Arquivos diários: 29 de setembro de 2016

menina-morre-conquista

Menina de 12 anos foi morta por engano, diz polícia

Na noite dessa quarta-feira (28), um crime chocou Vitória da Conquista. Uma menina de 12 anos morreu após ser baleada no bairro Guarani. De acordo com a 77ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), o alvo dos disparos seria um homem que estava com ela no momento do crime.

Testemunhas contaram à polícia que ele estava com a menor, quando dois homens em uma motocicleta branca dispararam quatro vezes contra o ele e a garota foi atingida por um tiro no abdômen. Ainda segundo a PM, o alvo da criminosos tem passagens pela delegacia, mas os crimes não foram detalhados.

Logo após o crime, o homem conseguiu fugir. A menina foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e encaminhada para o Hospital de Base de Vitória da Conquista, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Até a manhã desta quinta-feira (29), ninguém havia sido preso.

urna-eletronica-acessibilidade-50

Eleições 2016: Eleitor com deficiência pode ser auxiliado na cabine de votação

Somente aquelas pessoas que tenham alguma restrição de acessibilidade, que tenham dificuldade de locomoção (ou de visão) ou que precisem de um auxílio para votar podem ser acompanhadas na cabine de votação por uma pessoa de sua confiança.

As urnas eletrônicas contam com uma marca de identificação em relevo na tecla 5, para o eleitor cego se orientar no momento do voto com relação às outras teclas, e um sistema de áudio, que é automaticamente habilitado para o eleitor que já se identificou perante a Justiça Eleitoral como deficiente visual.

Além da marca de identificação, todas as teclas da urna têm Braille. Para o eleitor que notadamente tiver deficiência visual, o mesário poderá habilitar, no instante do voto, o sistema de áudio da urna, a fim de facilitar a votação deste eleitor.

Nestas Eleições, 601.085 eleitores informaram ter algum tipo de deficiência ou mobilidade reduzida. A Justiça Eleitoral disponibilizará 32.271 seções eleitorais especiais acessíveis no dia 2 de outubro.

eleicoes-2016-brumado-noticias-00

Justiça Eleitoral chama atenção para práticas proibidas no dia das eleições

Considerando que a legislação eleitoral proíbe determinadas condutas no dia de votação, o Ministério Público do Estado da Bahia, por meio do promotor eleitoral atuante na 90ª zona, Ruano Fernando Silva Leite, chama a atenção dos partidos para evitar a prática de crime eleitoral. Sendo assim, estabelece que, no próximo domingo (2), constituem crimes:

o uso de alto-falante e amplificadores de som ou a promoção de comício ou carreata; a arregimentação de eleitor ou a propaganda de boca de urna; e a divulgação de qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de seus candidatos.

As práticas acima referidas são puníveis com detenção, de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período, e multa no valor de cinco mil e quinze mil.

A legislação eleitoral permite, no dia das eleições, a manifestação individual e silenciosa da preferência do eleitor por partido político, coligação ou candidato, revelada exclusivamente pelo uso de bandeiras, broches, dísticos e adesivos.

delegado-pf-emerson-fonseca-66

Eleições 2016: Polícia Federal desmonta esquema de compra de votos em Vitória da Conquista

Por meio do Serviço de Inteligência, a Polícia Federal de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, descobriu um suposto esquema de compra de voto para as eleições de 2016. Segundo o delegado Emerson Fonseca, seriam utilizadas vans para transportar eleitores com santinhos, após os mesmos receberem uma quantia em dinheiro.

“A gente faz esse alerta para que os motoristas de vans não se envolvam nesse crime, já que a polícia está vigilante e, caso alguma irregularidade seja descoberta, iremos encaminhá-los para que sejam prestados os devidos esclarecimentos”, disse o delegado ao Blog do Rodrigo Ferraz. A PF não revelou se o esquema envolve candidatos a vereador ou prefeito.

Justiça Federal suspende atividades por causa da chuva em Conquista

justica-federalPor conta das fortes chuvas que caíram em Vitória da Conquista nesta semana, o expediente no prédio onde funciona a Justiça Federal foi suspenso. Segundo informações da Secretaria de Comunicação Social da Justiça Federal da Bahia, houve infiltração em parte do teto e alagamento em alguns setores, no entanto, nenhum equipamento ou processo foi danificado.

Diante dessa situação, o expediente no prédio foi suspenso por uma determinação administrativa na quarta-feira (28). Ainda de acordo com a Justiça Federal, um engenheiro foi acionado para avaliar a situação do prédio, e deu o parecer para que o local volte a funcionar nesta quinta-feira (29), depois das 12 horas.

Até lá, apenas serviços de urgência são atendidos. As audiências marcadas para o período em que os serviços estiveram suspensos serão remarcados pela Justiça Federal.