Arquivos da categoria: Saúde Pública

A Secretaria Municipal de Saúde, Lança a campanha “Agosto Dourado” incentivo a amamentação

A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, ATRAVÉS DA ATENÇÃO BÁSICA, LANÇA A CAMPANHA DO “AGOSTO DOURADO”, MÊS DE INCENTIVO À AMAMENTAÇÃO

A campanha tem por objetivo conscientizar a sociedade sobre a importância da amamentação materna exclusiva até os seis meses de vida.
.
Segundo Cristiana Novais, coordenadora da Atenção Básica, “a amamentação materna exclusiva até os seis meses contribui para o desenvolvimento e a proteção da criança. Quanto mais as crianças se amamentarem maiores serão as chances de reduzir a mortalidade por causas evitáveis em crianças menores de cinco anos.”
.
Durante todo o mês de agosto, os profissionais da Atenção Básica estarão desenvolvendo ações em saúde voltadas para este tema.

Medicamento que trata malária com apenas uma dose é aprovado

Foto: iStock/Getty Images

A Food and Drug Administration (FDA), agência americana que regulamenta medicamentos e alimentos, aprovou um novo tratamento contra a malária. A tafenoquina, produzida pela farmacêutica GSK, é indicada para a forma recorrente da doença e elimina o parasita com apenas uma dose.

Uma mudança significativa diante das 14 doses necessárias na terapia atual. Além disso, o medicamento consegue eliminar os parasitas que ficaram escondidos no fígado, impedindo assim justamente a recorrência da doença. Segundo especialistas, o Krintafel, nome comercial do medicamento, é uma “conquista fenomenal” no combate à malária.

A malária é uma doença infecciosa causada pelo parasita Plasmodium e transmitida pela picada da fêmea infectada do mosquito Anopheles. Sua gravidade varia de acordo com a espécie do parasita.

Embora o Plasmodium falciparum seja uma das principais espécies causadoras de malária, na última década houve um aumento dos casos de infecção por pelo Plasmodium vivax, que contamina 8,5 milhões de pessoas por ano no mundo inteiro. No Brasil, ela é responsável por 85% dos casos de malária, sendo muito comum também no restante da América Latina e no sul da Ásia.

Polícia Militar desmonta consultório irregular de odontologia em Licínio de Almeida

A Polícia Militar de Licínio de Almeida, desmontou um consultório de odontologia irregular neste sábado (21). A ação da PM foi realizada em parceria com o Conselho Regional de Odontologia da Bahia (CRO-BA). O falso dentista foi localizado após denúncias anônimas de moradores da cidade.O acusado atuava de forma irregular no fundo de sua residência, utilizando equipamentos precários e sem as condições de higiene exigidas por lei. O falso dentista foi preso e está à disposição da justiça. Todo o material apreendido foi encaminhado para Delegacia de Licínio de Almeida.

Surge em Condeúba uma nova modalidade para “Clientes Fitness”

Para atender de forma especifica (Individualidade Biológica) e eficaz, surge em Condeúba um novo protocolo de treinamento no Studio Fitness WTP.
Aula Funcional, Treinamento Resistido, Aero Boxe, Aeróbica, Treinamento Localizado, Fortalecimento e Treinamento de Aptidões Motoras.
O Intuito do Studio Fitness WTP é atender da melhor forma possível os clientes que buscam a prática de atividade física e exercício físico como qualidade de vida e promoção à saúde.

O Profissional Willian Tolentino Pereira (Licenciado e Bacharel em Educação Física, Pós- Graduado em Fisiologia do Exercício, Atividade Física para Grupos Especiais, Musculação e Condicionamento Físico, Personal Treinar e Nutrição Esportiva), está aplicando um novo conceito de periodização da atividade e do exercício físico, Respeitando as limitações é potencializando as aptidões de cada cliente.

Faça logo sua inscrição, Praça Jovino Arsênio da Silva Filho, nº 162 Centro – Condeúba. TEL/ZAP: (77)99135-5242

Condeúba: Começou a Campanha Antirrábica Animal 2018

Enfª.  Marianne Ribeiro

Teve inicio nesta semana a Campanha Antirrábica Animal 2018, para cães e gatos a partir de 3 meses de idade, a campanha está sendo desenvolvida em todo território do município, com locais e horários pré-definidos juntamente com os agentes comunitários de saúde, os quais tem vínculo com a população diariamente em suas visitas domiciliares e são responsáveis por repassar datas e horários dos roteiros realizados na zona rural.

A campanha se iniciou no dia 17 de Julho e vai até dia 04 de Agosto (sábado) que é o dia D, em que acontecerá a vacinação dos animais da sede do município.

Confira a programação e não deixe de levar seu animal de estimação para ser vacinado contra a raiva. Mais uma ação da Vigilância Epidemiológica Municipal, Coordenação Enfermeira Marianne Ribeiro.

 

 

Saúde: Doenças erradicadas criam falsa sensação de que vacina é desnecessária

Dados do Ministério da Saúde mostram que a aplicação de todas as vacinas do calendário adulto estão abaixo da meta no Brasil – incluindo a dose que protege contra o sarampo, doença que registra surtos em pelo menos três estados. Entre as crianças, a situação não é muito diferente – em 2017, apenas a BCG, que protege contra a tuberculose e é aplicada ainda na maternidade, atingia a meta de 90% de imunização.

A tendência de queda nas coberturas vacinais, segundo a pasta, começou a aparecer em 2016 e vem se acentuando desde então. Em 312 municípios brasileiros, menos de 50% das crianças foram vacinadas contra a poliomielite. Apesar de erradicada no país desde 1990, a doença ainda é considerada endêmica em pelo menos três países – Nigéria, Afeganistão e Paquistão – e ensaia uma reintrodução nas Américas caso a cobertura vacinal não se mantenha em 95%.

m entrevista à Agência Brasil, a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Carla Domingues, avaliou que o sucesso da vacinação no país ao longo das últimas décadas e a consequente erradicação de doenças criaram uma falsa sensação de que as doses não são mais necessárias. Outro problema, segundo ela, é a divulgação das chamadas fake news nas redes sociais e que, no caso das vacinas, podem causar alarde e assustar a população.

“Se não tivermos a população devidamente vacinada, poderemos ter o risco de reintrodução de doenças”, alertou. “Existe, por exemplo, um fluxo constante de pessoas viajando. Se pararmos de vacinar, uma pessoa doente chega ao país e o vírus tem a chance de voltar a circular. Enquanto a doença não for erradicada no mundo, precisamos da vacinação”, completou. Continue lendo Saúde: Doenças erradicadas criam falsa sensação de que vacina é desnecessária