Arquivos diários: 4 de março de 2018

Condeúba: Começou o Campeonato de Futebol de Campo da cidade – 2018

Por Oclides da Silveira

O Campeonato de Futebol de Campo da Cidade 2018, começou neste sábado dia 3 de março de 2018, na abertura com o jogo entre Biscoito Condeúba 4 X 1 Real, os demais jogos ocorrerão um aos sábados e três nos domingos, a previsão de encerramento será para o dia 28 de abril deste ano. Os jogos deste domingo foram.

1° rodada
• Biscoito Condeúba 4 x 1 Real – (Sábado)
• Condeúba 3 x 1 Independente
• Federais 5 x 0 Formalex
• Cachorro 0 x 5 Sta Luzia

Arquibancadas do Estádio Parmenio Ferreira o “Parmenão”

Todos os jogos serão realizados no Estádio Parmênio Ferreira, que por sua vez, encontra-se com um belo gramado, além de  remodelado pelo menos na parte dos muros, com novas publicidades que a coordenação de esportes adquiriu junto ao comércio local.

Premiação

O campeão receberá R$ 1.600,00 Vice-campeão R$ 1.000,00 mais 50% das rendas dos jogos da final e semi final que será cobrado ingresso no valor de R$ 2,00 será dividido em partes iguais entre os dois times finalistas. Os outros 50% por cento da arrecadação será para cobrir as despesas com campeonato”, afirmou Alexandre Vieira Novaes Coordenador de Esportes do Município. Este Campeonato tem o patrocínio da Prefeitura através da Secretaria Municipal de Cultura, Desporto e Lazer. Continue lendo Condeúba: Começou o Campeonato de Futebol de Campo da cidade – 2018

Condeúba: Via Sacra Quaresmal, a Comunidade do Olho D’água dividiu-se em três grupos para atender todos

Por Oclides da Silveira

Equipe de Liturgia reunida debaixo do pé de umbu na casa da Sra. Ana Maria de Jesus, conhecida como “Ana de Jordão” que tem mais de 90 anos

Nesta Via Sacra Quaresmal deste ano, a Comunidade do Olho D’água dividiu-se em três grupos, para atender todos os moradores ou pelo menos sua maioria. A preferência é fazer as reuniões sempre nas casas daquelas pessoas que de uma forma ou de outra se encontram mais afastados da Igreja, ou seja, por doença, por idade avançada e a família não tem como levá-lo até a Igreja, ou até mesmo aqueles que simplesmente tenha deixado de ir aos movimentos católicos da Comunidade.

Residencia de Senhora Amália da Silveira – Riacho Seco

Nos encontros é sempre lido um tema de relevância nacional visto pela Igreja, que está inserido no livreto da Campanha da Fraternidade cujo o tema deste ano é: Fraternidade e superação da violência, tendo como lema: Em Cristo somos todos irmãos (Mt 23,8). Logo após vem um questionamento para a comunidade apontar quais os problemas locais que teria como solucionar, além do que, é feito a leitura do Evangelho do dia com sua respectiva reflexão.

Essa Comunidade ainda continua evangelizando com os encontros semanais nas residências levando o Círculo Bíblico, que na oportunidade estão se estudando o  Santo Evangelho de João. Continue lendo Condeúba: Via Sacra Quaresmal, a Comunidade do Olho D’água dividiu-se em três grupos para atender todos

Morre aos 95 anos a atriz Tônia Carrero

Em foto de 1999, Tônia Carrero e Walmor Chagas em cena da peça “Um Equilíbrio Delicado” 

A atriz Tônia Carrero morreu na noite deste sábado (3) aos 95 anos após sofrer uma parada cardíaca durante um procedimento cirúrgico numa clínica do Rio de Janeiro. Em entrevista à GloboNews, a neta Luiza Thiré informou que Tônia se submeteria à troca de curativo de uma úlcera, procedimento considerado simples.

Segundo Luiza, o velório será realizado neste domingo, aberto ao público, em local ainda a ser definido pela família. Seu corpo deverá ser cremado na segunda-feira, atendendo a desejo da atriz.

Nome artístico de Maria Antonietta Portocarrero Thedim, Tônia foi uma das atrizes mais reconhecidas da segunda metade do século 20. Na TV, seu último papel foi em 2004, quando interpretou a personagem Madame Berthe Legrand, na novela Senhora do Destino, da TV Globo.

Ela atuou ainda no teatro e no cinema. No total, Tônia atuou em mais de 50 peças em 64 anos de carreira. Sua estreia no teatro foi em 1949, ao lado de Paulo Autran em “Um Deus Dormiu Lá em Casa”.

Teve um único filho, o também ator Cécil Thiré. Tônia sofria de hidrocefalia (excesso de líquido no cérebro). Os primeiros sintomas da doença apareceram em 1999. Sua última aparição pública aconteceu em abril de 2011, para ver uma peça estrelada pelo filho.

Fonte: Uol