Cordeiros: Morreu Antônio Lima de Oliveira aos 66 anos de idade

Por Oclides da Silveira

Morreu nesta madrugada de sábado dia 25 de maio de 2019 às  04:00 horas o Sr. Antônio Lima de Oliveira aos 66 anos de idade, ele era viúvo. Seu corpo está sendo velado na residência Fazenda Lagoa de Cima, o sepultamento será amanhã cedo dia 26/5 às 06:00 horas no Cemitério Municipal local.

Atendimento FUNERÁRIA SÃO MATHEUS

Nós do Jornal Folha de Condeúba deixamos nossos sentimentos à família enlutada por essa perda irreparável deste ente tão querido. Que o bom Deus o tenha ao seu lado para a eternidade. Descanse em paz Sr.  “Antônio”.

Vacinação contra Febre Aftosa na Bahia termina no dia 31 de maio

Foto: Lenito Abreu/Adapec

A vacinação contra a febre Aftosa na Bahia termina na sexta-feira (31), informou a Agência de Defesa Agropecuária do estado (Adab). A 1ª etapa é destinada a todos os bovinos e bubalinos, independente da faixa etária. Além de vacinar, o produtor deve declarar todo o rebanho para o órgão.

Os proprietários que não vacinarem o rebanho durante o período da campanha e não fizerem a declaração serão multados no valor de R$ 53 por cabeça não imunizada e R$ 160 por propriedade não declarada, ficando impedido de vender ou transportar o rebanho.

De acordo com o G1, a Bahia busca a garantia dos status de zona livre de aftosa, concedido pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), pelo 18º ano consecutivo. São 22 anos livre da doença. A novidade da campanha desse ano é a redução da dose da vacina dos atuais 5 ml para 2 ml.

De acordo com a Adab, a Bahia conta com cerca de 10 milhões de cabeças e mais de 261 mil produtores. Após a vacinação, os produtores têm até 15 dias para declarar a imunização junto a ADAB, pela internet, ou nos postos da agência distribuídos pelo estado.

A Adab informou que a mudança da dose é uma exigência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), para minimizar as reações que ocorriam no local de aplicação da vacina. Foi retirada também da composição a substância Saponina, apontada por alguns especialistas como responsável pelas reações vacinais no local da aplicação.

As vacinas anteriores eram do tipo trivalente, protegendo os rebanhos contra os sorotipos A, O e C do vírus da Febre Aftosa. Como o sorotipo C foi considerado extinto no mundo, a vacina produzida passa a ser bivalente, com antígenos para os tipos A e O do vírus da Febre Aftosa.

Representante comercial da Coca Cola morre em grave acidente na BR-116, entre Conquista e Cândido Sales

Helenildo Vale Santos, de 40 anos, representante comercial

Helenildo Vale Santos, de 40 anos, representante comercial de vendas da Coca Cola morreu em um acidente automobilístico na tarde de sexta-feira (24/05), na BR-116, trecho que liga Vitória da Conquista ao município de Cândido Sales.

A vítima estava em uma moto e foi atingido por um carro de passeio e morreu na hora. A Polícia Rodoviária Federal (PRE) esteve no local e registrou a ocorrência.

Seu corpo foi encaminhado por agentes do DPT para o IML de Vitória da Conquista.

Moradores de Cândido Sales, à 86 km de Vitória da Conquista, estão consternados com a morte precoce de Helenildo Vales Santos, conhecido como “Tosa”.

STF determina transferência de menores infratores da Bahia por superlotação

Foto: Rosinei Coutinho/STF

O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a transferência de menores infratores que estejam em unidades superlotadas de quatro estados – Bahia, Ceará, Pernambuco e Rio de Janeiro – para estabelecimentos mais vazios.

Na decisão desta quinta-feira (23), Fachin concedeu um habeas corpus coletivo e estipulou ainda que, caso não haja locais de internação mais vazios, os jovens passem a cumprir internação domiciliar.

De acordo com o G1, o ministro atendeu pedidos feitos pelas Defensorias Públicas nos estados para ampliação de uma decisão tomada em agosto do ano passado, quando deu a mesma decisão para jovens internados em Linhares, no Espírito Santo.

Caculé: Jogador descoberto pelo Ajax de Brumado defenderá o Mirassol no Campeonato Paulista Sub-15

O jogador caculeense Maykon Matos Ramos, (Zagueiro) de apenas 14 anos

O jogador caculeense Maykon Matos Ramos, de apenas 14 anos, é uma das promessas do time do Mirassol de São Paulo e irá defender a equipe no Campeonato Paulista Sub-15 realizado no estado. De acordo com o Informe Cidade, com 1,91 metros de altura e pesando 70 kg, Maykon joga como zagueiro.

O jovem se apresentou ao time paulista há aproximadamente dois meses, após passagem pelo Juazeirense, onde disputou o Campeonato Baiano Sub-15. Vindo de família humilde, o jogador tem recebido o apoio da família na busca pela realização do sonho de se tornar um atleta profissional.

Maykon é irmão de Helder Matos Ramos, hoje com 23 anos, que já passou por vários clubes profissionais, inclusive o Vitória da Conquista, onde permaneceu por 3 anos nas categorias de base.

Maykon foi descoberto pela Escolinha Associação Desportiva Ajax, de Brumado, aos 12 anos. No Mirassol o garoto tem recebido elogios dos dirigentes e também da equipe técnica que apostam no bom desenvolvimento durante o Sub-15.

