Arquivos diários: 19 de maio de 2018

Política: Empresário que se diz dono dos R$ 51 milhões acusa Geddel de golpe na Caixa Econômica Federal


Desde que a imagem de malas e caixas abarrotadas de dinheiro encontradas em um apartamento em Salvador foi divulgada pela Polícia Federal, que se questiona a origem dos valores. O dinheiro foi atribuído ao ex-ministro baiano Geddel Vieira Lima. A PF ainda investiga se o doleiro e operador do MDB Lúcio Funaro levou R$ 20 milhões como propina a Geddel. Contudo, eis que nesta semana um empresário baiano alega ser dono dos R$ 51 milhões encontrados no apartamento.

O BNews entrou em contato com o empresário que contou uma história um tanto desarranjada. Carmerino Conceição de Souza é presidente do holding Polocal. O site da empresa informa que o grupo foi fundado em 1992 e presta serviços nos setores de tecidos, alumínio, veículos, com sede na cidade de Camaçari. Há ainda uma filial em Brasília. Continue lendo Política: Empresário que se diz dono dos R$ 51 milhões acusa Geddel de golpe na Caixa Econômica Federal

Sufoco! Bandidos perseguem e atiram contra ônibus lotado de estudantes

Um ônibus escolar que transportava 36 estudantes de escolas públicas de Porto Seguro, na região sul da Bahia, foi perseguido por 20 quilômetros por três bandidos armados que estavam em um carro na estrada. Os criminosos chegaram a atirar contra o veículo, mas ninguém foi atingido.

O caso ocorreu na noite de quarta-feira (16), por volta das 22h. Segundo o Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual de Porto Seguro (PRE), o veículo viajava entre os distritos de Vera Cruz e Vale Verde, quando começou a ser perseguido pelos assaltantes.

A perseguição começou na BR-367 e foi até a BA-001. A PRE afirma que recebeu denúncias da ação dos criminosos e seguiu para o trecho, mas devido à proximidade com o Batalhão Rodoviário os assaltantes recuaram e conseguiram fugir. O posto policial fica no distrito de Vale Verde.

Após encontrar o ônibus com os estudantes, a PRE conta que fez a escolta do veículo até o destino final.

Três milhões procuram emprego há mais de dois anos, indica IBGE

Três milhões de pessoas desocupadas no mercado de trabalho estão procurando emprego há mais de dois anos, conforme os dados do primeiro trimestre de 2018. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgados nesta quinta-feira, 17, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com a Veja, o contingente de pessoas desempregadas há mais de dois anos representa 22% do total da população desocupada no primeiro trimestre, que chegou a 13,7 milhões de pessoas. Na comparação com os três primeiros meses de 2017, houve crescimento de 4,8% no total de pessoas desempregadas há mais de dois anos.

A maioria dos desempregados procura ocupação há mais de um mês, mas menos de um ano – 6,384 milhões de pessoas. Esse contingente encolheu em 8,5% ante o primeiro trimestre de 2017. Por outro lado, o total de pessoas procurando emprego há menos de um mês saltou 14,6% entre o primeiro trimestre de 2017 e os três primeiros meses de 2018. Para o coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, Cimar Azeredo, os dados são “bastante preocupantes”.