O Ensino de Ciências da Natureza na Base Nacional Curricular Comum

Profº Agnério Souza

Professor Agnério Evangelista de Souza

A BNCC – Base Nacional Curricular Comum traz um estudo bastante adiantado ao se tratar de Ciências da Natureza a ser realizado durante os nove anos do Ensino Fundamental. Deste modo, traçam-se sete competências específicas a serem desenvolvidas. São elas:

1. Compreender as ciências como empreendimento humano, reconhecendo que o conhecimento científico é provisório, cultural e histórico.

2. Compreender conceitos fundamentais e estruturas explicativas das Ciências da Natureza, bem como dominar processos, práticas e procedimentos da investigação científica, de modo a sentir segurança no debate de questões científicas, tecnológicas e socioambientais e do mundo do trabalho.

3. Analisar, compreender e explicar características, fenômenos e processos relativos ao mundo natural, tecnológico e social, como também as relações que se estabelecem entre eles, exercitando a curiosidade para fazer perguntas e buscar respostas.

4. Avaliar aplicações e implicações políticas, socioambientais e culturais da ciência e da tecnologia e propor alternativas aos desafios do mundo contemporâneo, incluindo aqueles relativos ao mundo do trabalho.

5. Construir argumentos com base em dados, evidências e informações confiáveis, negociar e defender ideias e pontos de vista que respeitem e promovam a consciência socioambiental e o respeito a si próprio e ao outro, acolhendo e valorizando a diversidade de indivíduos e de grupos sociais, sem preconceitos de qualquer natureza.

6. Conhecer, apreciar e cuidar de si, do seu corpo e bem-estar, recorrendo aos conhecimentos das Ciências da Natureza.

7. Agir pessoal e coletivamente com respeito, autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação, recorrendo aos conhecimentos das Ciências da natureza para tomar decisões frente a questões científico-tecnológicas e socioambientais e a respeito da saúde individual e coletiva, com base em princípios éticos, democráticos,sustentáveis e solidários.

Para orientar melhor o ensino de Ciências, toma-se por base três unidades temáticas que se repetem ao longo de todo o Ensino Fundamental. A primeira delas é a questão da Matéria e Energia. Contempla-se o estudo de materiais e suas transformações, fontes e tipos de energia utilizados na vida em geral, na perspectiva de construir conhecimento sobre a natureza da matéria e dos diferentes usos da energia.

A segunda unidade temática é sobre a Vida e Evolução. Esse tema propõe o estudo de questões relacionadas aos seres vivos, incluindo os seres humanos, suas características e necessidades, e a vida como fenômenos natural e social, os elementos essenciais à sua manutenção e à compreensão dos processos evolutivos que geram a diversidade de formas de vida no planeta. Estudam-se características dos ecossistemas destacando as interações dos seres vivos com outros seres vivos e com os fatores não vivos do ambiente, com destaque para as interações que os seres humanos estabelecem entre si e com os demais seres vivos e elementos não vivos do ambiente. Aborda-se, ainda, a importância da preservação da biodiversidade e como ela se distribui nos principais ecossistemas brasileiros.

A terceira grande unidade temática, diz respeito à Terra e Universo. Busca-se a compreensão de características da Terra, do Sol, da Lua e de outros corpos celestes. Suas dimensões, composição, localização, movimentos e forças que atuam entre eles. Ampliam-se experiências de observação do céu, do planeta Terra, particularmente das zonas habitadas pelo ser humano e demais seres vivos, bem como de observação dos principais fenômenos celestes. Além disso, ao salientar que a construção dos conhecimentos sobre a Terra e o céu se deu de diferentes formas em distintas e culturais ao longo da história da humanidade, explora-se a riqueza envolvida nesses conhecimentos, o que permite, entre outras coisas, maior valorização de outras formas de conceber o mundo.

Enfim, a área de Ciências da Natureza tem um compromisso com o desenvolvimento do letramento científico, que envolve a capacidade de compreender e interpretar o mundo natural, social e tecnológico; mas também de transformá-lo com base nos aportes teóricos e processuais da ciência.

Fonte: BNCC pgs. 276, 277, 278 e 280

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Um comentário sobre “O Ensino de Ciências da Natureza na Base Nacional Curricular Comum

  1. Acabo de receber um informativo da UNCME sobre a implantação da BNCC. Será com a participação de professores, gestores e conselhos, através de Regime de Colaboração. O MEC e a Secretaria de Educação do Estado oferecerão apoio técnico aos municípios no processo de implementação. Temos um grande passo para isto acontecer, somos Sistema Municipal de Ensino aprovado pela Lei nº 996/2018, publicada no DO do Município em 24 de setembro deste ano, assinada pelo Prefeito Silvan Baleeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *