Arquivos da categoria: Política

Condeúba: Realizada a 16ª Sessão Ordinária da Câmara com algumas emoções

Por Oclides da Silveira

Os vereadores professando a Oração do Pai-Nosso no início dos trabalhos

Nesta quinta-feira dia 14 de junho de 2018, foi realizada a 16ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal com algumas emoções diferentes e que coincidentemente vieram das duas vereadoras Conceição e Nena, logo adiante em suas falas estaremos dando os verdadeiros motivos emocionais das parlamentares.

PEQUENO EXPEDIENTE:  

Foi lido a interminável e enfadonha Ata da Sessão anterior (desnecessariamente),  pois nos parlamentos modernos não se lê atas de forma rotineira, só se faz se for requerida por um dos membros. As Atas devem ser lidas emendadas e aprovadas, meia hora antes das Sessões de forma interna e depois vincula a aprovação daquela ata à Sessão do dia. Outro ato fora de moda da nossa Câmara é a exibição do Hino Nacional antes das Sessões, isto não existe mais nos parlamentos modernos. Parabenizamos a atual legislatura em especial a mesa diretora que está buscando reformas tanto na Lei Orgânica com no Regimento Interno daquela Casa de Leis, fica aí a nossa sugestão a título de colaboração.

Foi votado e aprovado o Requerimento nº 09/2018 de autoria do vereador Reginaldo Nascimento solicitando do vereador Carlito que ele informasse onde está o paradeiro das madeiras e dos materiais que foram retirados da cobertura antiga quando ele foi Presidente daquela Casa de Leis, ele processou a reforma do prédio e prestou contas dos materiais antigos.

Foi feito a leitura do Projeto de Lei nº 13/2018 do Executivo que cria o Conselho da Juventude, o qual será vinculado à Secretaria Municipal de Cultura, Desporto e Lazer. Teve ainda leituras de convites das escolas sobre as festas juninas. Continue lendo Condeúba: Realizada a 16ª Sessão Ordinária da Câmara com algumas emoções

Lula tem 30%, Bolsonaro, 17%, Marina, 10%, aponta pesquisa Datafolha para 2018

Do G1 – Uma pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada neste domingo (10) pelo jornal “Folha de S.Paulo” com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018. Foram feitas 2.824 entrevistas entre 6 e 7 de junho, em 174 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Veja os resultados dos 4 cenários pesquisados no 1º turno:

Cenário 1 (Se Lula for candidato)

Lula (PT): 30%
Jair Bolsonaro (PSL): 17%
Marina Silva (Rede): 10%
Geraldo Alckmin (PSDB): 6%
Ciro Gomes (PDT): 6%
Alvaro Dias (Podemos): 4%
Manuela D’Ávila (PC do B): oscila entre 1% e 2%
Rodrigo Maia (DEM): oscila entre 1% e 2%
Aldo Rebelo (SDD): oscila entre 0% e 1%
Fernando Collor de Mello (PTC): oscila entre 0% e 1%
Flávio Rocha (PRB): oscila entre 0% e 1%
Guilherme Afif Domingos (PSD): oscila entre 0% e 1%
Guilherme Boulos (PSOL): oscila entre 0% e 1%
Henrique Meirelles (MDB): oscila entre 0% e 1%
João Amoêdo (Novo): oscila entre 0% e 1%
João Goulart Filho (PPL): oscila entre 0% e 1%
Josué Alencar (PR): oscila entre 0% e 1%
Levy Fidelix (PRTB): oscila entre 0% e 1%
Paulo Rabello de Castro (PSC): não alcança 1% em nenhum cenário
Sem candidato: 21%

Cenário 2 (Se o PT lançar Fernando Haddad no lugar de Lula)

Jair Bolsonaro (PSL): 19%
Marina Silva (Rede): 15%
Ciro Gomes (PDT): 10%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Alvaro Dias (Podemos): 4%
Fernando Haddad (PT): 1%
Sem candidato: 33%

Cenário 3 (Se o PT lançar Jaques Wagner no lugar de Lula)

Jair Bolsonaro (PSL): 19%
Marina Silva (Rede): 14%
Ciro Gomes (PDT): 10%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Alvaro Dias (Podemos): 4%
Jaques Wagner (PT): 1%
Sem candidato: 33%

