Arquivos diários: 16 de agosto de 2019

Condeúba: Secretaria de Cultura, Desporto e Lazer avança com o Projeto Biblioteca Viva

Por Oclides da Silveira – Jornalista MTPS nº 5910/BA.

Todos os funcionários da Sec. de Cultura, pousaram para as fotos com o Grupo da Terceira Idade

Nesta última quarta-feira dia 14 de agosto de 2019, às 14:00 horas, foi realizado mais uma etapa do Projeto Biblioteca Viva (Envelhecer com qualidade). Através de um encontro com Grupo da Terceira Idade, que reunidos na Secretaria Municipal de Cultura, Desporto e Lazer. Inicialmente o convidado Paulo Henrique fez juntamente com todos, um momento recreativo, em seguida, outro momento de reflexão e encerrou rezando a oração do Pai Nosso.

A Secretaria Municipal de Cultura, Desporto e Lazer através do seu quadro de funcionários liderado pelo seu diretor Ygor Roberto, a professora Gracia Torres, Deise, Sra. Abelina, a professora e artesã Maria de Fátima e o artista plástico Werleis, popular “Veias”, que juntos elaboraram e construíram um lindo palco de teatro fantoche.

 Na sequencia os animadores dos fantoches Paulo Henrique que fez o papel de “Beto”, Sra. Abelina que fez o papel de “Margarida”, e Deise que fez o papel do “Palhaço Paçoca”. Juntos eles apresentaram uma peça teatral intitulada: Achei a Felicidade. Se não bastasse o bom humor que é característico dos fantoches, a peça foi bastante divertida no início, fechando com uma reflexão de que o caminho certo é sempre buscar Jesus.

Logo após a encenação teatral, foi servido um lanche aos participantes e na sequencia a bandinha da Terceira Idade liderada pelo violonista “Bida”, no triangulo e vocal com Paulo Henrique e pandeiro com o vereador Reginaldo Nascimento, o forró comeu solto até altas horas da tarde, foi um momento de grandes recordações que tivemos, disse “Bida” violonista. Continue lendo Condeúba: Secretaria de Cultura, Desporto e Lazer avança com o Projeto Biblioteca Viva

3,3 milhões procuram trabalho há mais de 2 anos no país, diz IBGE

Foto: Edilson Dantas/Agência O Globo

Apesar do recuo da taxa de desemprego em junho, o número de brasileiros buscando uma vaga há mais de dois anos nunca foi tão alto. O desemprego de longa duração atinge 3,347 milhões, informou na manhã desta quinta-feira o IBGE. Isso significa que um em cada quatro desempregados no Brasil procura emprego há mais de dois anos e não consegue.

De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) do segundo trimestre de 2019, esse é o maior patamar já registrado desde 2012, quando teve início a série histórica do IBGE. Naquele ano, havia 1,516 milhão de pessoas nessa condição. A taxa de desemprego foi de 12% em junho, abaixo dos 12,7% registrados no mesmo mês do ano passado.

Adriana pondera que a melhora quantitativa não foi acompanhada de melhora qualitativa: o número de desempregados que buscam uma vaga há pelo menos dois anos cresceu em 196 mil neste período.

O elevado tempo de procura por emprego é um dos fatores que ajudam a explicar o desalento, que ocorre quando o trabalhador desiste de buscar uma vaga por acreditar que não conseguirá obtê-la. No segundo trimestre, o país tinha 4,9 milhões de desalentados.

Segundo o jornal o Globo, por estados da federação, a Bahia é o que tem o maior número de desalentados: 766 mil pessoas. No Maranhão, são 588 mil pessoas.

Oito em cada dez brasileiros estão dispostos a adotar mais práticas de consumo colaborativo

O consumo por meio de trocas e compartilhamento vem ganhando espaço no cotidiano dos brasileiros. Enquanto alguns já adotam essas práticas, muitos se veem como futuros adeptos. Um levantamento realizado em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que, em um ano, aumentou de 68% para 81% o número de brasileiros que estão dispostos a adotar mais práticas de consumo colaborativo no seu dia a dia nos próximos dois anos, percentual que se mantém próximo em todas as faixas etárias e classes sociais.

