Condeúba: Realizada a 26ª Sessão da Câmara, tida como “de minutos”

Por Oclides da Silveira

Momento da execução do Hino Nacional

Nesta quinta-feira dia 20 de setembro de 2018, foi realizada a 26ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, com poucos assuntos tratados no Pequeno Expediente e sem nenhum assunto a ser tratado do Grande Expediente e nem na Ordem do Dia. Digamos que foi uma Sessão de minutos, pois, durou exatamente 39 minutos. Faltaram a Sessão de hoje os vereadores Adailton, Carlito e Nena.

PEQUENO EXPEDIENTE:                                                                                                                            Inicialmente foi executado o Hino Nacional, em seguida professaram a oração do Pai Nosso, depois o 2º Secretário vereador Maurílio Guilherme leu a Ata da Sessão anterior, assim como foi lido os ofícios de nºs 45 e 47/2018. Depois foi lido ainda os convites: Para o lançamento do livro de Poemas de autoria do escritor Dairi José Antônio Duarte que será no próximo dia 29 de setembro na Câmara de Cordeiros, também foi lido o convite para o “I Sarau Itinerante”, que será realizado no próximo dia 22 às 19:00 horas no Distrito de Mandassaia, com apoio da Prefeitura e Secretaria de Educação. Houve ainda a leitura da Indicação nº 40 de autoria do vereador Reginaldo, que se trata para fazer uma galeria de contenção próximo a Barragem do Champrão para evitar levar sujeira para dentro da represa.

Vereador Antônio Farias Terêncio Filho – “Toinho”

E o maior destaque ficou por conta da Indicação nº 39 de autoria do vereador Antônio Farias Terêncio Filho “Toinho” – PSD que foi no sentido para que o Prefeito Silvan Baleeiro eleve o Povoado da Lagoinha para Distrito.

Vereadora Maria da Conceição Nascimento Santos

Conceição – PT. Usando o tempo de liderança disse: “Participamos de uma reunião essa semana passada para se tratar da reorganização da nossa feira, num entanto foi de certa forma muito vazia, pois, não teve uma pauta com maior abrangência, a discussão ficou muito acanhada e centralizou basicamente no lixo que fica a deriva jogado no chão sem nenhum controle. Mas quero afirmar aos senhores que já existe a Lei nº 869 de 25 de novembro de 2013 que trata da proibição de jogar lixo no chão, apenas a Lei não está sendo cumprida”, finalizou a edil Conceição.

Lei nº 869 de 25 de novembro de 2013 trata-se de punir quem jogar lixo no chão

Não tendo havido Grande Expediente, nem Ordem do Dia e esgotado a pauta, o Presidente Silvano dos Santos, agradeceu aos 4 munícipes que compareceram na Sessão hoje sendo os professores Neaci e Antônio Neto, Raildo Moura de Lima e o Presidente do PCdoB “Zé de Fernando”, deixou o convite para que eles retornem nas próximas Sessões, em seguida declarou por encerrado os trabalhos.

Fotos: JFC

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *