por inúmeros conteúdos que muitas das vezes não podemos afirmar a sua veracidade, aplicação e ganho por tantas informações para acumularmos.

Nos meios televisivos com âncoras nacionais as noticias aparentam terem mais primor, contudo elas tem nos feito a cada dia refletirmos mais sobre o poder que tem nos influenciado, e qual sentido tem trago realmente para a sociedade. È preciso sermos mais seletivos, questionadores e quantificadores do que temos deixado ser absorvido por nossa mente, e sobretudo, o impacto que isso tem trago pra todos. Digo isso não somente no propósito de separarmos a verdade da mentira, mas principalmente no objetivo de construirmos em nós o melhor que podemos ser e não aquilo que somos impostos por uma mídia a exercermos.

As Fakes News tem sido o ponto do momento, noticias falsas que precisam ser balizadas para depois compartilhadas. Muitos de nós temos tomados decisões erradas, deixado de crescermos como poderíamos, e estarmos multiplicando informações de ampliação nacional por deixarmos sermos construídos com “um sentido de notícia” que não diz quem somos, nem tampouco o que seremos, mas como esse “sentido da notícia” quer que sejamos.

Em tempos tão difíceis, de más pensamentos, más informações, noticias ruins é necessário que busquemos sermos preenchidos das boas noticias, para que nos dias adversos possamos combater os sentidos das más noticias e assim continuarmos a construção de uma vida plena e feliz, que é a motivação pela qual fomos forjados e assim acredito que todos desejam viver. Utilizemos da boa notícia de um profeta chamado Jeremias quando diz:” Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais”, e tenhamos um “bom sentido nas notícias”.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *