Arquivos da categoria: Educação

Condeúba: Transformaê no Colégio Estadual – Anexo Feirinha

Pela Profª Joandina

Alunos do 3º ano
Alunas do 3º ano

Atendendo a solicitação da Secretaria de Educação do Estado da Bahia, escolas da rede estadual realizaram no dia 21 de Setembro atividades relacionadas ao programa “Educar pra transformar”. Atividades desse projeto estão relacionadas ao estímulo a leitura, fomento da arte, ciências, esporte e cultura.

No anexo da Feirinha alunos, professores e a coordenadora Silvani abraçaram o projeto com entusiasmo. Os alunos foram os principais protagonistas. Funcionários da escola e comunidade também participaram da atividade, o que valorizou ainda mais o trabalho. O lema é Transformaê, o que implica em ação, alegria e transformação. Continue lendo Condeúba: Transformaê no Colégio Estadual – Anexo Feirinha

Condeúba: Alunos da Escola Tranquilino Torres cantam paródia

lixo 2

ESCOLA MUNICIPAL TRANQUILINO LEOVIGILDO TORRES

CANTIGA POPULAR
INTERTEXTUALIDADE – PARÓDIA

SE ESSE MUNDO
SE ESSE MUNDO FOSSE MEU
EU IRIA
EU IRIA TRANSFORMÁ-LO
COM PESSOAS
COM PESSOAS SOLIDÁRIAS
PARA ENFIM, PARA ENFIM
O AMOR REINAR…

NESSE MUNDO
NESSE MUNDO TÊM PESSOAS
QUE CULTIVAM
QUE CULTIVAM SOLIDÃO
DENTRO DELAS, DENTRO DELAS
MORA UM ANJO, QUE ALEGROU
QUE ALEGROU SEU CORAÇÃO

SE EU ALEGREI
SE EU ALEGREI TEU CORAÇÃO
TU ALEGRASTE
TU ALEGRASTE O MEU TAMBÉM
SE EU ALEGREI, SE EU ALEGREI
TEU CORAÇÃO
É PORQUE, É PORQUE
TE QUERO BEM!!
Mariana Oliveira – 7º ano
Continue lendo Condeúba: Alunos da Escola Tranquilino Torres cantam paródia

Cursos da UESB estão entre os melhores do Brasil; destaque para Enfermagem e Medicina

SONY DSC
Foto: Ascom Uesb

Foi divulgado pelo Ministério da Educação, na última semana, o resultado do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) de 2016. Na avaliação, a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia está no rol das Instituições de Ensino Superior que são referências no país.

O curso de Enfermagem, no campus de Jequié, recebeu o conceito 5. O desempenho da graduação a coloca entre os 7% das instituições brasileiras que alcançaram a melhor nota na avaliação, do universo de 732 cursos analisados pelo Ministério da Educação.

Já o curso de Medicina, do campus de Vitória da Conquista, com conceito 4, aparece entre os 16 melhores cursos do Brasil, sendo o 4º melhor do Nordeste. Os cursos de Fisioterapia e Farmácia, ambos no campus de Jequié, foram classificados com nota 4 e também figuram na lista dos cursos bem avaliados da região nordestina – Fisioterapia ocupa a 11ª colocação, entre os 109 cursos analisados, e Farmácia está em 8ª dos 64 avaliados.

Brasil tem só 53% dos jovens matriculados no ensino médio

professora-na-sala-de-aulaFoto: MPC/SP

Apenas 53% dos jovens brasileiros estavam matriculados no ensino médio em 2015. O índice é muito inferior ao observado nos países da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), onde a média de matrícula dos estudantes de 15 e 16 anos é de 95%.

Os dados, divulgados nesta terça-feira (12), são do levantamento “Education at Glance 2017”, da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), que compara, no cenário internacional, dados do sistema educacional dos 34 países membros da OCDE. Assim como a Rússia, o Brasil não integra a OCDE, mas compõe o relatório.

No Brasil, o índice de escolarização piora depois que o jovem completa 18 anos: nesta idade, menos da metade está na escola. As taxas estão abaixo da maioria dos países da OCDE, onde pelo menos 90% dos jovens de 15 a 17 anos estão no ensino médio, e, em média, 75% dos que têm 18 anos estão no ensino superior.

Outro dado que reflete o problema do ensino brasileiro é o tempo de conclusão. Só metade dos alunos brasileiro completa esta modalidade de ensino dentro de período ideal, de três anos. O estudo aponta que em 68% dos países da OCDE este período de conclusão é mais rápido.

De acordo com o G1, o estudo mostra, ainda, que aos 17 anos, 92% dos indivíduos estavam matriculados no ensino médio em toda a OCDE, atingindo 100% na Irlanda, na Eslovênia e no Reino Unido.

MEC libera 47,9 milhões para universidades e institutos baianos

UfbaO Ministério da Educação anunciou a liberação de R$ 47.975.298 para universidades e institutos federais baianos. O montante faz parte do total de R$ 1 bilhão liberado para instituições em todo o país, em uma medida de diminuição do contingenciamento de verbas.

Do total de cerca de R$ 47,9 milhões, são R$ 21.824.827 de “liberação orçamentária” e R$ 26.150.471 de “liberação financeira” para a Bahia. Segundo o MEC, a liberação orçamentária é o limite a mais que o ministério disponibiliza para as instituições poderem pedir de empenho.

Para que a instituição use esse dinheiro, é necessário que a instituição “empenhe” o valor no sistema. Empenhar quer dizer pedir ao MEC para que guarde esse valor porque ela vai usar em algum momento.

Assim, depois que a instituição empenha o valor, ela precisa efetivar o gasto, comprovar ao MEC que gastou e, assim, o ministério vai poder liberar o recurso para ela. A partir do momento que o recurso é liberado, este é o primeiro passo da liberação financeira. A liberação de recursos é para custeio e investimento. As instituições têm autonomia prevista em lei para aplicar os valores.

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) foi a instituição baiana que recebeu o maior valor: R$ 8.693.205 de liberação orçamentária e R$ 11.052.912 de liberação financeira. A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) recebeu liberação financeira de R$ 3.130.609 e orçamentário de R$ 2.595.921.

A Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob) terá R$ 2.116.431 de liberação financeira e R$ 1.665.209 orçamentária. Já a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) tem R$ 867.356 de liberação financeira e R$ 1.345.426 orçamentária.

O Instituto Federal Baiano recebeu R$ 3.879.869 de liberação financeira e R$ 3.117.404 orçamentária. O Instituto Federal da Bahia será beneficiado com R$ 5.103.294 de liberação financeira e R$ 4.407.662 orçamentária.

Na Ucrânia, Rui anuncia novo edital do Partiu Estágio com mais de três mil vagas

Rui
Governador Rui Costa

O Governo do Estado lançou, nesta terça-feira (29), o segundo edital do Programa Partiu Estágio, com a oferta de 3.105 vagas para universitários oriundos de instituições de ensino estaduais, federais e privadas com sede na Bahia.

As oportunidades são para 60 órgãos da administração pública estadual na capital e 42 municípios do interior. O anúncio do novo edital do projeto foi feito pelo governador Rui Costa em Kiev, na Ucrânia, onde cumpre agenda que integra a terceira missão internacional à frente do Governo do Estado.

“São 3h45 no Brasil, mas aqui em Kiev já são 9h45”, brincou o governador ao informar que, desde esta madrugada, o novo edital do programa já estava disponível na internet. “Você, estudante de qualquer universidade da Bahia, já pode se inscrever na internet.

Ao longo desses dias você terá a oportunidade de se inscrever e concorrer para estagiar em qualquer órgão público do Estado da Bahia”, acrescentou Rui. As inscrições do projeto poderão ser feitas de 29 de agosto a 17 de setembro no endereço www.programaestagio.saeb.ba.gov.br

Indaial/SC – Professora é espancada por aluno e desabafa: “ESTOU DILACERADA”

Profa agredida“Ele, um menino forte de 15 anos, começou a me agredir. Foi muito rápido, não tive tempo ou possibilidade de defesa. O último soco me jogou na parede. Estou dilacerada por ter sido agredida fisicamente. Estou dilacerada por saber que não sou a única, talvez não seja a última”, relatou Marcia Friggi em sua página no Facebook; a agressão aconteceu em uma escola do município de Indaial,  no Vale do Itajaí, em Santa Catarina; “Estamos, há anos, sendo colocados em condição de desamparo pelos governos. A sociedade nos desamparou”, desabafou ainda a professora

Da Revista Fórum – A violência, definitivamente, invadiu as salas de aula. No município de Indaial, em Santa Catarina, a professora Marcia Friggi foi brutalmente agredida por um de seus alunos, de apenas 15 anos, nas dependências da escola. Indignada com o fato, ela resolveu desabafar em sua página do Facebook. Marcia resumiu seu sentimento em uma palavra: “Dilacerada”. O depoimento dela foi o seguinte: Continue lendo Indaial/SC – Professora é espancada por aluno e desabafa: “ESTOU DILACERADA”

Inscrições para o processo seletivo do IFBA são prorrogadas

ifba14-300x201Foram prorrogadas até p dia 31 de agosto as inscrições para o processo seletivo 2018 do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (Ifba). O processo seletivo é para o preenchimento de vagas dos cursos técnicos do instituto, nas modalidades integrado e subsequente.

Com a mudança no prazo de inscrição, os candidatos terão até o dia 1º de setembro para efetuar o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 35. Ao todo, são oferecidas 5.185 vagas, nos 19 campi da instituição, inclusive em para Vitória da Conquista.

Em caso de dúvidas, os candidatos podem entrar em contato com o IFBA por meio do email selecao2018.ssa@ifba.edu.br.