Arquivos diários: 13 de fevereiro de 2018

Futebol baiano de luto: Meia Danilinho, do Juazeirense, passa mal e morre no treinamento

De acordo com assessoria de imprensa, jogador de 32 anos estava parado em campo, quando se sentiu mal e caiu no gramado.

O time do Juazeirense sofreu uma perda trágica na tarde desta terça-feira. Durante o treinamento da equipe, o meio-campo Danilinho teve um mal-estar e precisou ser levado ao hospital, mas não resistiu. De acordo com a assessoria de imprensa da equipe, o jogador de 32 anos já tinha treinado e estava parado no momento em que se sentiu mal, agachado no gramado, observando o treinamento. De repente, ele caiu. Encaminhado ao Hospital Memorial de Petrolina, o atleta chegou ainda com vida, mas foi declarado morto por volta das 17h30.

A causa da morte ainda não foi divulgada oficialmente pelos médicos, mas a assessoria informou que houve uma arritmia seguida de parada cardíaca.
A esposa do atleta já está em Juazeiro. Ele deixa um filho de 10 anos. Ainda não se sabe onde será realizado o sepultamento de Danilinho, que é natural de Bauru-SP. Danilinho iniciou a carreira no José Bonifácio, clube do interior de São Paulo, de onde partiu para a Portuguesa Santista. No currículo, ele teve passagens por clubes como Atlético-GO, Figueirense e Chapecoense. No ano passado, defendeu Itumbiara e Remo. Globoesporte. Continue lendo Futebol baiano de luto: Meia Danilinho, do Juazeirense, passa mal e morre no treinamento

Menino tem morte cerebral após se engasgar com salsicha

Um menino de 5 anos teve morte cerebral depois de se engasgar com um pedaço de salsicha e sofrer uma parada cardíaca, em São José do Rio Preto (SP). O caso foi na última quinta-feira (8) e a morte foi constatada no domingo (11).

A criança foi socorrida no dia do engasgamento ao hospital Beneficência Portuguesa, com parada cardíaca, e no domingo teve a morte cerebral.

O menino foi enterrado às 9h desta terça-feira (13), no cemitério Jardim da Paz, em Rio Preto.

G1

PF apura elo entre bunker dos R$ 51 mi e desvios na Caixa

Geddel Vieira Lima deixa o IML em Brasília nesta sexta-feira, 8. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

A Polícia Federal investiga, no âmbito da Operação Tesouro Perdido, o elo entre o bunker dos R$ 51 milhões atribuídos aos irmãos Lúcio e Geddel Vieira Lima e supostos esquemas de corrupção na Caixa Econômica Federal. Os investigadores apreenderam atas da instituição na casa da mãe do ex-ministro de acordo com relatório que o Estado teve acesso. O documento mostra que a Caixa liberou R$ 5,8 bilhões em créditos a empresas investigadas. Do total, R$ 4,4 bilhões foram destinados a empresas da holding J&F. A mãe do ex-ministro, Marluce Quadros Vieira Lima, também é uma das denunciadas na investigação. Continue lendo PF apura elo entre bunker dos R$ 51 mi e desvios na Caixa

Coceira na pele após o banho: O que pode ser?

O problema maior é que a coceira incomoda em demasia, trazendo desconforto e sensações nada agradáveis para quem a sente.

Além disso, a mesma, quando realizada em excesso, pode agredir muito a pele, causando inclusive infecções e machucados mais sérios, caso rompa a mesma, principalmente quando nos coçamos com as mãos sujas.

Por que a pele fica coçando depois do banho?
Isso acontece devido a dois fatores distintos: alergias ou infecções na pele. As alergias são as reações do corpo ao itens que consumimos ou utilizamos, os quais o mesmo não aceita, e trabalha para combatê-los. No caso da pele, muitas alergias apresentam o prurido como sintoma, causando a coceira excessiva.

Se forem infecções da pele, as mesmas podem acontecer em regiões diversificadas e bem específicas, sendo que o banho apenas intensifica o prurido, mas não o causa.

Coceira na pele após o banho – O que pode ser?
Como explicamos acima, existem dois fatores básicos que podem deixar a pele coçando depois do banho. No caso das alergias, as mesmas podem acontecer devido aos seguintes fatores: Continue lendo Coceira na pele após o banho: O que pode ser?

Jovem agredido próximo ao circuito Dodô tem morte cerebral confirmada

O jovem agredido no bairro da Graça, próximo ao circuito Dodô, teve morte cerebral confirmada, segundo o A Tarde. Kaique Abreu, de 22 anos, foi espancado na madrugada de sexta-feira (9) e socorrido pelo Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), na Rua Manoel Barreto, por volta das 2h50h, e encaminhado para o Hospital Português.

Ainda de acordo com a publicação, a Secretaria de Saúde de Salvador afirmou que não foram encontradas marcas aparentes de espancamento no corpo do jovem quando ele foi atendido pelo Samu. Mas, a Polícia Civil explicou que a família do jovem levou um vídeo para a 14ª Delegacia Territorial, localizada na Barra, que mostra a agressão e testemunhas.