Cenário 4 (Se o PT ficar fora da eleição)

Jair Bolsonaro (PSL): 19%
Marina Silva (Rede): 15%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Alvaro Dias (Podemos): 4%
Sem candidato: 34%

Cenários pesquisados para o 2º turno

Cenário 1 (se Lula for candidato e chegar ao 2º turno)

Lula (PT): 49%
Jair Bolsonaro (PSL): 32%
Branco/nulo: 17%
Não sabe: 1%

Cenário 2 (se Lula for candidato e chegar ao 2º turno)

Lula (PT): 49%
Alckmin (PSDB): 27%
Em branco/Nulo: 22%
Não sabe: 1%

Cenário 3 (se Lula for candidato e chegar ao 2º turno)

Lula (PT): 46%
Marina (Rede): 31%
Em branco/Nulo: 21%
Não sabe: 1%

Cenário 4 (se o PT lançar Fernando Haddad no lugar de Lula)

Alckmin (PSDB): 36%
Haddad (PT): 20%
Em branco/Nulo: 40%
Não sabe: 4%

Cenário 5 (se o PT lançar Fernando Haddad no lugar de Lula)

Bolsonaro (PSL): 36%
Haddad (PT): 27%
Em branco/Nulo: 34%
Não sabe: 3%

Cenário 6 (se o PT lançar Fernando Haddad no lugar de Lula)

Ciro (PDT): 38%
Haddad (PT): 19%
Em branco/Nulo: 38%
Não sabe: 4%

Cenário 7 (Sem Lula)

Ciro (PDT): 32%
Alckmin (PSDBB): 31%
Em branco/Nulo: 34%
Não sabe: 3%

Cenário 8 (Sem Lula)

Marina (Rede): 42%
Alckmin (PSDB): 27%
Em branco/Nulo: 29%
Não sabe: 2%

Cenário 9 (Sem Lula)

Alckmin (PSDB): 33%
Bolsonaro (PSL): 33%
Em branco/Nulo: 32%
Não sabe: 3%

Cenário 10 (sem Lula)

Marina (Rede): 42%
Bolsonaro (PSL): 32%
Em branco/Nulo: 24%
Não sabe: 2%

Cenário 11 (sem Lula)

Ciro (PDT): 36%
Bolsonaro (PSL): 34%
Em branco/Nulo: 28%
Não sabe: 3%

Cenário 12 (sem Lula)

Marina (Rede): 41%
Ciro (PDT): 29%
Em branco/Nulo: 28%
Não sabe: 2%

Influência

30% dizem que votariam em candidato indicado por Lula.
17% dizem que ‘talvez’ votariam em candidato indicado por Lula
51% dizem que rejeitariam em candidato indicado por Lula
65% dizem que rejeitariam candidato indicado por Fernando Henrique Cardoso
92% dizem que rejeitariam candidato indicado por Michel Temer

Condeúba: Realizada a 15ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, foi negado urgência aos Projetos do Prefeito

Por Oclides da Silveira

Vereadores reunidos no Plenário em pleno andamento da Sessão

Realizada a 15ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal nesta quinta-feira dia 7 de junho de 2018. PEQUENO EXPEDIENTE: Foi lido a Ata da Sessão anterior, ofícios, requerimentos, Indicações e outros, além de dois Projetos do Executivo, sendo um para a Câmara autorizar a venda através de leilão de carros que estão quebrados e sem uso pela Prefeitura. O outro Projeto seria para autorizar a Prefeitura comprar 2 caminhões pipas, uma roçadeira e um caminhão compactador para fazer a coleta do lixo, ambos os Projetos vieram em regime de urgência.

Gerou uma grande polêmica na questão da urgência dos Projetos, o Presidente Silvano botou em votação, primeiro o Projeto do leilão dos veículos que ficou assim: Votaram a favor da urgência os vereadores Toinho, Nena e Antônio Chaves. Votaram contra a urgência Arlindo, Carlito, Maurílio, Conceição e Reginaldo.

O outro Projeto que versa sobre a compra financiada de veículos, ficou assim a votação: Votaram favoráveis a urgência os vereadores,   Toinho, Nena, Antonio Chaves e Reginaldo e contra a urgência votaram os vereadores, Carlito, Arlindo, Maurílio, Conceição, ficando empatado a votação, aí foi preciso o Presidente desempatar e ele o fez votando contra a urgência. Desta forma os Projetos terão tramitação normal, ou seja 10 dias úteis. Continue lendo Condeúba: Realizada a 15ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal, foi negado urgência aos Projetos do Prefeito

Política: PF encontra R$ 23,6 mi em contas de amigo de Temer investigado por decreto

Coronel aposentado João Baptista Lima Filho

A Polícia Federal encontrou planilhas e extratos bancários que apontam cerca de R$ 20,6 milhões em contas de empresas do coronel aposentado João Baptista Lima Filho, amigo do presidente Michel Temer. Mais R$ 3,04 milhões estão em uma conta do próprio Lima.

A PF investiga a suposta atuação de Lima como um intermediário de propina do presidente da República.

O dinheiro está, de acordo com os documentos, em contas correntes e investimentos em nome do coronel (pessoa física), da PDA Projeto e Direção Arquitetônica LTDA e da PDA Administração e Participação LTDA.

Não há nenhuma menção nos papeis sobre a Argeplan, empresa mais conhecida de Lima, dona de diversos contratos milionários com o setor público ao longo dos últimos anos.

Em recente depoimento à PF, um contador do coronel, Almir Martins, disse só se recordar do faturamento líquido da Argeplan, que seria em torno de R$ 100 mil a R$ 200 mil anuais. Afirmou ainda que o patrimônio atualizado da empresa é de R$ 5 milhões.

Uma das planilhas, que tem a data de abril de 2017, registra o valor de R$ 20,6 milhões em contas da PDA Administração e Participação no Bradesco. Continue lendo Política: PF encontra R$ 23,6 mi em contas de amigo de Temer investigado por decreto

Eleição Suplementar em Jeremoabo: Deri do Paloma foi eleito prefeito

Eleição suplementar  em Jeremoabo foi realizada neste domingo (3/6); candidato eleito obteve 11.441 (55,23%) dos votos válidos

Derisvaldo José dos Santos (Deri do Paloma) e Luiz Carlos Bartilotti Lima (Lula de Dalvinho)

Derisvaldo José dos Santos (Deri do Paloma) e Luiz Carlos Bartilotti Lima (Lula de Dalvinho) foram eleitos, respectivamente, prefeito e vice-prefeito de Jeremoabo. Em eleição suplementar, realizada neste domingo (3/6) na cidade, cerca de 20 mil eleitores retornaram às urnas. A diplomação dos eleitos está prevista para o próximo dia 18 de junho. Já a posse, para cumprimento de mandato até dezembro de 2020, deve ocorrer em 3 de julho.

As eleições na cidade ocorreram de maneira tranquila, sendo registrada apenas uma substituição de urna. Ao todo, 110 equipamentos foram preparados para o pleito, sendo 16 desses de contingência.

O juiz da 51ª Zona Eleitoral, Paulo Eduardo de Menezes Moreira, enalteceu a logística e segurança na eleição suplementar. “A movimentação foi dentro do esperado. Sabíamos que o clima seria mais tenso do que 2016 porque os grupos políticos que disputaram já têm um histórico de muita rivalidade, porém não tivemos muitos problemas”, afirmou. Para garantia da ordem na cidade, algumas medidas foram tomadas, a exemplo da publicação da Portaria 006/2018 – que proibiu o consumo, venda e distribuição de bebida alcóolica – e a montagem de uma logística de apoio em conjunto com o Ministério Público e o Comando da Polícia Militar. “Essa preparação foi crucial para a manutenção da paz e da ordem neste pleito suplementar”, completou.

O juiz eleitoral agradeceu ainda ao apoio de servidores do TRE baiano. Satisfeito com sucesso da eleição, doutor Paulo Eduardo agradeceu pelo apoio. “Quero agradecer aos servidores e colaboradores da Justiça Eleitoral e também do presidente do TRE-BA, desembargador Rotondano”, disse.

Números

Dos mais de 26 mil eleitores de Jeremoabo, 21.461 (80,96%) compareceram as eleições suplementares deste domingo (3/6) e 5.048 (19,04%) se abstiveram. Do total de votos registrados, 542 (2,53%) foram votos nulos e outros 203 (0,95%) votos em branco.

O candidato eleito, Deri do Paloma (PP), contou com 11.441 (55,23%) dos votos válidos. O candidato Antônio Chaves (PSD) obteve 9.275 (44,77%) dos votos.

Pela primeira vez, uma eleição suplementar foi realizada em Jeremoabo. Em 2016, a candidata mais votada, Anabel de Tista (PSD), não teve os votos computados pela Justiça Eleitoral em razão do indeferimento de seu registro de candidatura.

100% DAS URNAS APURADAS

DERI DE PALOMA – 11.441 VOTOS (55,23%)

ANTÔNIO CHAVES – 9.275 VOTOS (44,77%)

DIFERENÇA – 2.166 VOTOS

ABSTENÇÕES – 5.048 (19,04%)

NULOS – 542 (2,53%)

BRANCOS – 203 (0,95%)

Eleição em Jeremoabo: mais de 26 mil eleitores irão às urnas neste domingo (3/6)

Eleição suplementar acontece na cidade para escolha de prefeito e vice-prefeito; pleito ocorrerá das 8h às 17h deste domingo dia 3 de junho de 2018.

Mais de 26 mil eleitores deverão ir às urnas neste domingo (3/6), em Jeremoabo, a 371 km da capital baiana. A eleição suplementar acontece na cidade para escolha de prefeito e vice-prefeito. O pleito ocorrerá das 8h às 17h e duas chapas concorrem às vagas no Poder Executivo do município.

Confira os candidatos:

Prefeito: Antônio Chaves (PSD)/ Vice: Edriane Santana dos Santos (Diana de Irene) (PSD);
Prefeito: Derisvaldo José dos Santos (Deri do Paloma) (PP) / Vice: Luiz Carlos Bartilotti Lima (Lula de Dalvinho) (DEM).

Conforme o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), são – ao todo – 26.756 eleitores aptos na cidade. Para realização da eleição suplementar, foram montadas 94 seções eleitorais, distribuídas nas áreas urbana e rural do município. Serão utilizadas 110 urnas eletrônicas, todas já preparadas para o pleito. Dessas, 94 urnas estão destinadas às seções eleitorais e 16 são de contingência, caso ocorra necessidade de substituição.

A geração das mídias que serão utilizadas nas urnas eletrônicas foi concluída nessa terça-feira (29/5). Uma equipe da área de Tecnologia da Informação (TI) do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) acompanham os trabalhos no local. A atividade de geração de mídia consiste, basicamente, no armazenamento de dados de candidatos e de eleitores nos flashs cards, cartões de memória que são inseridos nas urnas no dia da eleição.

Entenda

As eleições municipais em Jeremoabo ficaram indefinidas. Isso porque a candidata à prefeita mais votada, Anabel de Tista (PSD), teve seu registro indeferido e os votos não foram validados. Ela disputou o pleito de 2016 com recursos na Justiça Eleitoral.

Após julgamento de recurso interposto pela candidata, a Corte eleitoral do TRE-BA decidiu, à unanimidade, manter o indeferimento do registro de candidatura e excluir multa aplicada a candidata. Conforme a Resolução Administrativa – Nº 5/2018, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve a decisão do TRE-BA.

Fonte: TRE-BA.

Condeúba: Realizada a 14ª Sessão Ordinária da Câmara, com leitura de “Moção de Pesar” pelo falecimento de “Manoel da Boa Vista”

Por Oclides da Silveira

Sessão realizada sobre a Presidência do Vice Reginaldo Nascimento Sobrinho

Foi realizada a 14ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal nesta quinta-feira dia 24 de maio de 2018, sobre a Presidência do vereador Reginaldo Nascimento Sobrinho, ele que que é o vice-Presidente de Silvano dos Santos que esteve impossibilitado de estar presente, devido a um curso que está fazendo fora da cidade, justificou Reginaldo. Estiveram prestigiando a Sessão os Presidentes Ângela Cruz do PT e Zé de Fernando do PCdoB.