Anvisa aprova nova medicação para tratamento do câncer de mama

Foto: Sebastian Kaulitzki/Getty Images

O câncer de mama é uma das neoplasias mais comuns entre as mulheres. No Brasil, o percentual de novos casos por ano chega a 29%, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Por causa disso, muitas farmacêuticas têm voltado seus esforços na produção de medicamentos capaz de combater a doença.

Esta semana, por exemplo, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o Herzuma, um medicamento biossimilar do trastuzumabe, indicado para o tratamento do câncer de mama HER2+, que são tumores agressivos capazes de se desenvolver muito mais rápido em comparação com outras formas de cânceres mamários.

De acordo com a Veja, o Herzuma é um anticorpo monoclonal considerado uma terapia-alvo, ou seja, tem a capacidade de bloquear a multiplicação das células cancerígenas, sem atingir as células sadias. A medicação é recomendada tanto para casos de câncer de mama em estágio inicial como para metastáticos, mesmo para as mulheres que já tenham recebido outras terapias.

Além disso, o novo biossimilar pode ser utilizado em diferentes fases do tratamento: após cirurgia, quimioterapia e radioterapia ou em conjunto com esses tratamentos e outras medicações para a doença. “Essa modalidade de câncer de mama corresponde a 20% dos tumores diagnosticados.

[Portanto,] a possibilidade de ampliar o acesso da paciente é fundamental para garantir um tratamento moderno, seguro e eficaz para uma doença cada vez mais presente no dia a dia das mulheres”, comentou Heraldo Marchezini, CEO da Biomm, farmacêutica brasileira que, em parceria com a sul-coreana Celltrion Healthcare (CHTC), traz a novidade para o Brasil.

O próximo passo é receber a aprovação da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), que analisará o preço do produto antes que ele possa ser comercializado no Brasil. De acordo com Marchezini, todo esse processo deve acontecer nos próximos meses e em breve o medicamento estará disponível para comercialização, permitindo uma nova opção de tratamento para a paciente brasileira.

Com sinais de embriaguez, motorista de ônibus escolar é preso enquanto transportava alunos

Foto: Reprodução/TV Bahia

Um motorista do transporte escolar de São Desidério, no oeste da Bahia, foi preso na quinta-feira (23), após ser flagrado com sinais de embriaguez enquanto transportava estudantes em ônibus. Conforme polícia, o homem confessou ter consumido bebida alcoólica.

De acordo com o delegado Carlos Ferro, responsável pelas investigações, o motorista, que não teve a identidade revelada, chegou a bater em uma placa de sinalização durante o trajeto. Por conta disso, os estudantes acionaram a polícia. Ainda segundo o delegado, durante a abordagem, como o município não possui equipamentos de bafômetro, os policias aplicaram um protocolo do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), para saber se o motorista se enquadrava no quadro de embriaguez. o resultado do protocolo deu positivo.

Diante da situação, os estudantes foram transportados para outro veículo. Segundo o G1, o homem foi encaminhado para a delegacia da cidade, onde prestou depoimento. Apesar disso, ele foi liberado ainda na quinta, depois que a família pagou fiança no valor de R$ 1,5 mil. Em nota, a Secretaria de Educação da cidade afirmou que, ao ser informada sobre o caso, acionou a empresa terceirizada responsável pelo veículo. A nota afirma também que um novo motorista assumiu o posto na manhã desta sexta-feira (24).

Justiça bloqueia R$ 3,5 bilhões de MDB, PSB e políticos

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) determinou o bloqueio de valores e bens de acusados no valor de R$ 3,5 bilhões em ação de improbidade administrativa da Lava-Jato, incluindo o Partido Socialista Brasileiro (PSB) e o Movimento Democrático Brasileiro (MDB), além dos parlamentares Valdir Raupp (MDB/RO), Fernando Bezerra (PSB/PE), Eduardo da Fonte (PP/PE). Os espólios de Sérgio Guerra (PSDB/PE) e Eduardo Campos (PSB/PE), morto em 2014, também foram incluídos no bloqueio.

Os responsabilizados incluem também quatro pessoas ligadas aos políticos, cinco executivos e funcionários da Queiroz Galvão e o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa. Além do congelamento dos recursos, a ação pede a perda dos cargos, suspensão de direitos políticos e fruição da aposentadoria pelo Regime Especial dos envolvidos.

De acordo com o jornal o Globo, em cumprimento à decisão do tribunal, a Justiça Federal de Curitiba determinou o bloqueio de valores correspondentes em R$ 1.894.115.049,55, nos casos do MDB, de Valdir Raupp, da Vital Engenharia Ambiental, de André Gustavo de Farias Ferreira, de Augusto Amorim Costa, de Othon Zanoide de Moraes Filho, Petrônio Braz Junior e do espólio de Ildefonso Colares Filho.

“Esse é o maior bloqueio individual de valores no País realizado até agora pela Lava-jato, feito sobre um dos maiores precatórios da história do Estado de Alagoas que corresponde sozinho a mais de quatro vezes tudo o que o Estado pagou no ano de 2017”, declarou Isabel Vieira Groba, produradora regional da República e integrante da força-tarefa no Paraná.

O TRF-4 ressaltou a necessidade do bloqueio por conta da “existência de um amplo esquema criminoso, com prejuízos expressivos para toda a sociedade”. Em relação aos partidos políticos, a força-tarefa da Lava-Jato e Petrobras requereram que o bloqueio não alcance as verbas repassadas por meio do fundo partidário, que são impenhoráveis por força de lei.