Testemunhas já foram ouvidas e a polícia procura novas imagens que possam identificar os agressores.

Padre Propõe ‘Jejum’ De WhatsApp Durante Quaresma

Religioso ‘Aconselhou’ Fiéis A Deixarem O Celular ‘De Lado’

Preocupado com o vício das pessoas no celular, o padre Valentino Porcile, de uma paróquia no bairro de Sturla, em Gênova, resolveu “aconselhar” seus fiéis a praticarem um jejum do WhatsApp. Porcile divulgou a ideia em um post no Facebook, que rapidamente viralizou na rede social e ganhou centenas de curtidas e comentários. Diversas pessoas aproveitaram o momento para se “confessarem” pelo uso obsessivo do aplicativo de mensagens.

“Eu realmente gosto da idéia de ver Jesus levando o iPhone que me prende, ele o joga no lago de Tiberias e me diz: ‘deixe suas redes sem fio e me siga’”, escreveu Porcile.

Na sequência da postagem, o padre sugeriu que as pessoas ocupem seus tempos com “relacionamentos reais e autênticos, não fingidos e virtuais”. Além disso, Porcile acrescenta a importância de ter “duas horas de conversa e olhar nos olhos” e de dedicar seu tempo para pessoas necessitadas.

“O verdadeiro desafio não é desligar o celular, mas encontrar formas autênticas e verdadeiras de comunicação. Desligando algo, podemos ativar outros”, concluiu. Um dos seguidores do padre, na publicação, comentou. “Eu tirei o telefone celular do meu garoto de 13 anos e ele sobreviveu”. Com informações da Ansa.

Protocolo de intenções pelo Rio São Francisco é assinado pela SEMA e CBHSF

Bahia, Notícias

Foto: SECOM/BA

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente e o Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco (CBHSF) assinaram, esta semana, protocolo de intenções para a implantação de ações de interface entre o Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (PRH-SF) 2016-2025, elaborado pelo Comitê, e o Plano Novo Chico (PNC-Bahia), elaborado pelo Governo da Bahia.

O secretário do Meio Ambiente, Geraldo Reis, afirmou que a ação significa o início de um “pacto das águas”, que é compatibilizar o plano de dimensão nacional com as ações planejadas pelo Estado. “A assinatura simboliza o grande esforço do Governo da Bahia, sob a coordenação da Casa Civil, e a disposição para avançar na parceria para que, de fato, o gerenciamento dos recursos hídricos do Rio São Francisco seja racional, com diálogo e debate na interface com outros Estados. Somente a convergência de esforços e recursos podem tornar reais os planos de gestão”, afirmou o gestor estadual.

O presidente do CBHSF, Anivaldo Miranda, completou que o protocolo abre portas para ações concretas conjuntas do Comitê e do Governo da Bahia. “Os demais Estados brasileiros que integram a Bacia do São Francisco olham para a Bahia, que é o primeiro Estado a assinar o protocolo e será exemplo para o Brasil. A partir desse documento, criamos as condições jurídicas e práticas para a cooperação e a parceria”.

A promotora Luciana Khoury, da Promotoria Regional Ambiental de Paulo Afonso (MP-BA) e do Núcleo de Defesa da Bacia do São Francisco (NUSF/MP), comemorou a assinatura do documento: “Com muita confiança nos atores aqui presentes e no novo secretário do Meio Ambiente, acredito que esse protocolo resultará em muitas parcerias para ações práticas na bacia”.

Sequestradores libertam ex-prefeito de Valença/BA., mantido em cativeiro desde 18 de janeiro

Bahia, Notícias, Policial

Foto: arquivo pessoal ex-prefeito de Valença Ramiro Campelo de Queiroz

O empresário e ex-prefeito de Valença no Baixo Sul da Bahia Ramiro Campelo de Queiroz, foi libertado pelos sequestradores na manhã desta segunda-feira (12/2), no Espírito Santo. A informação foi confirmada pelo coordenador regional da Polícia Civil de Valença, delegado José Raimundo Nery (5a Coorpin).

Segundo o delegado, a família viajou para a cidade capixaba para buscá-lo, mas não informou detalhes das negociações. “Os filhos dele viajaram agora pela manhã para ir buscá-lo. Agora só nos resta fazer a nossa parte”, disse o delegado”. O estado de saúde do empresário, que é diabético, também não foi informado.

Embora a polícia tenha confirmado, por uma questão de estratégia, na manhã de hoje, o filho mais velho do empresário, Ramiro Junior, negou a informação pelas redes sociais: “Bom dia amigos! As informações acerca da libertação de meu pai que estão circulando na internet, não procedem. Nós, como toda familia Valenciana estamos em orações aguardando o desfecho desse caso da melhor forma. Ramiro Jr. 12-02-2018”. A família temia que a informação vazasse antes das autoridades confirmarem a informação.

A família de Ramiro Campelo viajou para o Espírito Santo junto com as autoridades policiais, para buscar o empresário. Não foi divulgado como a negociação de libertação do empresário foi realizada e nem valores do resgate. Ramiro Campelo foi sequestrado no último dia 18. De acordo com informações divulgadas pela polícia, ele foi levado por três homens quando saía de casa.