PEQUENO EXPEDIENTE

Após a execussão do Hino Nacional e feito a oração do Pai Nosso o Presidente declarou aberta a 14ª Sessão Ordinária. Em seguida foi feito a leitura da Ata da Sessão anterior pelo 2º Secretário Maurilio Guilherme, leituras das respostas dada pelo Chefe de Gabinete Paulo Henrique sobre as Indicações, leitura do convite da festa junina da Creche Vovó Clemencia Sofia. Continue lendo Condeúba: Realizada a 14ª Sessão Ordinária da Câmara, com leitura de “Moção de Pesar” pelo falecimento de “Manoel da Boa Vista”

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MINAS DECRETA PRISÃO DO EX-GOVERNADOR EDUARDO AZEREDO

Ex-governador do estado de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB)

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) negou o último recurso do ex-governador do estado Eduardo Azeredo (PSDB) contra a sua condenação a vinte anos e um mês pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro no processo conhecido como “mensalão tucano”. O TJ-MG decidiu decretar a prisão imediata do ex-governador de Minas Gerais.

Na sessão desta terça-feira 22, os cinco desembargadores da 5ª Câmara Criminal julgaram não acolher os embargos de declaração apresentados pelo tucano contra a decisão do último dia 24 de abril, quando sua condenação foi mantida por 3 votos a 2.

A prisão do tucano já havia sido pedida pelo procurador de Justiça Antônio de Padova Marchi Júnior na sessão anterior, utilizando como exemplo o caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso desde 7 de abril em Curitiba. No caso do petista, o Supremo Tribunal Federal (STF) negou habeas corpus contra a prisão após o fim dos recursos em segunda instância.

O chamado “mensalão mineiro”, segundo denúncia do Ministério Público, foi um “esquema de desvio de recursos do governo mineiro, operado pelo empresário Marcos Valério de Souza, para financiar a campanha à reeleição do ex-chefe do Executivo (Azeredo), em 1998”.

Campanha de dois anos do governo Michel Temer foi paga com recursos desviados da Saúde

Foto: Cesar Itiberê/PR

Parte da campanha institucional que marca os dois anos do governo de Michel Temer (MDB) foi paga com verbas publicitárias de outros setores. O desvio maior partiu do Ministério da Saúde, segundo informações da coluna de Lauro Jardim, no jornal O Globo.

Só essa pasta deslocou R$ 22 milhões, antes destinados a campanhas de utilidade pública, como vacinação, febre amarela e doações de órgão, para a campanha comemorativa do governo, que começa neste domingo (20). Com alguns eventos já realizados, no meio da semana, o governo desistiu do slogan.

“O Brasil voltou, 20 anos em 2” diante da má repercussão. O bordão foi criticado porque, se tirada a vírgula, ele passa a ideia de que o país retrocedeu, mensagem oposta à que o governo quer transmitir.

Política: Prefeitos baianos cobram decisão do STF sobre royalties e ISS

Com uma delegação de mais de 300 participantes, a União dos Municípios da Bahia (UPB) espera reforçar o coro da XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. O evento será aberto oficialmente na manhã desta terça-feira (22), onde prefeitos baianos se unirão a gestores de todo o Brasil com objetivo de cobrar do Supremo Tribunal Federal (STF) a votação em plenário das Ações Diretas de Incostitucionalidade (ADIs) sobre a redistribuição dos royalties do petróleo e da reforma do Imposto Sobre Serviço (ISS). Juntas, elas já retiram quase R$50 bilhões dos municípios brasileiros.

O presidente da UPB, Eures Ribeiro, explica que as duas legislações sobre esses temas, aprovadas e sancionadas, foram suspensas por decisões monocráticas de ministros do STF. “Esse é um grito por justiça. Retiram o direito dos municípios terem acesso a recursos que é nosso por lei, que o povo brasileiro lutou para redistribuir, enquanto se mantém um modelo de concentração de receita que aprofunda as desigualdades entre regiões e municípios”, reclama o gestor que é prefeito de Bom Jesus da Lapa, no Oeste baiano.

Em março deste ano, o ministro Alexandre de Moraes concedeu liminar suspendendo os efeitos da Lei Complementar 157/2016, que determina o recolhimento do Imposto sobre Serviço (ISS) no município de origem do tomador do serviço. Já a decisão da ministra Cármen Lúcia de acatar liminar para suspender os efeitos da Lei 12.734/2012, a favor do estado do Rio de Janeiro, retirou dos municípios brasileiros R$ 43,7 bilhões até agora. Só as prefeituras baianas deixaram de receber cerca de R$2 bilhões.