Arquivos diários: 3 de dezembro de 2018

Paróquia de Santo Antônio/Condeúba: Confraternização do Centro Pastoral Paroquial (CPP)

Por Jarbas

Confraternização do CPP em agradecimento pelo ano de 2018.

Dinâmica de animação: AIEPO AIAI IEIEIÊ

DINÂMICA: O PRESENTE

Lista de virtudes/qualidades:

Aqui são apenas alguns exemplos para que você use. Altere, acrescente segundo a realidade sua célula.

PARABÉNS! Você tem muita sorte. Foi premiado com este presente. Somente o amor e não o ódio é capaz de curar o mundo. Observe os amigos em torno e passe o presente que recebeu para quem você acha mais ALEGRE.
ALEGRIA! ALEGRIA! Hoje é festa, pessoas como você transmitem otimismo e alto astral. Parabéns, com sua alegria passe o presente a quem acha mais INTELIGENTE.
A inteligência nos foi dada por Deus. Parabéns por ter encontrado espaço para demonstrar este talento, pois muitas pessoas são inteligentes e a sociedade, com seus bloqueios de desigualdade, impede que elas desenvolvam sua própria inteligência. Mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem lhe transmite PAZ.
O mundo inteiro clama por paz e você gratuitamente transmite esta tão grande riqueza. Parabéns! Você está fazendo falta às grandes potências do mundo, responsáveis por tantos conflitos entre a humanidade. Com muita paz, passe o presente a quem você considera AMIGO.
Diz uma música de Milton Nascimento, que “amigo é coisa para se guardar do lado esquerdo do peito, dentro do coração”. Parabéns por ser amigo, mas o presente ainda não é seu. Passe-o a quem você considera DINÂMICO.
Dinamismo é fortaleza, coragem, compromisso e irradia energia. Seja sempre agente multiplicador de boas ideias e boas ações em seu meio. Parabéns! Mas passe o presente a quem acha mais SOLIDÁRIO.
Parabéns! Você prova ser continuador e seguidor dos ensinamentos de CRISTO. Solidariedade é de grande valor. Olhe para os amigos e passe o presente a quem você considera ELEGANTE. Continue lendo Paróquia de Santo Antônio/Condeúba: Confraternização do Centro Pastoral Paroquial (CPP)

Condeúba: Foi realizada a 4ª rodada da Copa de Futebol Master de 2018

Por Oclides da Silveira

O time do Santa Luzia goleou o ABC pelo placar de 7 a zero

A 4ª rodada da Copa de Futebol Master 2018, teve seu andamento neste fim de semana com o jogo de abertura no sábado às 15h30min., entre as equipes Canabrava 2 X 4 Cerquinha.

Os jogos do domingo teve o início às 8:00 horas jogando os times do ABC 0 X 7 Santa Luzia, foi a maior goleada da 4ª rodada. O outro jogo do domingo que teve seu início às 10:00 horas entre os times Beira Rio 2 X 2 Formalex. A tarde no domingo com início às 15h30min., jogaram as equipes do Mocambo 4 X 1 Cachorro, assim o time do Santa Luzia aplicou a  maior goleada do fim de semana.

A 5ª rodada terá prosseguimento no próximo fim de  semana, no sábado dia 8/12 às 15h30min., jogam Beira Rio X Santa Luzia. Domingo dia 9/12 às 08:00 horas jogam Cerquinha X Formalex. O segundo jogo será no mesmo às 10:00 horas, entre Cachorro X Canabrava. Por último às 15:h30min., Mocambo  X ABC. Continue lendo Condeúba: Foi realizada a 4ª rodada da Copa de Futebol Master de 2018

Casos de sarampo aumentaram 30% em todo o mundo, aponta OMS

Foto: iStock

O número de casos de sarampo cresceu 30% em todo o mundo a partir de 2016, de acordo com relatório divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Em 2017, foram registrados 173,3 mil casos e incidência de 25 por milhão. Em 2016, foram 132,3 mil casos e incidência de 19 por milhão. Em comparação a 2016, oito países a mais relataram casos em 2017.

Além do aumento no número de casos, houve 110 mil mortes em 2017. Apenas a região do Pacífico Ocidental registrou queda da incidência. “O ressurgimento do sarampo é uma séria preocupação, com surtos ampliados ocorrendo em todas as regiões, e particularmente em países que alcançaram ou estavam perto de alcançar a eliminação do sarampo”, afirmou Soumya Swaminathan, Diretor Geral Adjunto para Programas da OMS.

O relatório ainda aponta que, desde 2000, mais de 21 milhões de vidas foram salvas devido à vacinação contra sarampo. “Sem esforços urgentes para aumentar a cobertura de vacinação e identificar populações com níveis inaceitáveis ??de crianças com ou sem imunização, corremos o risco de perder décadas de progresso na proteção de crianças e comunidades contra essa doença devastadora, mas totalmente evitável”, acrescentou Swaminathan.