No geral, 74% das pessoas ouvidas já utilizaram ao menos uma vez, ainda que sem frequência definida, alguma modalidade de consumo colaborativo. Para muitos, o consumo compartilhado é um caminho sem volta: 88% dos entrevistados acreditam que essas práticas vêm ganhando espaço na vida das pessoas. E essa mudança de paradigma é impulsionada, principalmente, pelas novas tecnologias. Para 85%, a internet e as redes sociais contribuem para o desenvolvimento de confiança entre os envolvidos nesse tipo de prática.

Na avaliação do educador financeiro do SPC Brasil, José Vignoli, a sociedade está, gradativamente, se reinventado em direção a um modelo mais sustentável. “A economia compartilhada une dois propósitos, que é fazer o orçamento render e contribuir para um mundo melhor, a partir do uso racional de bens e serviços.

A internet ampliou exponencialmente esse movimento, colocando essas pessoas em contato por meio de sites e aplicativos. Ao mesmo tempo em que parece inovador, consumir de forma compartilhada é uma volta às origens. Bem antes da invenção do dinheiro, era pelo escambo que as pessoas obtinham diversos itens”, explica o educador financeiro do SPC Brasil, José Vignoli.

Receita paga nesta quinta as restituições do 3º lote do Imposto de Renda 2019

A Receita Federal liberou nesta quinta-feira (15), as restituições do terceiro lote do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2019. Segundo o Fisco, estão sendo liberados R$ 3,8 bilhões a 2.978.614 contribuintes. O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Deste total, 7.532 contribuintes são idosos acima de 80 anos, 44.062 entre 60 e 79 anos, 6.888 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 24.513 cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone, 146.

Hospital de cidade baiana abre processo seletivo; salários chegam a R$ 8,5 mil

A Fundação Hospitalar Municipal da cidade de Wenceslau Guimarães (BA), está aberta 14 vagas de emprego para diversas especialidades. As inscrições podem ser realizadas através da internet ou presencialmente (Rua Otaviano Santos Lisboa, nº 10, Centro, das 8h30 às 17h) até o dia 23 de agosto. A taxa de participação custa entre R$ 40 e R$ 90.

As vagas são para os seguintes cargos: Técnico de Enfermagem (1); Auxiliar de Serviços Gerais/ Cozinheira (1); Recepcionista (1); Auxiliar de Serviços Gerais (1); Agente de Portaria/ Maqueiro (1); Enfermeiro Obstetra (1); Enfermeiro (1); Médico Plantonista (6); e Atendente de Farmácia (1).

Aqueles que forem selecionados deverão cumprir de 30h a 40h de trabalho semanais e devem receber de R$ 998 a R$ 8.500. O processo seletivo tem validade de um ano e pode ser prorrogado por igual período.

Cordeiros: Morreu José Almeida de Novais (conhecido por Zé de Nilda), aos 62 anos de idade

Por Oclides da Silveira – Jornalista MTPS nº 5910/BA.

José Almeida de Novais (conhecido por Zé de Nilda)

Nilda e família da fazenda Malhadinha, comunica a todos o falecimento de seu esposo José Almeida de Novais (conhecido por Zé de Nilda) aos 62 anos de idade. Ocorrido em Ribeirão Preto/SP., na madrugada do dia 15 de agosto de 2019, às 01h05min. O corpo está sendo transladado de Ribeirão Preto para Cordeiros. José Almeida deixou viúva a Sra. Rosenilda Novato de Oliveira Novais e 3 filhas Vera, Marluce e Nerusse além de 2 netos Kaio e Julya. Seu corpo será velado em sua residência na fazenda Malhadinha nesta sexta-feira dia 16/8 a partir das 13 horas, o sepultamento será hoje a tarde 16/8 às 17 horas no cemitério do povoado de Alvorada município de Cordeiros/BA.

Nós do Jornal Folha de Condeúba deixamos nossos sentimentos à família enlutada por essa perda irreparável, deste ente tão querido. Que o bom Deus o tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz amigo José Almeida.