A CIDADE DE CORDEIROS CELEBRA O I ENCONTRO REGIONAL ENTRE POETAS

Por Leandro Flores

Em voz e violão – a talentosa jovem Cíntia Ribeiro

O encontro foi na Biblioteca Pública David Apolônio da Silva, um lugar agradável cheio de livros e encantos. O nome dado à biblioteca é uma homenagem ao primeiro professor e poeta da cidade David Apolônio.
Nada mais apropriado para um momento tão sublime. No palco, sobre o qual se tinha como fundo: “I ENCONTRO REGIONAL DE POETAS” apresentava-se – em voz e violão – a talentosa jovem Cíntia Ribeiro. Era o início de um grande encontro entre a música e a poesia.
Foi tudo muito sutil e harmonioso. A poesia fluiu, chegaram-se os versos, os tons, a fala, as apresentações. Muita gente talentosa brotando no meio daquele celeiro de poesia entre cidades. “Cordeiros tem tudo para ser um lugar de referência cultural na região”, sentenciou o poeta.
O Mov. Café com Poemas de Condeúba, representado pelos poetas e amantes da poesia: Antônio Santana, Edson Silveira, Leandro Flores, Hélen Catharine, Mariana Penides, a historiadora Joandina, os professores Cezar e Regina e o escritor Jovino Coutinho também estavam presentes e deram show. O prefeito Delci Luz e demais autoridades do município como os vereadores Fabiano, Ademar e Zé de Leia também prestigiaram o evento.
E mais emoção estava por vir. O poeta condeubense Edson Silveira, em sua fala, homenageou Leandro Flores pelos seus 10 anos de dedicação à literatura e concedeu-lhe uma “lembrança”, ressaltando a importância da poesia de Leandro e de sua trajetória como poeta de todos os cantos.
Após outras apresentações, houve uma homenagem do Mov. Café com Poemas e da Ordem Federativa de Honrarias ao Mérito (entidade que tem por finalidade criar, outorgar títulos, medalhas, troféus e condecorações em geral para diversos profissionais que se destacam no Brasil e no exterior) ao grupo cordeirense “Leitura que Cativa”, em prol de projeto de incentivo à leitura e ao Diretor Leonardo Luiz pelo apoio e fomentação cultural em cordeiros e região.
Para finalizar com chave de ouro, aconteceu também o lançamento da Antologia Poética Café com Poemas, vol. 1 e o anúncio (por Leandro Flores) de mais uma edição do Concurso Nacional de Poesia – Prêmio de Literatura Café com Poemas que selecionará poetas da região e de todo o Brasil para a 2ª coletânea do Café com Poemas e um delicioso coquetel para deixar a noite ainda mais saborosa.
O evento foi uma iniciativa do Departamento de Juventude e Cultura, através do diretor Leonardo Luiz, em parceria com o Movimento Café com Poemas e Biblioteca Pública David Apolônio da Silva, com o apoio da Prefeitura Municipal de Cordeiros, Secretaria de Educação, Câmara de Vereadores e da Ordem Federativa de Honrarias ao Mérito.

Sobre o Movimento Café com Poemas

O “Café com Poemas” é um projeto que visa agregar poetas e poesia em um movimento de identidade sociocultural e educacional e se estende em diversos campos de atuação: Literatura, jornalismo, design, educação, culinária, eventos, música, dança, performance e interatividade. Ou seja: é um guarda-chuva para diversas atividades culturais, artísticas e educacionais.
O Movimento Café com Poemas nasceu em 2013 e se fortaleceu através do “Manifesto ao Cultivismo”, produzido em 2015, na cidade de Belo Horizonte/MG.
O Manifesto é o resultado de alguns encontros, debates, estudos e pesquisas acerca da cultura e da arte CONTEMPORÂNEA no Brasil. São dez itens com sugestões e posicionamentos sobre o que nós acreditamos e referenciamos como importante para o Movimento Café com Poemas, arte e cultura em geral.
O Movimento Café com Poemas é uma iniciativa dos poetas Leandro Flores e Celeste Farias e tem a intenção de levar, através dos compromissos firmados pelo “Manifesto ao Cultivismo”, o sabor da arte e da cultura a todos os interessados.
Prezamos pela união, compreensão, inclusão, debate, respeito e fortalecimento sociocultural a todos os nossos CULTIVADORES. A poesia (como mensagem) será sempre a nossa mais bela ferramenta de lapidação.
Nessa perspectiva, qualquer pessoa (desde que se apresente com os mesmos ideais) pode se integrar junto ao movimento, representando, divulgando, cultivando e semeando a poesia, através de encontros, bate-papos, saraus, contribuições em geral.
Movimento Café com Poemas é a nossa mesa. Sente-se e saboreie à vontade, sem nenhuma moderação.

Fotos: Joandina

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *