MONTEZUMA ATRAI TURISTAS EM BUSCA DE AR PURO, VERDE E TRANQUILIDADE

O clima fresco durante parte do ano, faz do município mineiro de Montezuma, um retrato vivo da natureza perto de nós. Cidade pequena, de pouca gente nas ruas, guardando aquele “jeitão” de interior, no qual as pessoas se cumprimentam em tom de amizade. O comércio, ainda tímido, se resume em lojas, bares a céu aberto com música ao vivo, quiosques, “disk lanches” e rede de hotéis. O sossego alivia a tensão e o stress causado pela correria do dia a dia. Um convite ao prazer, onde o turista se deixa levar pela pureza do meio ambiente.

O atrativo mesmo é o clube de campo, com área verde, piscinas, saunas, amplo estacionamento e “precinho camarada” que varia entre dia de semana e/ou feriado. Montezuma, situada na divisa entre Bahia e Minas Gerais, ficou conhecida pela água quente que brota da terra, passando a ser seu segundo nome “Água Quente”, tornando – se importante pólo turístico da região. Espaço de lazer muito limpo e conservado, tido como o cartão de visitas da cidade, hoje ponto de referência no sertão norte. Fácil acesso devido a malha rodoviária.

Há mais de 40 anos movimenta pessoas vindas de vários lugares, pois a “fama atravessou fronteiras”, devido a riqueza natural considerada rara. Árvores de sombra cercam o parque de aproximadamente 200 m2. Essa mesma água jorra pelo piso de azulejo, numa temperatura que varia conforme o tempo, entre “morna” ou “quente”. Não é permitido consumo de bebidas alcoólicas. Regra da casa. Linha de acesso: Estrada Jacaraci Mortugaba, sentido Fazenda Perfil, passando pelo chamado “entrocamento” entre os dois estados.

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *